Tacho de água quente cai em cima de jovem na Zona Rural de Brasileia

O incidente aconteceu na Zona Rural de Brasiléia na BR-317 Rodovia do Pacifico, no ramal do km 19 quando estava pelando um Porco.

Durante o final de semana um agricultor deu entrada no Hospital de Clinicas Raimundo Chaar com queimaduras de primeiro grau em grande parte do corpo, quando realizava a limpeza de um suíno (Porco) para vender na cidade de Brasileia.

O agricultor Jusciclei de Souza de 37 anos, estava pelando o animal para vender na cidade, quando pisou em falso em um tijolo onde apoiava o tacho de água quente que veio cair sobre ele, provocando assim queimaduras de primeiro grau em seu corpo.

Logo após o ocorrido, Jusciclei foi encaminhado às pressas para o hospital, onde foi medicado e realizado os curativos. Esse método de tratamento de limpeza de animais é muito comum na Zona Rural, trata-se de uma banheira ou barril grandes o suficiente para deixar o suíno submerso dentro, em conjunto a uma fonte de calor grande o bastante para aquecer a água até que ela ferva.

O agricultor Jusciclei de Souza continua em observação no Hospital de Brasiléia, sob cuidados médicos.

Por Almir Andrade / Noticias da Fronteira

Esta notícia está na categoria Geral. Marcar o link.