Batalhão Ambiental apreende oito jabutis que iriam ser comercializados

O Batalhão Ambiental realizou a operação no Parque Estadual Chandless. A fiscalização contou com apoio da comunidade.

 Por Maria Meirelles / Assessoria 

Com o intuito de prevenir e combater a caça ilegal e demais crimes, o Batalhão de Policiamento Ambiental (BPA), em parceria com a Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema), realizou, na última semana, operação de fiscalização no Parque Estadual Chandless.

Durante a ação, oito jabutis que iriam ser comercializados ilegalmente foram apreendidos e devolvidos ao seu habitat natural. Uma arma de fogo também foi interceptada pelos agentes de segurança.

O Chandless fica localizado entre Sena Madureira, Manoel Urbano e Santa Rosa do Purus, representando cerca de 4% do território acreano.

É o segundo maior parque da Região Norte do país e detém uma das áreas mais ricas em biodiversidade, um patrimônio genético com a presença de espécies endêmicas e ameaçadas de extinção.

O último registro chegou a 1.374 espécies animais, entre as quais estão mais de 400 de aves.

“Outras operações estão previstas para serem realizadas no Chandless, bem como em outras unidades de conservação. Temos vistoriado todos os municípios acreanos a fim de coibir crimes ambientais”, ressaltou tenente do BPA, Ildomar Brito.

Esta notícia está na categoria Geral. Marcar o link.