Irmão de Petecão declara segundo voto a Ney Amorim na disputa pelo Senado

Acho bom alguns medalhões da política acreana que têm intenção de ocupar uma das cadeiras do Acre no Senado Federal colocarem as barbas de molho.

Tudo indica que a pré-candidatura que mais cresce em termos de apoio é a de Ney Amorim. Empolgado com os números das últimas pesquisas que o colocam com dois dígitos na preferência do eleitorado, Amorim vem percorrendo o Estado e consolidando sua pré-candidatura que terá base política nos 22 municípios. Enquanto os partidos de oposição batem cabeça com a pulverização de candidaturas, a FPA — já definiu o time e trabalha forte nos bastidores.

Uma das últimas declarações de apoio que ele recebeu foi do irmão do senador Sérgio Petecão (PSD), o conhecido empresário Sirlei Oliveira, conhecido como “X”, que mantém empresas atuando no segmentos de combustíveis, nos municípios de Epitaciolândia e Brasileia, no Alto Acre.

Ney Amorim vem sendo reconhecido por aliados e até mesmo por adversários como um político habilidoso, aberto ao diálogo, que não aderiu ao discurso degradante e pejorativo que a esquerda vem mantendo em relação aos partidos de direita. Graças a postura política de respeito aos adversários, tudo indica que Amorim contará com o apoio de deputados estaduais de oposição na campanha eleitoral deste ano.

A boa relação com alguns oposicionista ficou evidenciada nos discursos e palavras de apoio que ele recebeu no ano passado, quando Jairo Carvalho (PSD), Gerlen Diniz (Progressistas) e Luiz Gonzaga (PSDB) usaram a tribuna para elogiar a condução dos trabalhos na Aleac. Outro fator interessante é que Ney Amorim é a segunda opção para os eleitores dos outro candidatos. Com a conquista do apoio do irmão de Petecão, Ney Amorim descobriu qual é o “X” da questão que poderá ajudar na aquisição de votos no Alto Acre, garantindo a dobradinha nas urnas de Epitaciolândia e Brasileia com um oposicionista que também conta com votos de simpatizantes de partidos da Frente Popular.

Por Ray Melo, ac24horas

:: Textos publicados nesta página são de inteira responsabilidade do colunista. Não refletem a opinião do Jornal.

.