RIO BRANCO

Geral

Ampliação do efetivo policial reforça a Segurança do Acre, Segurança foi um dos setores que mais recebeu investimentos

Publicados

Geral

Foram convocados mais de 700 novos policiais nos últimos dois anos de gestão – Foto: Assessoria PMAC

Assessoria – Mesmo em um período pandêmico em que todas as atenções estão voltadas em resolver os problemas causados pela Covid-19, a Segurança foi um dos setores da Administração Pública que mais recebeu investimentos do governo do Acre, em pouco mais de dois anos de gestão.

Só na contratação de novos profissionais, foram cinco convocações para cargos efetivos, totalizando mais de 700 homens e mulheres, distribuídos entre as instituições Polícia Militar e Polícia Civil. Um reforço jamais visto na segurança pública, reflexo de um compromisso e respeito com a sociedade acreana.

“Não esperávamos uma pandemia e tivemos que reformular todo o planejamento de gestão. Mesmo com todos os desafios, não deixamos de priorizar um dos setores mais sensíveis que é Segurança Pública. Sabemos que as contratações ainda não são suficientes pra preencher o efetivo ideal de cada instituição, porém, estamos trabalhando para em breve, poder fazer novas convocações”, destacou o governador Gladson Cameli.

Em números, foram contratados nos últimos dois anos 240 policiais militares, 256 policiais civis, entre delegados, agentes, escrivães e auxiliares de necropsia. Mais 15 novos peritos e três médicos legistas. A última convocação foi realizada em março deste ano, quando o governador autorizou o chamamento de mais 200 candidatos em cadastro de reserva do último concurso realizado para a Polícia Militar.

Leia Também:  Ex-vereador indígena morre após ser picado por cobra no município de Jordão

As convocações trazem reforço a segurança pública do Acre – Foto: arquivo

O curso de formação dos aprovados está previsto para acontecer no segundo semestre deste ano e os novos alunos já foram chamados neste mês de junho para a abertura do processo de matrícula, junto ao Centro Integrado de Ensino e Pesquisa em Segurança Pública (Cieps).

“Diante do nosso efetivo atual, recebemos esse reforço com muita satisfação. Se tudo ocorrer como programado, esperamos contar com esses profissionais já capacitados em abril de 2022.

É com certeza um ganho para nossa instituição que tanto carece de efetivo e para a população que precisa da segurança pública”, disse o comandante-geral da Polícia Militar, Paulo César Gomes.

Para o secretário da pasta, Paulo Cézar Rocha dos Santos, estruturar as forças de segurança é a garantia de bons resultados e os reflexos já podem ser sentidos pela população. “Mesmo diante de uma pandemia, com crises econômicas e de saúde, o Estado não deixou de responder aos anseios da população acreana. Ainda temos muito o que avançar, mas acreditamos que estamos no caminho certo”, finalizou.

Leia Também:  Зеркало казино Слоттика

Secretário de Justiça e Segurança Pública, Paulo Cézar Rocha dos Santos – Foto: Arquivo.

E veja também no 3 de Julho Notícias

Veja o Vídeo Abaixo: Seringal urbano – Localizado no bairro Seis de Agosto, região central de Rio Branco, o Parque Capitão Ciríaco é o único seringal urbano do mundo. Pertenceu ao capitão Ciríaco Joaquim de Almeida, que esteve envolvido no movimento político conhecido como Revolução Acreana (1899 – 1903). Por seu valor histórico e ambiental, o espaço foi transformado em atração turística de Rio Branco em agosto de 1994. 

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter 3 de Julho Notícias

Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook 3 de Julho Notíci

Veja o Vídeo:

Inscreva-se no Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe.

Inscreva-se no Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Inscreva-se na Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.

COMENTE ABAIXO:

Propaganda

Geral

Poder Judiciário do Acre retoma plantão extraordinário com 30% da força de trabalho

Publicados

em

Portaria Conjunta Nº 5/2022 institui novas medidas administrativas para afastar a propagação do vírus neste momento – Foto Reprodução

Nesta segunda-feira, 17, a presidência do Tribunal de Justiça juntamente com a Corregedoria-Geral da Justiça tornou pública a Portaria Conjunta n° 5/2022, determinando a redução do quantitativo de servidores e colaboradores em regime presencial da instituição até o dia 24 de janeiro.

Deste modo, está autorizada a retomada do trabalho remoto e atuação, por meio de escala de revezamento, do trabalho presencial com no máximo 30% dos integrantes de cada setor, excetuando os casos em que se observe prejuízos aos serviços prestados pela unidade.

A medida considerou o aumento progressivo no número de casos de Covid-19 em todo o estado, principalmente nas últimas semanas, assim como o teor da Portaria GDG Nº 4, de 08 de janeiro de 2022, em que o Supremo Tribunal Federal autoriza a adoção do regime de teletrabalho excepcional ou, na impossibilidade, que se promova escala de revezamento para os servidores e colaboradores.

Leia Também:  'Não queremos o lugar de ninguém', diz médica cubana

Assim, a gestão decidiu manter a política instaurada desde o início da pandemia para o resguardo e segurança à saúde dos magistrados e magistradas, servidores e servidoras, estagiários e estagiárias, todas e todos terceirizados e público externo.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA