RIO BRANCO

Educação

Estudantes denunciam golpe na compra de passagens aéreas na Bolívia

“Conheço pessoas de Rondônia, da Bahia, Maranhão e até de outros países como México, que foram enganadas por ele”, disse uma das vítimas.

Publicados

Educação

“Conheço pessoas de Rondônia, da Bahia, Maranhão e até de outros países como México, que foram enganadas por ele”, disse uma das vítimas.

Johnny Richard sumiu após vender passagens falsas a estudantes

Johnny Richard sumiu após vender passagens falsas a estudantes/Foto:Reprodução

A estudante de do 5º período do curso Medicina em Cochabamba, Samara Tavares Anute, foi vítima de um golpe de passagens aéreas. Já planejando suas férias do meio do ano em família, a acreana comprou as passagens na empresa Viccios Tour no mês de maio, com a data de embarque para o dia 10 de julho e destino a Cobija.

Entretanto, descobriu que se tratava de uma passagem falsa. A estudante afirma que esta não foi a primeira vez que comprava passagens com o empresário Johnny Richard Soto Pinto.

“Uma das pessoas que também foi lesada foi tentar remarcar sua passagem e procurou o Jhonny no Facebook, mas não econtrou. Achando estranho, entrou em contato pelo whatsapp e ele não respondeu. Ao chegar no aeroporto viu que a passagem não existia, era falsa e como foi com o mesmo vendedor eu imediatamente fui verificar a minha, pois pra minha surpresa eu também tinha sido vítima do mesmo golpe”, disse.

Leia Também:  Professor diz que teve casa invadida por policiais civis em Rio Branco

Samara disse ainda que ao postar o fato nas redes sociais, descobriu que várias outras pessoas também haviam sido vítimas do mesmo golpe com o mesmo vendedor.

Johnny Richard sumiu após vender passagens falsas

Em conversa com estudante, o empresário afirma que não vai devolver o dinheiro

“Ele emitia as passagens e logo em seguida pedia o cancelamento, ele não enganou só a gente estudante, mas também proprietários de agências de viagem que ele fez parceria para usar o código deles.

Na verdade ninguém esperava, porque vai fazer três anos que eu estou aqui e nesse período eu e alguns colegas só comprávamos passagem com ele,  nunca tinha dado problema [até então]. Ficamos todos chocados e indignados com essa situação, porque somos estudantes e ralamos pra passar as férias com a família”.  

Ainda de acordo com Samara, pessoas de vários lugares do Brasil e de outros países foram lesadas. “Conheço pessoas de Rondônia, da Bahia, Maranhão e até de outros países como México, que foram enganadas por ele”, finalizou.

A estudante, bem como outros clientes que se dizem lesados pelo empresário, chegaram a entrar em contato com Jhonny pelo aplicativo de mensagens WhatssApp. Na conversa que a jovem supostamente teve com o empresário, ele diz que o dinheiro dos estudantes não será devolvido: “Não vai ser feito devolução do dinheiro de vocês. Já gastei tudo, estou em La Paz agora só vendo como sair do país. Não estou nem aí para o que vocês vão fazer, a polícia daqui não faz nada”.

Leia Também:  Perspectivas futuras: Fundação Elias Mansour debate perspectivas para Seringal Bom Destino

Logo após finalizar a compra

Fonte: contilnetnoticias.com

COMENTE ABAIXO:

Propaganda

Educação

Escola infantil de Rio Branco é desativada por falta de saída de emergência; alunos são transferidos

Publicados

em

Alunos do pré I têm vaga garantida na Escola Menino Jesus — Foto: Prefeitura de Vilhena/Reprodução

A Secretaria de Educação de Rio Branco (Seme) precisou transferir cerca de 140 alunos para outros colégios após a desativação do prédio onde funcionava a Escola Alexandre dos Santos Leitão, no Centro da capital.

É que o local não tem saída de emergência e não atende os padrões de projeto exigidos pelo Corpo de Bombeiros do Acre.

A Educação informou que, ao longo dos anos, fez algumas intervenções no prédio para tentar melhorar o acesso, porém, as limitações do espaço impossibilitaram ‘a implementação de uma rota de fuga que atenda os padrões de projeto exigidos pelo CBM/AC’.

Com o fechamento, a Seme fez as seguintes transferências: Alunos que concluíram o pré I serão encaminhados para a Escola Municipal Menino Jesus, no Centro de Rio Branco; Alunos que concluíram o pré II serão encaminhados às escolas estaduais para o 1º ano do Ensino fundamental; A pasta destacou ainda que os alunos do pré I já têm vaga garantida na Escola Menino Jesus. O prédio onde funcionava a escola é cedido ao Poder Público e, por isso, a prefeitura não pode investir recursos públicos. Com informações do G1 Acre.

Leia Também:  Casa de madeira é destruída por incêndio na Vila do Incra, em Porto Acre

E Veja Também no 3 de Julho Notícias

Veja o Vídeo Abaixo: O ex-deputado federal, Sibá Machado, gravou um vídeo polêmico onde fez um desabafo contra o presidente da República, Jair Bolsonaro, o Juiz Sérgio Moro e o governador do Acre, Gladson Cameli. Sibá não perdeu a oportunidade de alfinetar o gestor em se tratando do escândalo de corrupção no qual para a Polícia Federal, Cameli é tido como o chefe de uma organização Criminosa que desviou quase R$ 1 bilhão de reais dos cofres públicos do Estado.

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter: 3 de Julho Notícias

Youtube: 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook: 3 de Julho Notíci

Página do Instagram: 3 de Julho Noticias

Veja o Vídeo:

Veja-se no  Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe

Veja-se no  Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página do Instagram 3 de Julho Noticias, seja membro e compartilhe.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA