RIO BRANCO

Geral

Mais de 120 armas são apreendidas em Rio Branco no mês de janeiro, diz Segurança

Esses resultados se devem à presença policial com abordagem prévia destinada também a apreensão de armas, afirma secretário de Segurança.

Publicados

Geral

Esses resultados se devem à presença policial com abordagem prévia destinada também a apreensão de armas, afirma secretário de Segurança.

Ao todo, 124 armas de fogo foram apreendidas apenas no mês de janeiro em Rio Branco. O dado foi repassado pela Secretaria de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), nesta segunda-feira (4), durante coletiva. O secretário de Segurança, coronel Paulo Cézar, disse que esses resultados se devem à presença policial com abordagem prévia nos bairros.

Ainda segundo a Segurança, teve também uma redução de 37,25% no número de homicídios durante o mês de janeiro no Acre. Segundo o secretário, coronel Paulo Cézar, operações, presença policial nas ruas, investigações e cumprimento de mandados para retirada de pessoas de circulação foram fundamentais para o resultado.

“Acreditamos também que a redução se deu pelas operações desencadeadas ao longo do mês. Mas, o que fazemos, na prática, a análise criminal, a análise das equipes de inteligência que ocupam alguns locais e condutas de desarmamento”, disse o secretário.

Durante o último final de semana do mês de janeiro foram registrados seis homicídios. O delegado afirma que apesar das mortes, também foi o período no qual mais foram realizadas prisões em flagrante.

Leia Também:  Polícia Ambiental apreende madeira extraída ilegalmente

“Tivemos na região do Segundo Distrito da capital um registro mais elevado. Mas, em consequência das operações desencadeadas estarem destinadas a espaços onde poderiam ocorrer esse homicídio possibilitou o número de flagrantes, inclusive em uma única noite, todos os acusados de homicídio foram presos”, conclui o secretário.

Janeiro de 2018

Em comparação ao mesmo período do ano passado, houve uma redução, pois em janeiro do ano passado foram registrados 52 homicídios e dois latrocínios.

Ainda segundo as informações da Segurança Pública, destes 32 assassinatos, 21 ocorreram em Rio Branco. Em 2018, foram 31 casos registrados só na capital acreana. A redução dos assassinatos em todo estado é de 37,25%. Já na capital, a redução é de 29,03%.

A maioria das mortes ocorreu entre jovens do sexo masculino com a idade entre 18 a 20 anos. Foram oito ao todo. Maiores de 40 anos, foram registradas quatro mortes no estado.

COMENTE ABAIXO:

Propaganda

Geral

Poder Judiciário do Acre retoma plantão extraordinário com 30% da força de trabalho

Publicados

em

Portaria Conjunta Nº 5/2022 institui novas medidas administrativas para afastar a propagação do vírus neste momento – Foto Reprodução

Nesta segunda-feira, 17, a presidência do Tribunal de Justiça juntamente com a Corregedoria-Geral da Justiça tornou pública a Portaria Conjunta n° 5/2022, determinando a redução do quantitativo de servidores e colaboradores em regime presencial da instituição até o dia 24 de janeiro.

Deste modo, está autorizada a retomada do trabalho remoto e atuação, por meio de escala de revezamento, do trabalho presencial com no máximo 30% dos integrantes de cada setor, excetuando os casos em que se observe prejuízos aos serviços prestados pela unidade.

A medida considerou o aumento progressivo no número de casos de Covid-19 em todo o estado, principalmente nas últimas semanas, assim como o teor da Portaria GDG Nº 4, de 08 de janeiro de 2022, em que o Supremo Tribunal Federal autoriza a adoção do regime de teletrabalho excepcional ou, na impossibilidade, que se promova escala de revezamento para os servidores e colaboradores.

Leia Também:  TCE-AC fecha o cerco aos servidores que acumulam cargos ilegalmente

Assim, a gestão decidiu manter a política instaurada desde o início da pandemia para o resguardo e segurança à saúde dos magistrados e magistradas, servidores e servidoras, estagiários e estagiárias, todas e todos terceirizados e público externo.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA