Homem se apresenta à polícia após tentar matar jovem em Rio Branco

Militar do exército se apresenta à polícia após tentar matar desafeto no Araújo do Aviário.

 Por Lília Camargo / Facebook 

O militar do exército, Antônio Dayvison, de 20 anos, se apresentou na manhã desta segunda-feira (27), na presença de seu advogado, para prestar esclarecimentos sobre a tentativa de homicídio ocorrida nas dependências do Supermercado Araújo, ocorrida na última quinta-feira, dia 23.

De acordo com o delegado, Remulo Diniz, a motivação alegada pelo suspeito, foi ciúme, já que um dia antes do crime, teriam discutido em uma partida de futebol, por conta de uma mulher.

O advogado de defesa, Charles Brasil, informou que Antônio é militar do 4° Batalhão de Infantaria e teria recebido ameaças e por isso foi até o trabalho da vítima só para lhe dar um susto.

"Ele foi ameaçado e foi ao local de trabalho do rapaz para tirar satisfações, mas, disse que não tinha intenções de matar. Em conversa com ele orientei que ele se apresentasse e agora está a disposição da justiça. ", disse o advogado.

Entenda o caso:

O militar em posse de uma arma de fogo teria chegado na oficina onde a vítima trabalhava e com receio de morrer, a vítima correu para o interior do supermercado onde câmeras de segurança registraram o suspeito, apertando diversas vezes o gatilho, mas a arma teria falhado.

Esta notícia está na categoria Geral. Marcar o link.