Educação

Prefeitura de Plácido, Acrelândia e UFAC Implantam Curso Superior de Agronomia no município

Publicados

Educação

Em um ato louvável de trabalho em parceria, a Prefeitura de Plácido de Castro, a de Acrelândia e a UFAC – Universidade Federal do Acre, dão um passo importantíssimo para a implantação do curso a nível superior, de agronomia no Município.

Na manhã desta segunda-feira, 18/04/2022, o prefeito, Prof. Camilo da Silva, recebeu na Secretaria Municipal de Educação, o professor Mark Clark, Diretor de Interiorização e Programas Especiais da UFAC e sua equipe, além da professora Raimunda Rezende, Coordenadora para o curso de Agronomia de Acrelândia, o vereador daquele Município, Sr. Rozeno Melo e o presidente da Câmara de Plácido de Castro Zé Nunes, para uma importante reunião com a pauta voltada para o curso supracitado.

Segundo a secretária de Educação de Plácido de Castro, Sra. Marizete Melo, a reunião teve como objetivo principal, a discussão dos parâmetros a serem seguidos que facilitem a implantação do curso. Em seguida, todos se deslocaram à escola Carlos José dos Santos, no Km 14 da Ac 475, onde todos aprovaram, unanime-te, como o local ideal para a realização do curso.

Leia Também:  Socorro Neri assina ordem de serviço para ampliação da Escola Monte Castelo

O prefeito Camilo da Silva, junto à secretaria Municipal de Educação do Município, não mediu esforços, para que esse importante empreendimento fosse concretizado no Município, que formará novos profissionais na área da agronomia; prova disso, é que o prefeito firmou compromisso em realizar imediata adequações na sala onde serão ministradas as aulas, com mudanças e revitalização.

A professora e Secretária de Educação em exercício, professora Marizete Melo, informou à nossa reportagem, que serão 50 vagas disponíveis, sendo 30 para Plácido de Castro e 20 para Acrelândia, com turno integral e que entre Maio e Junho, será publicado o edital, com o inícios das aulas previsto para Agosto 2022.

A localização da Escola Prof. Carlos José dos Santos, foi fundamental para a decisão unânime na escolha do local para as aulas, visto que dista apenas 20 km de Acrelândia e 14 de Plácido de Castro.

Em breve, a Secretaria Municipal de Educação, trará maiores e mais detalhadas informações quanto a esse novo empreendimento na área educacional do Município, graças à uma emenda parlamentar do atual senador da República, Sérgio Petecão.

Leia Também:  Apenado do município de Tarauacá é aprovado na Ufac para o curso de Engenharia Florestal

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Educação

Educação: Prefeitura de Cruzeiro do Sul realiza readequação do calendário letivo 2022

Publicados

em

Com o objetivo de otimizar e flexibilizar as datas do calendário letivo de 2022, a Prefeitura Municipal de Cruzeiro do Sul, por meio da Secretaria Municipal de Educação, realizou uma reunião com todos os diretores de escolas municipais para a readequação do calendário letivo.

De acordo com a Secretaria Municipal, a reunião com os diretores ocorreu para que alguns sábados letivos fossem readequados. Pois havia 32 sábados letivos durante o ano de 2022 e isso estava prejudicando o andamento do ano letivo, uma vez que os professores também atuam na rede estadual de ensino. Pelo novo calendário serão 22 sábados letivos. Com isso, o ano letivo previsto para se encerrar no final de dezembro se encerra agora em 15 de janeiro de 2023.

Além da mudança no calendário letivo, durante a reunião também foi apresentado o Projeto Político Pedagógico Anual das escolas, que são as diretrizes que norteiam os processos de ensino e aprendizagem nas escolas.

A presidente do Conselho Municipal de Educação, Ivonete Oliveira, disse que as mudanças no calendário serão benéficas e que isso não trará prejuízos ao ano letivo.
“Nosso calendário letivo sofrerá essa mudança para melhorar nossas atividades escolares. Pois tínhamos meses com todos os sábados letivos e isso estava prejudicando nossos professores porque também atuam na rede estadual. Com isso, nossos diretores aceitaram a mudança que não trará nenhum prejuízo ao ano letivo de 2022.” Disse Ivonete.

Leia Também:  Uninorte disponibiliza 390 vagas para o ProUni, 15 são para Medicina

O secretário adjunto de educação, professor Valdenísio Martins, disse que a mudança foi necessária para que houvesse melhorias nas ações educacionais e nas diretrizes do Projeto Político Pedagógico, apresentado na reunião.

“Educação se faz com planejamento e as mudanças necessárias. Percebemos a necessidade da retirada de alguns sábados do nosso calendário letivo para que nossos professores pudessem ter mais dias de descanso nos finais de semana, existem também os planejamentos obrigatórios, por isso, retiramos dez sábados letivos e prorrogamos o ano letivo até o dia 15 de janeiro de 2023”, concluiu Martins.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA