Educação

Prefeitura de Cruzeiro do Sul reforma e estrutura mais uma escola, desta vez no Cruzeirinho

Publicados

Educação

A Prefeitura de Cruzeiro do Sul entregou, aos moradores do bairro Cruzeirinho, a Escola Irmã Diana, totalmente reformada. Também foram entregues recursos e materiais necessários para garantir boas condições aos professores e alunos .

“Estamos fazendo uma série de investimentos na área da educação, desde o primeiro ano da gestão. Esses investimentos estão acontecendo, tanto na cidade quanto na zona rural. Já investimos mais de 10 milhões de reais e tenho certeza que esse esforço que estamos fazendo, vai contribuir muito para qualificar o sistema de ensino do nosso município”. E seguiu: “A educação é o caminho para o desenvolvimento, é nisso que acreditamos”, explicou o prefeito de Cruzeiro do Sul, Zequinha Lima.

Francinete Araújo, que é mãe de um aluno da Escola Irmã Diana, celebrou a nova estrutura e se emocionou enquanto falava sobre a escola : “Eu estou muito emocionada. Quando botei meu filho para estudar aqui a estrutura era muito ruim, inclusive colocava as crianças em risco. Mas, o que a gestão do prefeito Zequinha fez agora, vai devolver a dignidade pra gente e garantir a segurança para os nossos filhos”, declarou a mãe.

Leia Também:  Tião Viana inaugura terceira escola estadual de ensino na Cidade do Povo

“Estamos vencendo os desafios, Graças ao planejando, as parcerias e a responsabilidade com dinheiro público. Por isso estamos reformando e construindo escolas, garantindo kits de material escolar, melhorando a estrutura educacional do município – na cidade e no campo. Foi isso que o prefeito Zequinha Lima colocou pra gente desde o primeiro dia no mandato, é nessa toada que vamos seguir trabalhando”, disse o secretário de educação Amarísio Saraiva.

A diretora da escola Irmã Diana, Antônia Eliana, falou sobre o que muda com a reforma: ” Vai mudar muita coisa, pois agora teremos um ambiente adequado para desenvolver nossas aulas, de acordo com a didática adotada pelos nossos professores. Para nós, viver o dia de hoje é um sonho realizado”, disse a gestora.

Muito além das reformas

Não é apenas as reformas e construções de novas escolas e aparelhos escolares, nem mesmo o planejamento para a construção de uma creche modelo no município. A Prefeitura de Cruzeiro do Sul, vem garantindo, também, apoio às famílias com a distribuição de materiais escolares. Foram entregues kits escolares para os alunos, equipamentos de informática para todas as escolas, na cidade e na zona rural, além de carteiras novas e outros materiais estruturais para garantir o bom funcionamento da educação municipal.

Leia Também:  Prefeitura de Plácido realiza reunião com os novos contemplados com auxílio Brasil em Campinas

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Educação

Educação: Prefeitura de Cruzeiro do Sul realiza readequação do calendário letivo 2022

Publicados

em

Com o objetivo de otimizar e flexibilizar as datas do calendário letivo de 2022, a Prefeitura Municipal de Cruzeiro do Sul, por meio da Secretaria Municipal de Educação, realizou uma reunião com todos os diretores de escolas municipais para a readequação do calendário letivo.

De acordo com a Secretaria Municipal, a reunião com os diretores ocorreu para que alguns sábados letivos fossem readequados. Pois havia 32 sábados letivos durante o ano de 2022 e isso estava prejudicando o andamento do ano letivo, uma vez que os professores também atuam na rede estadual de ensino. Pelo novo calendário serão 22 sábados letivos. Com isso, o ano letivo previsto para se encerrar no final de dezembro se encerra agora em 15 de janeiro de 2023.

Além da mudança no calendário letivo, durante a reunião também foi apresentado o Projeto Político Pedagógico Anual das escolas, que são as diretrizes que norteiam os processos de ensino e aprendizagem nas escolas.

A presidente do Conselho Municipal de Educação, Ivonete Oliveira, disse que as mudanças no calendário serão benéficas e que isso não trará prejuízos ao ano letivo.
“Nosso calendário letivo sofrerá essa mudança para melhorar nossas atividades escolares. Pois tínhamos meses com todos os sábados letivos e isso estava prejudicando nossos professores porque também atuam na rede estadual. Com isso, nossos diretores aceitaram a mudança que não trará nenhum prejuízo ao ano letivo de 2022.” Disse Ivonete.

Leia Também:  Estudante no Acre posta foto com faca na cintura em sala de aula

O secretário adjunto de educação, professor Valdenísio Martins, disse que a mudança foi necessária para que houvesse melhorias nas ações educacionais e nas diretrizes do Projeto Político Pedagógico, apresentado na reunião.

“Educação se faz com planejamento e as mudanças necessárias. Percebemos a necessidade da retirada de alguns sábados do nosso calendário letivo para que nossos professores pudessem ter mais dias de descanso nos finais de semana, existem também os planejamentos obrigatórios, por isso, retiramos dez sábados letivos e prorrogamos o ano letivo até o dia 15 de janeiro de 2023”, concluiu Martins.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA