Ministério da Saúde garante recursos para Maternidade Bárbara Heliodora

O Ministério da Saúde (MS) aprovou portaria que redefine as diretrizes para a implantação e habilitação do Centro de Parto Normal, no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS) para o atendimento à mulher e ao recém-nascido no momento do parto.

A partir dessa habilitação, a Maternidade Bárbara Heliodora (MBH) vai receber um incentivo financeiro de R$ 40 mil para a melhoria dos setores de parto, pré-parto e puerpério (PPP). A verba servirá ainda para ajudar a custear as despensas mensais como a aquisição de materiais.

“Com a aprovação dessa portaria, nós passamos a efetivamente ser reconhecidos pelo serviço que prestamos pelo MS. E com esse incentivo mensal temos condições de melhorar cada vez mais o atendimento, garantindo um serviço de qualidade”, ressalta gerente da MBH, Serlene Gonçalves.

A portaria, com previsão de entrar em vigor ainda este mês de janeiro, tem como objetivo trazer uma maior segurança e assistência à mulher e à criança recém-nascida, além de fornecer a melhoria do parto e a garantia ao parto humanizado. Assegura ainda a condução da assistência ao parto de baixo risco, além de outras ações que beneficiam a saúde das mamães e de seus filhos.

Em 2017, a Maternidade Bárbara Heliodora realizou aproximadamente 2,7 mil partos normais.

Esta notícia está na categoria Saúde. Marcar o link.