RIO BRANCO

Geral

Acidente com caminhão do Exército deixa mais de 20 militares feridos

Algumas vítimas foram conduzidas ao centro cirúrgico e outras para o posto do BIS. Um inquérito policial militar vai ser instaurado para apurar as causas do acidente.

Publicados

Geral

Algumas vítimas foram conduzidas ao centro cirúrgico e outras para o posto do BIS. Um inquérito policial militar vai ser instaurado para apurar as causas do acidente.

Acidente com caminhão do Exército deixa mais de 20 militares feridos no interior do Acre (Foto: Rosevan Ferreira/Arquivo pessoal)

Um acidente com o caminhão do 61º Batalhão de Infantaria de Selva (BIS) deixou 21 militares feridos na manhã desta segunda-feira (18). De acordo com o Exército, o acidente aconteceu no KM 80 na BR-364, próximo a aldeia dos índios Katukinas.

Em nota, o BIS informou que a viatura seguia para Rio Branco, onde participaria da Operação Manaós – Força Tarefa Príncipe da Beira, coordenada pela 17ª Brigada de Infantaria de Selva, quando o acidente aconteceu.

“Após avaliação pela equipe médica do hospital, foi constatado que todos os envolvidos no acidente tiveram escoriações leves, 2 militares apresentaram fratura e outros 3 encontram-se em observação, devido a traumas na coluna e cabeça”, diz a nota.

O motorista perdeu o controle da direção, saiu da pista e desceu em uma ribanceira. As vítimas foram encaminhadas ao Hospital do Juruá, em Cruzeiro do Sul, com escoriações e ferimentos leves. Alguns foram liberados e levados para a enfermaria do 61º BIS. Os dois mais graves foram levados ao centro cirúrgico.

Leia Também:  Médico que ofendeu técnica é condenado a pagar indenização por danos morais

O BIS informou ainda que está dando todo o apoio às vítimas e aos seus familiares e que um inquérito policial militar vai ser instaurado para apurar as causas do acidente.

Urgente: Plantão 3 de Julho Notícias

Veja no Plantão 3 de Julho Noticias tudo sobre o envolvimento do Policial Civil envolvido no roubo das armas da delegacia de Policia Civil de Brasileia, Curta a nossa página do Facebook e se inscreva no nosso canal do YouTube e lembre-se de ativar as notificações clicando no sininho.

Do G1 Acre

COMENTE ABAIXO:

Propaganda

Geral

Poder Judiciário do Acre retoma plantão extraordinário com 30% da força de trabalho

Publicados

em

Portaria Conjunta Nº 5/2022 institui novas medidas administrativas para afastar a propagação do vírus neste momento – Foto Reprodução

Nesta segunda-feira, 17, a presidência do Tribunal de Justiça juntamente com a Corregedoria-Geral da Justiça tornou pública a Portaria Conjunta n° 5/2022, determinando a redução do quantitativo de servidores e colaboradores em regime presencial da instituição até o dia 24 de janeiro.

Deste modo, está autorizada a retomada do trabalho remoto e atuação, por meio de escala de revezamento, do trabalho presencial com no máximo 30% dos integrantes de cada setor, excetuando os casos em que se observe prejuízos aos serviços prestados pela unidade.

A medida considerou o aumento progressivo no número de casos de Covid-19 em todo o estado, principalmente nas últimas semanas, assim como o teor da Portaria GDG Nº 4, de 08 de janeiro de 2022, em que o Supremo Tribunal Federal autoriza a adoção do regime de teletrabalho excepcional ou, na impossibilidade, que se promova escala de revezamento para os servidores e colaboradores.

Leia Também:  Obras de revitalização do Instituto Santa Juliana devem começar em dezembro

Assim, a gestão decidiu manter a política instaurada desde o início da pandemia para o resguardo e segurança à saúde dos magistrados e magistradas, servidores e servidoras, estagiários e estagiárias, todas e todos terceirizados e público externo.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA