Prefeitura de Brasileia inicia a programação do Setembro Amarelo

O plano tem duração de cinco dias, com realização de palestras, panfletagem, caminhada e apresentações.

Por Raylanderson Frota

A Prefeitura de Brasileia através do Centro de Valorização a Vida (CVV), iniciou na segunda-feira (10), a programação pertencente ao Setembro Amarelo. 

Na tarde de segunda-feira, foi realizada uma caminhada pelas principais ruas de Brasileia, saindo da escola Fontenele de Castro e chegada à Praça Hugo Poli, onde contou com a participação de alunos, servidores da saúde, educação, assistência social, funcionários do Centro de Atenção Psicossocial (CAPS), e população em geral.

A secretária de assistência social, Rogéria Gondim, falou a respeito do evento. “Durante toda essa semana estaremos com uma programação de divulgação e prevenção do Setembro Amarelo, chamando atenção da nossa população para a importância desse tema, para que possamos fazer um trabalho de formiguinha salvando vidas”, falou Rogéria.

Nos demais dias da programação será realizada palestras nas escolas estaduais e municipais e terá o encerramento no dia 17 de setembro com o Show de Talentos na Praça Hugo Poli.

Centro de Valorização a Vida

O CVV oferece atendimento gratuito de apoio emocional e prevenção do suicídio. De acordo com o site da associação, são cerca de 1 milhão de pessoas atendidas por voluntários todo ano. Os atendimentos podem ser realizados através do numero 188, chat ou e-mail no link: https://www.cvv.org.br/ e no CAPS de Brasileia.

A psicóloga Luma Braga falou a respeito do trabalho realizado. “Nós realizamos um trabalho com 4 grupos de apoio são eles: pessoas com depressão, tentativas de suicídio e automutilação, transtorno do pânico, bipolar, ansiedade e esquizofrenia e usuários de álcool e outras drogas”, explicou Luma.

As reuniões são realizadas as terças, quintas e sexta-feira pela manhã e tarde. Na parte da manhã inicia as 10 horas e a tarde as 15 horas.

Plantão 3 de Julho Notícias 12ª Edição

Confronto entre presos no presídio deixa morto e feridos. Um novo enfrentamento entre presos aconteceu no presídio de Villa Bush, distante cerca de 8 km da capital do estado do Pando, onde tem como capital, a cidade de Cobija, no lado Boliviano.