Idaf realiza curso de Defesa Agroflorestal para agentes de fiscalização

Ao todo 54 servidores participam do curso, com carga horária de quarenta horas. Durante a formação, os agentes recebem instruções sobre a fiscalização de trânsito, inspeção de carne suína e bovina, além de defesa vegetal.

Visando fortalecer o sistema de defesa sanitária animal por meio dos serviços de barreiras com a fiscalização do rebanho em trânsito no estado, o Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal (Idaf), em parceria com a Fundação Escola do Servidor (Fespac), realiza o primeiro Curso de Defesa Agroflorestal para agentes de fiscalização que atuam no instituto.

“Queremos agradecer a parceria com a escola do servidor, que é referência na qualificação profissional no estado. Buscamos esta formação para capacitar nossos agentes para cuidar do rebanho  fortalecendo o serviço de defesa animal em todo o estado por meio da prevenção, controle e erradicação de doenças. É importante lembrar que no próximo ano o Acre ficará isento da vacinação contra a aftosa e esses agentes concluem a formação preparados para atuar na garantia da sanidade bovina”, ressaltou o diretor do Idaf, Ronaldo Queiroz.

Gean Carlos da Silva, afirma ser um privilégio participar da capacitação junto aos demais colegas responsáveis pelo setor de transito animal. “Sei da importância dessa capacitação no apoio à saúde animal e essa é a turma que segura o batente evitando que animais transitem sem os devidos cuidados, colocando em risco o rebanho acreano, nossa intenção é evitar a transmissão de doenças entre nossos animais”, disse.

Com este já somam nove a quantidade de cursos que Everaldo Ribeiro realiza na Escola do Servidor, para ele a capacitação em Defesa Agroflorestal vai contribuir para o aperfeiçoamento profissional nas atividades diárias junto ao Idaf.

“Esse era um curso muito esperado, ele vai contribuir muito na qualidade de nossos serviços, na responsabilidade em desenvolver nossas ações visando não apenas o setor agropecuário, mas o bem estar da população a partir da oferta de produtos com qualidade e garantia. Hoje o Acre está livre da peste suína e da aftosa fruto também desse trabalho de capacitação”, destacou.

A escola do servidor trabalha com uma programação anual a partir das demandas das secretarias, além das espontâneas quando surgem as necessidades, a partir daí é celebrada a parceria para atender ao projeto solicitado promovendo a difusão do conhecimento e elevação da autoestima dos servidores.

“Estamos realizando o curso de defesa agroflorestal com a primeira turma essa com 22 alunos, na próxima semana inicia a outra turma com mais 32 agentes do Idaf totalizando 54 servidores da capital e interior. Vale ressaltar que esses cursos vêm atender todas as necessidade de promoção e progressão na carreira, além da renovação e aprimoramento dos conhecimentos que eles colocarão em prática nas suas carreiras”, pontuou a diretora-presidente da Fespac, Heloísa Pantoja.

Por meio da Fundação Escola do Servidor o governo do estado já capacitou mais de 30 mil servidores em diversos setores, até dezembro deste ano esse número deve chegar a 32 mil, incluindo as vinte e duas cidades acreanas.

Plantão 3 de Julho Notícias 13ª Edição

PF faz buscas na casa de candidato em Brasiléia; suspeita é de compra de voto. A Polícia Federal fez buscas, na casa do candidato a deputado estadual Joaquim Lyra, após uma denúncia de suposta compra de voto. Após as buscas na residencias, o candidato prestou depoimento na sede da PF em Epitaciolândia.