RIO BRANCO

Educação

Escola Integral Boa União aprova quase a metade dos alunos no SISU

A professora destaca que boa parte dos alunos estuda na escola Boa União desde o sexto ano do Ensino Fundamental II.

Publicados

Educação

A professora destaca que boa parte dos alunos estuda na escola Boa União desde o sexto ano do Ensino Fundamental II.

A Escola Jovem integral Boa União, localizada no bairro de mesmo nome, na região da Baixada da Sobral, aprovou, apenas na primeira e segunda chamadas do Sistema de Seleção Unificada (SISU), 27 dos 69 alunos das duas turmas de terceiros anos, o que representa um percentual de 39,13% de selecionados até agora.

Para a coordenadora de ensino da Escola, professora Cláudia Valente, a expectativa é que esse percentual ainda possa aumentar, uma vez que mais alunos aguardam ser chamados, ainda, na terceira e até na quarta chamada. “A meta que estabelecemos é que o percentual de aprovados supere os 50%”, disse.

Para se ter uma ideia do sucesso dos alunos e do modelo de ensino que representam as escolas integrais, há alunos selecionados para as mais diversas universidades e faculdades da nossa cidade, como o Ifac, FAAO, Uninorte e para a própria Ufac.

Leia Também:  Governo certifica alunos do ensino profissionalizante de cidades do interior

Para a Ufac, por exemplo, há alunos aprovados para História, Física, Química e Medicina Veterinária. Para o Ifac há um aluno aprovado para Matemática. “O que devemos destacar, nesse caso, é que o aluno aprovado, o João Pereira,  é autista, é nosso aluno desde o ensino fundamental e começou a se destacar a partir do modelo integral”, explica a professora.

Os alunos que foram selecionados para as faculdades particulares, a maioria conseguiu bolsas integrais. Há aprovados para Direito e Arquitetura na FAAO, Odontologia na Uninorte, Inglês, Engenharia Civil e Análises de Sistemas na Pitágoras e Direito na Fameta.

A professora destaca que boa parte dos alunos estuda na escola Boa União desde o sexto ano do Ensino Fundamental II. Para ela, os alunos estão em uma região de alta vulnerabilidade social e que a escola, em certa medida, ajudou a comunidade escolar a superar limitações.

Cita o caso do aluno Thiago Luan, que ao entrar no ensino médio tinha muita dificuldade  para aprender matemática, mas a partir do próprio esforço e ajuda de professores e coordenadores, conseguiu ser aprovado na primeira chamada para cursar Física na Ufac.

Leia Também:  Quero Ler: uma nova oportunidade para quem quer ser alfabetizado

“São esses exemplos que nos movem e não tenho dúvida que o modelo de ensino integral ajuda esses jovens a serem protagonistas de suas próprias vidas. Esse modelo é um modelo que deu muito certo em nosso Estado”, finalizou a professora.

COMENTE ABAIXO:

Propaganda

Educação

Educação realiza acompanhamento pedagógico em escolas da zona rural de Porto Walter

Publicados

em

Durante dez dias, coordenadores e assessores pedagógicos da Secretaria Municipal de Educação percorrerão as escolas das regionais do Rio Cruzeiro do Vale, Baixo Juruá, Rio Mirim, Natal, Ouro Preto, Rio das Minas e Grajaú realizando acompanhamento pedagógico e a conclusão do 3º bimestre das aulas.

O acompanhamento acontece diante da necessidade de melhorar a qualidade do ensino e promover a inserção de atividades no currículo e na didática pedagógica. Além de aspectos pedagógicos, os profissionais procurarão discutir ações teóricas e práticas que norteiam as ações de programas e suporte da educação municipal, conforme destaca o Secretário de Educação Flávio Borges.

“Uma das prioridades do Prefeito César Andrade e nossa enquanto secretário é a educação. Esses encontros são fundamentais para alinharmos as ações pedagógicas, promovendo a mobilização da comunidade, dos pais para que a frequência dos alunos seja mantida, e para que as intervenções necessárias em sala aconteçam, tudo isso para que a gente tenha cada vez mais a melhoria do desempenho acadêmicos dos estudantes”, ressalta.

E Veja Também no 3 de Julho Notícias

Veja o Vídeo Abaixo: Não vou munda meu voto, tenho costume de orar com minha palavra, diz vereador Jurandir. O clima na Câmara de Vereadores esquentou, após parte dos servidores da prefeitura de Brasileia tumultuar a sessão e descumprirem o Regimento Interno, por esse motivo, os vereadores chamou a atenção da Presidente da Casa, Arlete Amaral, por conta da sua inércia diante da situação vexatória. 

Leia Também:  Estudantes da rede pública terão acesso a cursos profissionalizantes a distância

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter: 3 de Julho Notícias

Youtube: 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook: 3 de Julho Notíci

Página do Instagram: 3 de Julho Noticias

Veja o Vídeo:

Veja-se no  Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe

Veja-se no  Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página do Instagram 3 de Julho Noticias, seja membro e compartilhe

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA