Governo beneficia mais 600 famílias com a posse do título definitivo

O sonho do título definitivo de propriedade vai se tornar real para 600 famílias rio-branquenses nesta quarta-feira, 27. Novos 600 cidadãos serão contemplados com a posse do documento.

O governo do Estado, que até o momento já regularizou 44 mil imóveis, entre urbanos e rurais, realiza mais uma entrega do documento para cidadãos dos bairros Luiz Israel de Lira II, Santa Inês, Vitória e Pedro Roseno.

Executada pelo Instituto de Terras do Acre (Iteracre), a política de regularização garante segurança e uma série de outros benefícios. Com o título em mãos, o proprietário pode acessar linhas de crédito específicas e oferecer o imóvel como garantia em financiamentos.

Durantes a gestão de Tião Viana (2011/2017), o Estado investiu R$ 25 milhões na regularização de propriedades nos 22 municípios acreanos. A expectativa é de que, até o fim de 2018, 60 mil imóveis sejam regulamentados.

“Enquanto a meta anual do governo federal é sete mil títulos, o Estado mantém uma média de 10 mil títulos. Para o ano que vem, planejamos alcançar outras 17 mil famílias com essa política”, salienta Nil Figueiredo, diretor-presidente do Iteracre.

A regularização fundiária de um bairro é realizada mediando as ações de infraestrutura: esgoto, saneamento e água tratada. Cada título demandaria cerca de R$ 10 mil para o proprietário. Com a política de governo, o documento sai a custo zero.

:: Textos publicados nesta página são de inteira responsabilidade do colunista. Não refletem a opinião do Jornal.

.