RIO BRANCO

Educação

Ufac prepara curso de Relações Internacionais para 2022

Publicados

Educação

O Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFCH) da Universidade Federal do Acre (Ufac) aprovou, em assembleia realizada nesta quinta-feira (7), o projeto de criação do curso de bacharelado em Relações Internacionais.

O curso, em nível de graduação, objetiva formar e capacitar profissionais para o exercício de atividades de consultoria, planejamento e gestão com interface internacional, tanto no domínio público como no privado, nas estruturas governamentais, instituições de ensino, pesquisa e extensão, em empresas e organizações diversas.

No Brasil existem 107 cursos de Relações Internacionais, oferecidos por instituições públicas e privadas. No contexto da região Norte, apenas as universidades federais do Acre e de Rondônia não o oferecem.

A ideia desse curso é antiga na Ufac e agora ela se consolida em um contexto mais amplo de expansão da universidade, que é a única instituição de ensino superior público e gratuito do Acre, com fundamental atuação no desenvolvimento da região.

A comissão responsável pela proposta aprovada é formada pelos professores Nilson Euclides, Eurenice Lima, Letícia Mamed e Jacó Piccoli, das Ciências Sociais; Wlisses James, da História, e Cristovão Henrique, da Geografia.

Leia Também:  Prefeitura De Assis Brasil Não Paga Piso Nacional Da Educação

Na apresentação do curso, a comissão explicou que, considerando a história da Ufac, com mais de meio século de atividades, somada à especificidade de sua localização na fronteira entre Brasil, Peru e Bolívia, já existe na instituição uma memória de importantes realizações no âmbito das relações internacionais.

Assim, a proposta do curso está ancorada nessas experiências acumuladas, mas também se mostra atenta para discutir os desafios da integração do Acre ao contexto sul-americano e mundial, com valorização da multiculturalidade macrorregional e baseada em uma perspectiva de formação humanista e crítica.

A partir de agora, a comissão responsável pela proposta, liderada pelo diretor do CFCH, professor José Dourado, acompanhará de perto a tramitação do projeto nas demais instâncias deliberativas da universidade.

A previsão é de implantação do novo curso em 2022, com abertura de uma turma por ano, oferta de 50 vagas no turno vespertino/noturno e duração de quatro anos.

E Veja Também no 3 de Julho Notícias

Veja o Vídeo Abaixo: Deputado Edvaldo Magalhães lamentou que as escolas estão pedindo açúcar emprestado na taberna do bairro”, as três escolas situadas na cidade de Feijó não iniciaram o ano letivo por falta de organização da Secretaria de Estado de Educação (SEE) do governo Gladson Cameli. As Escola de Ensino Médio José Gurgel, por exemplo, ficou sem iniciar as atividades por falta de energia elétrica. Além disso, está faltando merenda. “Aonde tem merenda, estão servindo bolacha com ki-suco. O governo anunciou um programa que deixaria todos os alunos bem alimentados, mas não tem merenda. Não conseguiram contratar e entregar merenda para iniciar o ano letivo, diz deputado

Leia Também:  Concursos nacionais e para o DF somam mais de 2 mil vagas veja

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter 3 de Julho Notícias

Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook 3 de Julho Notíci

Página do Instagram 3 de Julho Noticias

Veja o Vídeo:

Veja-se no  Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe

Veja-se no  Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página do Instagram 3 de Julho Noticias, seja membro e compartilhe.

COMENTE ABAIXO:

Propaganda

Educação

Educação de Jovens de Adultos está com matrículas abertas em 14 escolas de Rio Branco até 5 de novembro

Publicados

em

Escolas com matrículas abertas. Fonte: Divisão de Jovens e Adultos da SEE

A Educação de Jovens e Adultos (EJA) está com matrículas abertas em 14 escolas de Rio Branco até 5 de novembro. Os estudantes que pretendem continuar os estudos ou ingressar na modalidade devem procurar a escola mais próxima (veja o quadro com as escolas com matrículas abertas).

Para ingressar na etapa ensino fundamental é necessário a idade mínima de 15 anos, já na de ensino médio, 18 anos. Desde de sua institucionalização no país, a EJA democratiza o ensino, ajudando milhares de jovens e adultos brasileiros a concluírem os estudos. 

E Veja Também no 3 de Julho Notícias

Veja o Vídeo Abaixo: Vereadora Neiva Badotti – “Não me manda recado, mais! Este tipo de recado é de quem deve, é de quem está com medo, eu vou continuar fiscalizando, denunciando doa a quem doer. Eu tenho certeza que essas denuncias não vão passar despercebidas, eu confio plenamente no Poder Judiciário na Policia Federal que não vão usar dois pesos e duas medidas para ninguém. Ninguém está acima da Lei, nem a senhora prefeita, nem o Governo do Estado e nem o presidente da República interfere na PF, não me mande mais recado!!”, concluiu a parlamentar.

Leia Também:  Saúde Escolar realiza atendimento a educadores e servidores de apoio

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter 3 de Julho Notícias

Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook 3 de Julho Notíci

Página do Instagram 3 de Julho Noticias

Veja o Vídeo:

Veja-se no  Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe

Veja-se no  Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página do Instagram 3 de Julho Noticias, seja membro e compartilhe

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA