Advogado diz que mulher que geme alto durante o sexo tem que ser presa

Um advogado está causando uma grande controvérsia em Gana, na África, após afirma que uma mulher que geme muito alto durante as relações sexuais está cometendo um crime e tem que ser presa.

O homem foi identificado como Maurice Ampaw, morador da cidade de Acra. Ele é um advogado e político famoso e tem planos de ser o presidente do país em 2024. As informações são do site My Joy Online. 

De acordo com a reportagem, o advogado diz que gemer durante o sexo viola os direitos dos outros e deve ser interrompido. 

“Se você está fazendo sexo alto, eu não consigo dormir. Em uma casa composta, eles estão tendo relações sexuais com você e todos não podem dormir. Então, você está infringindo meus direito à privacidade e está cometendo um crime, porque está cometendo o que chamamos de incômodo sexual. Tudo o que faz barulho, tudo o que o deixa desconfortável é um incômodo”, disse Ampaw.

Segundo o advogado, algumas jovens quando estão em momentos íntimos com seus parceiros quando você passa pela rua você vai ouvi-las gemendo e gritando. Maurice Ampaw relatou que os piores de tudo são os homens, pois, quando estão tendo relações sexuais, gritam bem alto e não conseguem se controlar.

“Você deve ter autocontrole. Quando os animais estão fazendo sexo, você os ouve gemendo assim”, disse Maurice. O advogado relatou que, em certa ocasião, ele tinha alugado um quarto de hotel e não conseguiu dormir por causa do barulho proveniente de um casal que também hospedou-se no local.

“Se você está gostando, aproveite, mas não venha e infrinja [meus direitos]. Precisamos parar isso”, concluiu. Os comentários feitos por Ampaw logo se tornaram virais nas redes sociais em Gana, e está dividindo opiniões entre internautas. 

Com informações do My Joy Online

Esta notícia está na categoria Mundo. Marcar o link.