Dois jovens e uma menor são presos no Leonardo Barbosa, em Brasiléia

Durante a madrugada deste domingo, homens do 10º Batalhão da Polícia Militar detiveram dois jovens acusados de praticarem assaltos utilizando armas de fogo.

Junto com eles, foi conduzido uma menor de 15 anos, que teria assumido a posse de droga após o cerco numa residência localizada no Bairro Leonardo Barbosa.

Segundo foi apurado na delegacia, os jovens Douglas da Silva Cavalcante e Carlos Antonio Cavalcante, ambos de 18 anos, iniciaram uma série de assaltos armados com um revolver sendo que um estava com uma touca.

Abordaram três vítimas em locais diferentes, escolhidos aleatoriamente e levaram suas motos. Não satisfeitos, se deslocaram até um posto de gasolina localizado na Avenida Marinho Montes, parte alta da cidade, e realizaram um assalto.

A quantia em dinheiro levada pelos assaltantes, seria em torno de R$ 400 reais. A partir daí os policiais já estavam no encalço dos meliantes pela cidade e teriam uma descrição de um dos acusados e seria questão de tempo para localizar.

Foi quando cercaram a casa no bairro Leonardo Barbosa e encontraram os acusados. Também a arma usada, droga e munições. Os dois foram conduzidos à delegacia, juntamente com a menor que assumiu a posse, além da proprietária da casa que ficou retida para ser ouvida.

Por enquanto, apenas uma das motos, modelo Honda/Broz foi recuperada. Um dos fatos que foi descoberto, que as motos roubadas são levadas para o lado boliviano para serem trocadas por armas e drogas.

Cada moto custa em média, cerca de quatro armas e servem para abastecer grupos de facções na fronteira e na Capital. O caso será levado ao juizado, que deverá tomar medidas de praxe.

Por Alexandre Lima / oaltoacre.com

Esta notícia está na categoria Geral. Marcar o link.