RIO BRANCO

Geral

Cruzeiro do Sul: Garota é estuprada na saída da escola

Adolescente afirma que foi colocada dentro de um carro por quatro homens e violentada por um deles.

Publicados

Geral

Adolescente afirma que foi colocada dentro de um carro por quatro homens e violentada por um deles.

Segundo ela, a menina está em estado de choque

Segundo ela, a menina está em estado de choque

A polícia investiga o estupro a uma adolescente de 17 anos, raptada na Avenida 25 de Agosto por volta das 21:00 de quarta-feira (16), quando saía da escola, em Cruzeiro do Sul (AC).  A titular da Delegacia Especializada no Atendimento da Mulher e do Menor (Deam), Carla Ivane de Brito, ouviu a menor e sua mãe na manhã dessa quinta.

Segundo ela, a menina está em estado de choque. E contou que foi agarrada por dois homens encapuzados, e arrastada para dentro de um carro preto. Os outros dois que estavam no carro colocaram um saco de pano em sua cabeça.

“Ela não faz ideia do local para onde foi levada, só sabe que foi jogada sobre um chão gelado, e que ali foi violentada por um dos homens”, declarou a delegada.

A garota foi intimidada e deixada no mesmo local onde foi apanhada, próximo de casa. Ela disse à polícia que há algum tempo vinha sendo seguida por um homem, e chegou a ser ameaçada por ele com uma faca.

Leia Também:  Fim dos tempos- implantação do bio chip no Brasil

Fonte a Voz do Acre

COMENTE ABAIXO:

Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Geral

Poder Judiciário do Acre retoma plantão extraordinário com 30% da força de trabalho

Publicados

em

Portaria Conjunta Nº 5/2022 institui novas medidas administrativas para afastar a propagação do vírus neste momento – Foto Reprodução

Nesta segunda-feira, 17, a presidência do Tribunal de Justiça juntamente com a Corregedoria-Geral da Justiça tornou pública a Portaria Conjunta n° 5/2022, determinando a redução do quantitativo de servidores e colaboradores em regime presencial da instituição até o dia 24 de janeiro.

Deste modo, está autorizada a retomada do trabalho remoto e atuação, por meio de escala de revezamento, do trabalho presencial com no máximo 30% dos integrantes de cada setor, excetuando os casos em que se observe prejuízos aos serviços prestados pela unidade.

A medida considerou o aumento progressivo no número de casos de Covid-19 em todo o estado, principalmente nas últimas semanas, assim como o teor da Portaria GDG Nº 4, de 08 de janeiro de 2022, em que o Supremo Tribunal Federal autoriza a adoção do regime de teletrabalho excepcional ou, na impossibilidade, que se promova escala de revezamento para os servidores e colaboradores.

Leia Também:  Jovens contra a redução da maioridade penal fazem encontro

Assim, a gestão decidiu manter a política instaurada desde o início da pandemia para o resguardo e segurança à saúde dos magistrados e magistradas, servidores e servidoras, estagiários e estagiárias, todas e todos terceirizados e público externo.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA