Viveiro da Floresta vai disponibilizar mudas aos visitantes da Expoacre 2018

A 45◦ edição da Expoacre traz como novidade o stand do Cadastro Ambiental Rural (CAR) e do Programa de Regularização Ambiental (PRA).

Por Agnes Cavalcante

Mais uma vez o Viveiro da Floresta, mantendo sua a tradição, está presente na Expoacre 2018, com a mostra da produção de mudas de espécies florestais e frutíferas, que serão disponibilizadas para doação no último dia de exposição, domingo, 5.

Os visitantes da maior feira de entretenimento do Acre vão desfrutar de mudas das espécies frutíferas de abacaxi, açaí, acerola, cacau, caju, graviola, cupuaçu, dentre outras, e de espécies florestais como a andiroba, angelim, castanheira, seringueira, copaíba e os ipês. O espaço também agrega toda a diversidade de palmeiras, também conhecidas como “palheiras”.

O Viveiro da Floresta e a Biofábrica, unidades da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema), produzem mais de 600 mil mudas por ano, sendo que, em 2018, 40 espécies diferentes estão sendo disponibilizadas aos visitantes da Expoacre.

“No último dia de exposição, vamos doar cinco mil mudas aos visitantes da feira. A proposta é estimular o plantio nas residências e propriedades rurais”, ressalta o coordenador do Departamento de Silvicultura da Sema, André Schatz.

As senhas para os interessados em adquirir as mudas serão disponibilizadas a partir das 15 horas, no domingo. A entrega das plantas se inicia às 17 horas.

Os investimentos do Estado no Viveiro da Floresta e na Biofábrica recebem apoio dos seguintes parceiros: Banco Mundial, Fundo Amazônia e Banco Alemão KfW.

Stand do CAR e PRA

A 45◦ edição da Expoacre traz como novidade o stand do Cadastro Ambiental Rural (CAR) e do Programa de Regularização Ambiental (PRA).

Durante a feira serão realizadas inscrição de imóveis no CAR, ofertados atendimento a solicitações de retificação de cadastros já realizados, análise prioritária e a adesão ao PRA.

“Todas as dúvidas e informações sobre o CAR e os trâmites da regularização ambiental de imóveis podem ser sanadas neste espaço, planejado de forma excepcional e especialmente para atendimento dos visitantes da Expoacre 2018”, salienta o secretário de Meio Ambiente, Edegard de Deus.

Esta notícia está na categoria Cultura. Marcar o link.