RIO BRANCO

Esporte

Registro inédito de 1980 mostra ex-craque do Botafogo e da Seleção Brasileira, Mané Garrincha, durante evento festivo no Acre

Publicados

Esporte

Garrincha (camisa branca) ao lado de outros jogadores durante evento festivo, em Rio Branco (AC) – Foto: Reprodução Facebook

Um registro inédito do ex-craque do Botafogo e da Seleção Brasileira, Mané Garrincha, foi divulgado nessa quinta-feira (23), na rede social do desportista Afrânio Moura. Na imagem, o ex-jogador aparece ao lado de outros ex-atletas durante evento festivo em 1980, na antiga Fundação Bem-Estar de Assistência Social do Acre (Funbesa), em Rio Branco (AC).

Garricha veio à capital acreana naquela época representando a Legião Brasileira de Assistência (LBA), que tinha programas sociais voltados ao assistencialismo e à juventude. A Funbesa era um dos núcleos para projetos sociais, principalmente voltado ao esporte.

– Foi a inauguração, se eu não estou equivocado, da quadra poliesportiva que tinha na Funbesa naquele ano, onde era um espaço de atividades físicas. Eram desenvolvidas muitas atividades e ele estava presente – relembra Afrânio Moura em entrevista ao ge.

– Nesse dia uma das atividades foi um torneio de futsal da comunidade local e nós, que estamos presentes nesse registro fotográfico, fizemos uma equipe e participamos e fizemos esse registro com o Garrincha. Na verdade ele jogou nesse evento, ele veio representando os programas sociais e abrilhantou essa atividade – completa o desportista, que é o terceiro jogador agachado da esquerda para direita.

Leia Também:  “Prisão perpétua”: goleiro Bruno culpa mídia por aposentadoria forçada

O núcleo do antigo Funbesa estava situado no bairro Estação Experimental, que à época era uma das regiões mais periféricas na capital acreana. A inauguração do espaço esportivo com a presença de Garrinha, que já era reconhecido como ídolo no futebol, foi um marco histórico.

– (Garrincha) Participava dessas solenidades pra chamar o público e atenção da mídia. A Estação Experimental na época era considerado um bairro com alta taxa de criminalidade ou com jovens usando drogas – diz o jornalista Manoel Façanha.
Garrincha coleciona outras aparições pelo esporte acreano durante a década de 1970. Há registro dele com camisa do Independência durante amistoso e também com o Náuas, na cidade de Cruzeiro do Sul, no interior do Acre.

Conhecido como ‘O anjo das pernas tortas’, Garrincha fez história no Botafogo e na Seleção Brasileira, onde foi bicampeão mundial em 1958 e 1962.

Garrincha (camisa branca) ao lado de outros jogadores durante evento festivo, em Rio Branco (AC) — Foto: Reprodução Facebook

Leia Também:  Próximo da classificação na Série D, técnico interino quer cautela nas rodadas finais: "Nos precaver"

E Veja Também no 3 de Julho Notícias

Veja o Vídeo Abaixo: Major Rocha, participou, representando o Governo do Acre, da abertura do Seminário Regional Etnodesenvolvimento e Sustentabilidade, promovido pela Secretaria de Governo da Presidência da República e Fundação Nacional do Índio (Funai). ‌Ofertar aos povos indígenas a oportunidade de decidir o próprio futuro parece simples? Pelo contrário, graças ao massivo discurso de desenvolvimento sustentável que no Acre ganhou novas tonalidades com a “Florestania” dava-se a entender que tudo que era feito pelos governos era decidido pelas comunidades, mas nada passava, segundo eles, de opções diante dos caminhos expostos.

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter 3 de Julho Notícias

Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook 3 de Julho Notíci

Página do Instagram 3 de Julho Noticias

Veja o Vídeo:

Veja-se no  Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe

Veja-se no  Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página do Instagram 3 de Julho Noticias, seja membro e compartilhe.

COMENTE ABAIXO:

Propaganda

Esporte

Técnica indica pontos determinantes para vencer clássico e quer 100% no 2º turno

Publicados

em

Neila Rosas quer vitória sobre Andirá na última rodada para fechar 2º turno com 100% de aproveitamento – Foto: Arquivo pessoal / Neila Rosas

O Rio Branco-AC deu um grande passo para conquistar o segundo turno do Campeonato Acreano de Futebol Feminino e garantir a vaga na decisão do estadual ao vencer a Assermurb por 3 a 2, de virada, na noite dessa quinta-feira (21), no estádio Florestão, na capital, em clássico válido pela quarta rodada.

Com o resultado, o Estrelão assumiu a liderança isolada da classificação com nove pontos e só precisa de um empate na última rodada para ser campeão do returno e se classificar para a final para encarar a própria Assermurb.

A vitória foi histórica. Depois de terminar o primeiro tempo perdendo por 2 a 0, o time Alvirrubro conseguiu a virada na etapa final com três gols da meia-atacante Monique. Para a técnica Neila Rosas, o resultado positivo só foi possível graças a determinação das atletas, principalmente na metade final do jogo.

– O determinante foi o time acertar porque a gente levou dois gols de bola parada e isso é inadmissível. A conversa que a gente teve no intervalo foi muito importante. E a garra das meninas, a força de vontade, o físico também ajudou muito pra gente fazer essa virada – considera.

Na última rodada, no domingo (24), o Rio Branco-AC terá pela frente o Andirá, lanterna da competição. Neila Rosas deve poupar algumas jogadoras, mas garante que o pensamento é conquistar mais uma vitória para fechar o returno com 100% de aproveitamento. A treinadora, entretanto, garante que o time vai a campo com a mesma dedicação que teve nos jogos anteriores, sem subestimar o adversário, que não somou nenhum ponto em sete jogos disputados.

Leia Também:  Próximo da classificação na Série D, técnico interino quer cautela nas rodadas finais: "Nos precaver"

– Contra o Andirá a gente só tem que pensar em ganhar pra fechar o segundo turno com 100% de aproveitamento. Nós jogamos pelo empate, mas não queremos o empate, queremos ganhar. Não vamos entrar pensando que porque ganhamos da Asssermurb ganharemos de qualquer outro time. A gente nunca pode subestimar o adversário, então vamos com a mesma vontade, a mesma pegada que jogamos nos outros jogos – finaliza.

O Estrelão encara o Andirá no domingo, a partir das 15h30 (do Acre), no estádio Florestão, pela quinta e última rodada do segundo turno. O Rio Branco-AC só não será campeão do returno se não vencer o Andirá e houver um vencedor no confronto Assermurb x São Francisco, que fecham a rodada, às 17h30, no mesmo local.

Caso o São Francisco vença a partida contra a Assermurb vai precisar ainda superar o Alvirrubro no saldo de gols para conquistar o segundo turno e ir à decisão. Se a Assermurb for campeã do returno será declarada campeã estadual, pois venceu também o primeiro turno. Veja mais no Globo Esporte Acre

Leia Também:  Ídolo no basquete, Oscar se arrepende de ter votado em Bolsonaro: “despreparo danado”

E Veja Também no 3 de Julho Notícias

Veja o Vídeo Abaixo: Vereadora Neiva Badotti solicita do secretário de Ação Social providências sobre as crianças Haitianos que fica na ponte todo os dias pedindo dinheiro, e que o Poder Público proporcione dignidade para essas crianças. Neiva solicita também que seja encaminhado um oficio para a gerente do hospital para saber se chegou algum saco funerário doado pela prefeitura, comprado com o dinheiro do covid, e que solicita que seja agendado novamente a reunião com a secretaria de segurança pública do estado, para se tratar sobre o IML, pois a mais de 20 anos o problema se arrasta e até o momento nada foi resolvido.

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter 3 de Julho Notícias

Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook 3 de Julho Notíci

Página do Instagram 3 de Julho Noticias

Veja o Vídeo:

Veja-se no  Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe

Veja-se no  Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página do Instagram 3 de Julho Noticias, seja membro e compartilhe

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA