Depasa promove manutenções no sistema de captação de água de Bujari

O gestor informa que outros serviços de manutenções são adotados pela autarquia em busca do pleno funcionamento da Estação de Tratamento da Água.

Com o objetivo de assegurar um tratamento de água com eficácia, o Departamento Estadual de Pavimentação e Saneamento (Depasa) promoveu nesta semana um conjunto de manutenções no sistema de captação de água do reservatório da cidade de Bujari.

Os agentes técnicos da autarquia atuaram especificamente na reestruturação da bomba em balsa flutuante, como o desentupimento da válvula de sucção e outras reparações da parte mecânica, além da ação de limpeza do equipamento e da área onde ele fica instalado.

“Uma manutenção necessária exigiu a paralisação do sistema de captação e distribuição de água por algumas horas, mas sem comprometer o cronograma de abastecimento, resultando numa melhor operacionalidade das estruturas e equipamentos e, consequentemente, oferecendo uma água tratada de melhor qualidade à população”, destaca o gerente do Depasa no município, Raimundo Viana.

O gestor informa que outros serviços de manutenções são adotados pela autarquia em busca do pleno funcionamento da Estação de Tratamento da Água (ETA) da cidade, assim como da rede que abastece as mais de 1.500 ligações domiciliares da área urbana.

“Periodicamente efetuamos a limpeza dos filtros da ETA, pois, com o passar do tempo, os materiais filtrantes perdem a eficiência, por isso efetuamos a substituição de todos, a fim de proporcionar o aumento de produção da água. Já no dia a dia, nossos agentes técnicos estão sempre efetuando reparos em vazamento nas ruas da cidade e orientando os moradores sobre a economia de água”, relata Viana.

Abastecimento

Com o início do período de estiagem, a autarquia implantou no mês de julho um novo cronograma de abastecimento para consumidores do Bujari, onde a distribuição de água, feita em dias alternados, passou para um dia sim e dois não. A medida se fez necessária para estabilizar o nível de reservatório da ETA, que estava recebendo pouco volume do Igarapé Redenção, que deságua no local.

“Temos a estimativa de que essa medida seja adotada até o fim de setembro ou com a estabilização das chuvas na região do reservatório. Até o momento, a ação está alcançando o efeito espero. O açude da ETA mantém volume estável para boa captação, por isso agradeço a colaboração dos moradores e pedimos que sigam usando a água tratada de modo consciente”, recomenda o gerente.

3 de Julho Entrevistas 12ª Edição

Veja nesta edição a entrevista com o Vice-presidente da Câmara de Brasileia, Rozevete Honorato ele que vai contar um pouco da sua carreira política e também falará da sua experiência como vereador de primeiro mandato.

3 de Julho Entrevistas 12ª Edição

Nesta entrevista o vereador Edu Queiroz falou da sua trajetória  política, inclusive dos seus três mandatos seguidos em legislaturas anteriores, assista!!!!

Esta notícia está na categoria Geral. Marcar o link.