Coluna do Crica

Edvaldo Magalhães quer colocar o dedo na disputa de vice e suplência da FPA

O dirigente comunista Edvaldo Magalhães (PCdoB) quer a discussão para a escolha do vice e dos suplentes para ao Senado ampliada, para que a decisão seja plural e não venha beneficiar apenas alguns partidos da FPA. Magalhães (foto) quer colocar também no seio do debate os nomes para as primeiras suplências das duas vagas de senador. Isso coloca em xeque-mate o senador Jorge Viana (PT), que já tinha convidado a vice-governadora Nazaré Araújo para a sua primeira suplente e o governador Tião Viana, que definiu a sua Chefe de Gabinete, Márcia Regina (PSB), de vice na chapa do candidato ao Senado, deputado Ney Amorim (PT). Para a indicação do vice três nomes estão na mesa: o do secretário de Segurança, Emylson Farias (PDT), Moisés Diniz (PCdoB) e César Messias (PSB). Por causa dos protestos, no próximo dia 1º, será anunciado, oficialmente, apenas o prefeito Marcus Alexandre (PT) como candidato a governador, por seu nome não sofrer qualquer tipo de contestação entre os partidos que integram a FPA. Para Edvaldo Magalhães, o PCdoB, pela sua trajetória na FPA, não pode ficar de fora da chapa majoritária. O mesmo pensam o PDT e o PSB. Voltou tudo à estaca zero.

SITUÇÃO DEFINIDA

O PMDB está pressionando o senador Gladson Cameli (PP) para que na disputa das oito vagas na Câmara Federal seja feita uma chapa única entre todos os partidos da oposição. O “Chapão” seria para salvar as candidaturas de Flaviano Melo (PMDB) e Jéssica Sales (PMDB).

CHAPA ENCAMINHADA

O senador Sérgio Petecão (PSD) defende outra linha de pensamento, trabalha por uma aliança entre o PSD, PSDB e PR para deputado federal. Todos são contrários a uma coligação com o PMDB. Não há explicação para o maior partido do Acre não ter chapa própria da Federal.

BEIRUTE CERTO PARA ASSUMIR O PROS

“Trata-se de uma questão de honra”. Desta forma reagiu ontem o senador Sérgio Petecão (PSD) sobre o médico Carlos Beirute vir a assumir a presidência regional do PROS. Garantiu que com o retorno amanhã ao Brasil dos dirigentes nacionais do PROS, será marcada a posse.

CANDIDATO A FEDERAL

Como parte do acordo, o médico Carlos Beirute deverá ser candidato a deputado federal.

REAÇÃO FORTE

Liguei ontem para quatro dirigentes de partidos nanicos e chega a ser impressionante a rejeição à indicação do deputado federal Moisés Diniz (PCdoB) para vice de Marcus Alexandre (PT). O Impressionante e que não é uma rejeição ao nome do Moisés, mas sim ao partido.

TEMOR ELEITORAL

Não se conhece nada que desabone a conduta do secretário Gemil Junior. Os ataques que vem sofrendo cheiram mais a um temor eleitoral, porque será candidato a deputado estadual.

PIOR AINDA

O PCdoB, que encolheu muito, se sairá deste processo sem conseguir indicar pelo menos o primeiro suplente de uma das chapas do Senado, vai ficar menor ainda. Isso é péssimo para quem já foi o segundo partido de maior importância dentro da aliança da FPA.

É DO RAMO

O Temer não caiu porque é do ramo e sabe o caminho das pedras na política. Assim como não caiu o Lula no auge do Petrolão. A Dilma, turrona, que nada tinha de política, caiu porque achava que poderia enfrentar os deputados. Entrou no mesmo erro do ex-presidente Collor.

SEM FUNDAMENTO

O candidato ao Senado, Márcio Bittar (PMDB) negou nervoso notícia divulgada em outro BLOG de que, ele e o ex-prefeito Vagner Sales estariam mantendo conversas secretas com o PT. “Isso nunca existiu da minha parte. É um absurdo! Nem por parte do Vagner. Com o PT, jamais!”, desabafou.

OPTOU PELO CONFRONTO

Começa a se notar alguns deputados da base do governo adotando uma clara postura de oposição ao governador Tião Viana. Uma dos mais ardorosos críticos é o deputado Raimundinho da Saúde (PODEMOS). Quase todos os seus últimos discursos são críticos.

EURACI BONNER

Que boa notícia! Chega a informação que a médica Euraci Bonner está propensa a ser candidata a deputada federal pelo PP. Euraci é uma mulher de fibra, qualificada, passado limpo, querida, e num tempo de tantas tranqueiras na política é um fato a ser comemorado.

CANDIDATA COMPETITIVA

Pela sua larga experiência administrativa e grande número de amigos ela será competitiva.

PERDEU O SENTIDO

O cancelamento da visita do presidente Temer ao encontro que acontecerá no Acre não foi nada bom, por ser quem poderia ter condições de liberar recursos para o setor de Segurança.

ARRASTÃO NOS BAIRROS

O senador Gladson Cameli (PP) deverá a passar a cumprir uma agenda nos bairros. Quer percorrer todos os bairros de Rio Branco, numa Nov a estratégia de ficar mais perto do povo.

QUESTÃO DE HONRA

A polícia tem de localizar o mais rápido possível os seqüestradores de uma acriança de 4 anos, cuja mãe já tinha sido morta por membros de uma facção. Isso tem que ser prioridade. É uma barbárie. Aconteceu na noite de ontem, no conjunto Andirá. Se essa criança aparecer morta será um golpe irreparável na imagem do governo, porque é uma inocente. Isso deveria ser prioridade. E toda a polícia se envolver neste caso. Chegamos ao limite do tolerável.

A VIOLÊNCIA NOSSA DE CADA DIA

O sistema policial não está omisso, isso é verdade. Mas os crimes continuam acontecendo todos os dias na Capital, principalmente. São dezenas de prisões, armas e drogas apreendidas. E agora com a presença policial mais efetiva em pontos principais da cidade, espera-se que mais bandidos sejam presos. E que poderá se ter uma ação mais intensiva com as novas viaturas entregues pelo governador Tião Viana para a PM e Polícia Civil. Polícia na rua não acaba com a criminalidade, mas inibe muitas ações de assaltantes. Deveriam retornar as rondas de motos pelos bairros. Com as novas viaturas a polícia poderia ser mais presente nos bairros Tropical e Morado do Sol, com pelo menos rondas noturnas. É coisa rara quando se vê uma viatura. Antes as motos eram uma constante. O secretário de Segurança, Emylson Farias, não está sendo omisso. O número de prisões mostra muito bem isso. Mais de 130 pessoas foram presas no Acre na 4º Fase da Operação Aquiri . Mas a violência continua incontrolável.

:: Textos publicados nesta página são de inteira responsabilidade do colunista. Não refletem a opinião do Jornal.

.

Esta notícia está na categoria Crica. Marcar o link.