RIO BRANCO

Educação

Colégio Militar Tiradentes fica acima da média nacional no Ideb

Publicados

Educação

Uma metodologia de ensino com base na disciplina, na valorização do civismo e dos valores morais e éticos, assim o Colégio Militar Tiradentes, da Polícia Militar do Acre (PMAC), tem destacado seu trabalho educacional. Com base nisso, a Instituição Educacional Militar conseguiu alcançar 6 pontos, no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), divulgado nesta terça-feira, 15 de setembro.

Para o major PM Agleison Alexandrino, diretor do Colégio Militar Tiradentes, essa pontuação, que está acima da média nacional do ensino fundamental II, é resultado de um trabalho conjunto de toda a equipe educacional. “O índice é uma vitória, pois estamos trabalhando com um pensamento de fazer a diferença e de contribuir cada vez mais com a educação do nosso estado e o resultado é satisfatório”, destacou o oficial.

O Ideb – Índice de Desenvolvido da Educação Básica foi criado no ano de 2005 pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), e possui como objetivo medir a qualidade do aprendizado do ensino básico no país.

A média nacional do ensino fundamental II, que abrange do 6º ao 9º ano, ficou em 4.9 e a do estado do Acre ficou em 4.8. O destaque do Colégio Militar aumenta ainda mais a responsabilidade da instituição. “É uma alegria e satisfação para nós, mas, ao mesmo tempo, só aumenta a importância do nosso trabalho, para que possamos, nos próximos anos, alcançar os índices dos melhores colégios do país”, disse o diretor.

Leia Também:  Universidade Federal de Ouro Preto abre vagas para curso em Rio Branco

COMENTE ABAIXO:

Propaganda

Educação

Escola infantil de Rio Branco é desativada por falta de saída de emergência; alunos são transferidos

Publicados

em

Alunos do pré I têm vaga garantida na Escola Menino Jesus — Foto: Prefeitura de Vilhena/Reprodução

A Secretaria de Educação de Rio Branco (Seme) precisou transferir cerca de 140 alunos para outros colégios após a desativação do prédio onde funcionava a Escola Alexandre dos Santos Leitão, no Centro da capital.

É que o local não tem saída de emergência e não atende os padrões de projeto exigidos pelo Corpo de Bombeiros do Acre.

A Educação informou que, ao longo dos anos, fez algumas intervenções no prédio para tentar melhorar o acesso, porém, as limitações do espaço impossibilitaram ‘a implementação de uma rota de fuga que atenda os padrões de projeto exigidos pelo CBM/AC’.

Com o fechamento, a Seme fez as seguintes transferências: Alunos que concluíram o pré I serão encaminhados para a Escola Municipal Menino Jesus, no Centro de Rio Branco; Alunos que concluíram o pré II serão encaminhados às escolas estaduais para o 1º ano do Ensino fundamental; A pasta destacou ainda que os alunos do pré I já têm vaga garantida na Escola Menino Jesus. O prédio onde funcionava a escola é cedido ao Poder Público e, por isso, a prefeitura não pode investir recursos públicos. Com informações do G1 Acre.

Leia Também:  Universidade Federal de Ouro Preto abre vagas para curso em Rio Branco

E Veja Também no 3 de Julho Notícias

Veja o Vídeo Abaixo: O ex-deputado federal, Sibá Machado, gravou um vídeo polêmico onde fez um desabafo contra o presidente da República, Jair Bolsonaro, o Juiz Sérgio Moro e o governador do Acre, Gladson Cameli. Sibá não perdeu a oportunidade de alfinetar o gestor em se tratando do escândalo de corrupção no qual para a Polícia Federal, Cameli é tido como o chefe de uma organização Criminosa que desviou quase R$ 1 bilhão de reais dos cofres públicos do Estado.

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter: 3 de Julho Notícias

Youtube: 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook: 3 de Julho Notíci

Página do Instagram: 3 de Julho Noticias

Veja o Vídeo:

Veja-se no  Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe

Veja-se no  Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página do Instagram 3 de Julho Noticias, seja membro e compartilhe.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

EDUCAÇÃO

CONCURSO

ESPORTE

MAIS LIDAS DA SEMANA