RIO BRANCO

Esporte

Corpo de Bombeiros do Acre é o 2º colocado em competição técnico-profissional

Publicados

Esporte

Mais de cem competidores de 22 estados do Brasil participaram da disputa acirrada para eleger o melhor bombeiro do Brasil. Durante toda a quarta-feira, 13, os bombeiros revezavam-se nas etapas do concurso, que contou com cinco categorias, nas versões feminino e masculino. 

O tenente bombeiro Felipe Lima, do Corpo de Bombeiros do Acre (CBMAC), foi vice-campeão dessa  prova, com o segundo tempo mais baixo já visto neste circuito.

“A prova é muito interessante porque a gente tem a convicção da necessidade de manter o pleno desempenho físico e técnico, porque o bombeiro não tem que sair sozinho de uma situação de risco. Ele tem que sair e levar outra pessoa. Temos a consciência exata disso, e tão importante quanto o condicionamento físico é o autocontrole emocional, pois, muitas vezes possuímos o físico, mas o psicológico abala”, afirmou o tenente Felipe.

Na disputa feminina, a campeã foi a bombeiro Mônica Barbosa Rodrigues, de Goiás, tricampeã da prova.

O comandante-geral, coronel Carlos Batista, esteve presente no evento. “Para mim é motivo de grande alegria presenciar esse belíssimo desempenho de nossos militares. Estão de parabéns por demonstrarem e esbanjarem força física, técnica operacional e força de vontade em tão bem representar o CBMAC. Esta prova demonstra o potencial do bombeiro em ocorrências reais, porque exige dele habilidades como força, assertividade e a velocidade necessária para o salvamento de vítimas ou extinção de incêndio”, explicou Batista.

Leia Também:  Prefeitura de Brasiléia realiza o terceiro desafio de Mountain Bike

O comandante também agradeceu o apoio do governador Gladson Cameli em todas as ações realizadas pelo CBMAC.

Conheça a prova

Para receberem o título Bombeiro de Aço, os campeões tiveram de cumprir um complexo circuito, composto de quatro etapas com obstáculos e montado no estacionamento do Multicenter Sebrae.

Após cruzarem a linha de chegada, geralmente, os competidores demonstram completa exaustão pelo esforço exigido.

A primeira fase da prova foi a subida na torre, em que o militar com o Equipamento de Proteção Individual (EPI) sobe lances de escadas, realiza um içamento de mangueira de 12kg e posterior descida da torre. Após esta etapa, o bombeiro simula uma entrada forçada. Com uma marreta, o competidor desloca um peso em uma estrutura denominada Kaiser Force Machine, como se estivesse abrindo um local fechado para resgate. Ele percorre 40 metros de slalow (curvas sinuosas), popularmente chamado de corrida em zig zag.

Na fase de extinção de incêndio, o atleta precisa executar o arraste de uma mangueira e usar o esguicho para conter o fogo. A etapa final da prova é o resgate de vítima inconsciente. Nela, cada bombeiro arrasta um manequim de 80 quilos por um percurso de 30 metros até a linha de chegada.

Leia Também:  Usando Acre como rota, amigos do AM pedalam mais de 2 mil km para chegar ao Peru

Número recorde de inscritos

A quantidade de inscritos é a maior registrada nas últimas edições – a prova deste ano contou com mais que o dobro de inscritos em 2018. Na última edição, realizada em Foz do Iguaçu (PR), havia uma disputa entre todos os bombeiros, com a segmentação apenas por sexo. Ao todo, 43 bombeiros participaram da prova no Paraná. Este ano, foram 102 inscritos.

De acordo com o diretor da prova, coronel Francisco dos Anjos, uma das inovações desta edição foi a divisão da prova por categorias, conforme faixa etária. Foram cinco categorias, disputadas tanto no masculino como no feminino: de 18 a 30 anos, de 31 a 35 anos, de 36 a 40 anos, de 41 a 45 anos e acima de 45 anos. Foram 22 estados com representantes na disputa pelo título de “Bombeiro de Aço”.

O Senabom

O Seminário Nacional de Bombeiros é realizado anualmente e tenciona capacitar corporações de todo o país, com discussões acerca de temas pulsantes no cenário da segurança nacional, mais especificamente prevenção e resgate. Este ano, de forma inédita, o Senabom foi sediado na capital do Maranhão, São Luís, com uma extensa programação de palestras, apresentação de trabalhos científicos e provas técnicas.

COMENTE ABAIXO:

Propaganda

Esporte

Prefeitura de Sena Madureira realizará torneio para selecionar jogadores para campeonato SUB-17 e SUB-20

Publicados

em

A Data da realização do torneio será no sábado, dia 29 de Janeiro, os jogos acontecerão no estádio Marreirão Foto: Reprodução

Assessoria – A Prefeitura de Sena Madureira por meio da Secretaria Municipal de Cultura, Turismo, Esporte e Lazer (SEMCTEL) e da Gerência Municipal de Esportes, abriu inscrições para um torneio de futebol seguido de uma peneira com o objetivo de formar uma seleção do município para participar do Campeonato Estadual de Futebol, nas categorias Sub-17 e Sub-20.

A ideia partiu de uma conversa do Prefeito Mazinho Serafim (MDB), com o Presidente da Federação Acreana de Futebol, Antônio Aquino Lopes (Toniquim), na semana passada. Colocar um time senamadureirense no cenário do futebol profissional do Estado, é um sonho antigo do gestor municipal juntamente com o vice-prefeito Gilberto Lira, que começa a se tornar realidade.

As inscrições para as equipes que desejam participar iniciaram quarta-feira (19) no Complexo Esportivo e Cultural, em anexo ao Estádio Marreirão, no período da manhã e da tarde. Vale destacar que é necessário que cada representante compareça com a cópia do RG dos jogadores de sua equipe, a idade máxima para jogar a competição é de 20 anos.

Leia Também:  Sem empate na 1ª fase, Acreano Sub-15 começa neste sábado com quatro jogos no Florestão

A Data da realização do torneio será no sábado, dia 29 de Janeiro, os jogos acontecerão no estádio Marreirão, reinaugurado pela gestão do prefeito Mazinho Serafim, após mais de 22 anos desativado.

Na manhã desta terça-feira (18) ocorreu uma reunião para tratar dos últimos detalhes, com a Presença da Secretária de Cultura, Lourdes Gregório, do Gerente Municipal de Esportes, João Brandão, da Vereadora Ivoneide Bernardino, do Choquito (Representando o Prefeito Mazinho Serafim), do Secretário de Produção, Ecinairo Carvalho (Xuxa), do ex-jogador de futebol profissional, Doca Madureira, e dos demais membros da Gerência de Esportes.

E Veja Também no 3 de Julho Notícias

Veja o Vídeo Abaixo: Em meio a maior crise do sistema de transporte coletivo dos últimos tempos, a população de Rio Branco vive um dilema e acorda todo dia sem saber se terá ônibus passando em sua região. O prefeito Tião Bocalom tentou amenizar o problema repassando R$ 2 milhões e quatrocentos mil para as empresas quitar os débitos com empregados, acordo não cumprido e que foi um dos motivos para a intervenção no setor.

Leia Também:  Jogador Hulk Paraíba doa R$ 150 mil, para ajudar na compra de oxigênio em Manaus

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter: 3 de Julho Notícias

Youtube: 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook: 3 de Julho Notíci

Página do Instagram: 3 de Julho Noticias

Veja o Vídeo:

Veja o Vídeo:

Veja-se no  Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe

Veja-se no  Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página do Instagram 3 de Julho Noticias, seja membro e compartilhe.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA