Deputado denuncia “político” de empreiteira que atua na BR-364

Segundo o parlamentar, que afirmou que a empreiteira estaria tapando os buracos da estrada com barro, o trecho da BR-364 entre Rio Branco e Sena 

O deputado Walter Prado (PEN) informou nesta terça-feira (13), que entrará com representação contra o Departamento Nacional de Infra-estrutura (Dnit). Prado suspeita de apadrinhamento político da empresa CCL que apesar de vencer a licitação para as obras da BR-364 – não estaria fazendo a recuperação do trecho sob sua responsabilidade.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Segundo o parlamentar, que afirmou que a empreiteira estaria tapando os buracos da estrada com barro, o trecho da BR-364 entre Rio Branco e Sena Madureira que está sendo recuperado pela empresa CCL, de Curitiba não vem recebendo os devidos reparos de acordo com o contrato firmado com o Dnit.

“Existe apadrinhamento político para que a empresa continue a executar obras na via. Quero saber na política quem está por trás dessa empresa. Deve ser um padrinho muito forte. Isso é um assunto sério. Afeta a todos”, declara Prado.

O deputado acrescentou que 20% dos recursos já devem ter sido pagos à empresa, entretanto, no lugar da camada asfaltica está sendo colocado barro, levando risco a vida dos condutores.

“Não podemos nos calar e fugir desse debate. Não podemos ficar tudo bacana, sendo que a grana já foi. Vou pedir todas as informações ao Dnit. Vou entrar com uma representação no Dnit pedindo esclarecimentos”, disse o parlamentar.

Prado ressaltou não entender o porquê do silêncio das pessoas que moram ao longo da rodovia. Para ele, “o povo do Acre tem que acordar também, pois quem paga manda”.

PC Do B Aceita Cargo Na Gestão Tucana E Deixa FPA De Assis Brasil

Na última sessão na Câmara de Vereadores do município, o clima esquentou entre a parlamentar comunista e a base de oposição 

Neudo Lopes da Silva (PT), recebendo a chave simbólica da presidencia da Mesa Diretora da Câmara Municipal de Assis Brasil no inicio do ano

Neudo Lopes da Silva (PT), recebendo a chave simbólica da presidencia da Mesa Diretora da Câmara Municipal de Assis Brasil no inicio do ano

Pelo que tudo indica o prefeito de Assis Brasil, Humberto Filho (PSDB), a partir de agora vai poder contar com a maioria na Câmara de Vereadores do município. Para conseguir tal feito bastou ofertar um cargo na gestão ao casal que comanda o PC do B de Assis Brasil, Vereadora Antônia Alves e o ex vice-prefeito da cidade, Antônio Ribeiro Cavalcante.

Na última sessão na Câmara de Vereadores do município, o clima esquentou entre a parlamentar comunista e a base de oposição formada por quatro vereadores do PT. A vereadora Toinha (PC do B), como é conhecida na cidade, metralhou contra o presidente da Casa, vereador Neudo Lopes (PT) acusando que tinha quebrado um acordo que existia entre os dois partidos que eram aliados.

No mesmo dia o vereador Neudo Lopes havia demitido o filho da vereadora Toinha, Cherlivan Cavalcante, que exercia o cargo de assessor de comunicação da Câmara. Segundo o presidente, o jovem foi demitido por insubordinação e falta de compromisso com o trabalho.

A notícia que a vereadora Toinha, seu esposo e seu filho agora apoiam o prefeito Betinho não gerou muita surpresa na cidade, já que muitos apostavam que isso ia acontecer em breve. Por outro lado, o clima também esquentou na base aliada do prefeito que não aceita a presença da família comunista na gestão tucana.

Segundo informações, o prefeito do PSDB ofereceu um cargo com remuneração de 2 mil reais para o filho da vereadora do PC do B. Em troca a Parlamentar comunista deve integrar a base de apoio ao prefeito.

fonte sentinela da fronteira

Perpétua Almeida reafirma ser candidata ao Senado em 2014

Perpétua Almeida reafirma ser candidata ao Senado em 2014

Os dirigentes regionais do PCdoB e presidentes de diretórios municipais de todo o estado se reuniram na manhã desta terça-feira, 13, no auditório da Assembleia Legislativa para discutir o calendário de atividades do partido para o próximo semestre.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

A partir deste mês, o PCdoB inicia uma série de conferências municipais, em seguida fará uma conferência estadual, de onde sairão as diretrizes do partido para as eleições do ano que vem no Acre. A mobilização para as conferências já foi iniciada em todo o estado.

“É uma dificuldade grande para a gente chegar à capital e quando o partido faz esses eventos mobiliza de qualquer lugar do estado os membros para participar”, declara Rosimar Oliveira, vereador do PCdoB em Santa Rosa do Purus.

Na reunião desta terça-feira também foi discutida a participação de representantes do Acre no encontro nacional do PCdoB, que acontece em novembro, e a indicação de propostas locais para compor a agenda nacional do partido.

“Os líderes do PCdoB em todo o estado estão aqui para lançarmos o 13º congresso do partido, que será em São Paulo em novembro, e nesse processo vem a discussão do partido nas várias fretes de luta, sindical, institucional e parlamentar”, explica o deputado Moisés Diniz, presidente regional do PCdoB.

O ex-presidente regional do PCdoB e atual secretário estadual de indústria e comércio, Edvaldo Magalhães, também participou do encontro desta terça-feira. Ele falou do atual momento político da Frente Popular e da possibilidade de um consenso para o PCdoB compor a chapa majoritária do bloco político em 2014.

“Nós temos duas certezas: a de que a Perpétua é o nome talhado e adequado nesse momento para a disputa do Senado, da Frente Popular, e a segunda certeza é que vamos trabalhar intensamente para que ela seja a única candidata da Frente Popular”, declara Edvaldo Magalhães.

Durante o encontro, a deputada federal Perpétua Almeida apresentou oficialmente o nome dela como futura candidata do PCdoB ao Senado. Caso o quadro político atual permaneça inalterado até 2014 ela disputará a única vaga para o senado com pelos menos outros dois candidatos.

“Acho que o eleitor é que tem que decidir quem ele quer que se eleja. Podem ter cem candidatos, como podem ter dois, ele é quem vai decidir sempre”, disse a deputada.

Fonte: agazetanet

Manifestantes queimam foto de Governador durante ato em Cruzeiro do Sul

Durante a manifestação os populares repudiaram a falta de ação do governador em Cruzeiro do Sul queimando a foto do gestor estadual

Manifestantes queimam a imagem do governador Tião Viana durante protesto/Foto: tribunadojurua

Manifestantes queimam a imagem do governador Tião Viana durante protesto/Foto: tribunadojurua

Em busca de melhores condições estruturais para Defensoria de Cruzeiro do Sul (AC), a população cruzeirense, através da organização dos presidentes dos bairros do Remanso e Nossa Senhora das Graças, realizou na manhã desta terça-feira (13) uma manifestação pelas ruas da cidade. Diversas faixas e cartazes pediam maior estrutura física para que os defensores tenham condições de atender a população qualificadamente.

Presidente da Associação dos Defensores Públicos do Acre (ADPACRE), Gérson Boaventura

Presidente da Associação dos Defensores Públicos do Acre (ADPACRE), Gérson Boaventura

A reivindicação iniciou na frente da Defensoria Pública, e em seguida os manifestantes percorreram as principais ruas do centro da cidade. A população pede melhores condições de trabalho, veículos novos e aumento de repasse no salário dos defensores para pelo menos 1%, que atualmente é de 0,45%. Segundo o defensor público Gerson Boaventura, presidente da Associação dos Defensores Públicos do Acre (ADPACRE), atualmente um dos maiores problemas encontrados pelos defensores é a falta de internet, que acaba aglomerando um grande número de pessoas no atendimento.

“Nós estamos vendo essa mobilização com muita alegria. Foi a população que não suportando as péssimas condições da defensoria pública no estado realizou essa manifestação. Nós aumentamos o quadro de defensores, estamos em negociações com o governo, mas de prático de real não temos nada, por exemplo, falta internet no interior para os defensores trabalharem, o que causa muitas dificuldades”, mencionou.

Durante o manifesto a foto do governador do Acre, Tião Viana, foi queimada como ato de repúdio à falta de ação do governante junto ao poder público. A presidente do bairro Nossa Senhora das Graças, Socorro Queiroz, explicou que depois da reunião realizada na semana passada com outros presidentes de bairro, e população em geral, os manifestantes decidiram reivindicar em busca de melhorias para defensoria e conseqüentemente para população.

“Formamos uma comissão e convidamos a população daqui do município, e também de Rodrigues Alves e de Mâncio Lima, que também são atendidos aqui na defensoria. Esse manifesto é em defesa das melhorias da defensoria, no atendimento para que a população possa ter um espaço físico adequado”, relatou.

Foto: tribunadojurua

Foto: tribunadojurua

A falta de uma sede própria também faz parte dos problemas enfrentados pela Defensoria Pública. Hoje o local funciona alugado, e há dois meses está em atraso. O defensor geral, Dion Nobre Leal, falou que a quitação de um dos meses já será realizada, e outras providências também estão sendo tomadas para melhoria na qualidade do atendimento.

“ Nós encaramos todo e qualquer movimento popular legítimo, por que garante o pensamento de idéias. Me deparei com esse movimento vindo das ruas, estamos encarando com naturalidade. Estamos fazendo o possível para acabar os problemas, vamos disponibilizar uma caminhonete para essa comarca, já trouxemos o defensor que faltava, e a realização de concurso público para cargo de apoio está sendo também discutida com a categoria e o governo”, enfatizou.

Tribuna do Juruá – Vanísia Nery

Vagner está firme no mandato, diz advogado

Prefeito Vagner Sales de Cruzeiro do Sul deve com­pletar com  tranquilidade  com o pro­cesso que responde no STF.

prefeito Vagner Sales de Cruzeiro do Sul

prefeito Vagner Sales de Cruzeiro do Sul

O advogado do prefeito, Gilson pescador, que afirmou que ainda há “mil recursos” a serem manejados na Justiça para garantir o man­dato de Vagner.

Gilson Pescador é tão oti­mista que sequer cogita falar em prescrição do processo. Ele diz que a prescrição é uma possibilidade e que pode estar próxima, mas que não é isso que move a defesa, mas a certeza de que o prefeito não pode ser condenado como bode expiatório de uma ação em que há outras pessoas em pior situação que ele.

Gilson destaca que Vag­ner Sales está desiludido com a política e com a falta de so­lidariedade de alguns setores. Comentou que no momento apropriado Vagner Sales vai se manifestar a respeito tan­to do processo quanto das questões políticas e que os desabafos do prefeito são pe­quenos em relação ás coisas que ele sabe e pode querer tornar públicas.

Vagner tem severas críti­cas à oposição, por sua desu­nião e pelo prevalecimento de projetos pessoais sobre a ne­cessidade de todos se unirem para a conquista do poder no estado. Gilson Pescador disse que não se intromete nessas posturas políticas de Vagner, apenas garante que ele ain­da tem muito a oferecer ao Acre, caso se candidate ou não a algum cargo.

Gilson pescador garante que os que aguardam, tanto no governo quanto na opo­sição a imediata cassação de Vagner Sales terão que espe­rar sentados, porque O pre­feito está firme no cargo.

PV anuncia saída de Frente Popular e oficializa candidatura de Henrique Afonso

Henrique Afonso destacou ainda, que “a coligação que está ai não tem mais nada de novo a oferecer ao Acre. Estamos vivendo um novo momento que exige mudanças políticas profundas”.

Da redação, com Ray Melo – ac24horas

Os dirigentes do Partido Verde (PV) realizaram na manhã desta segunda-feira (12), um café da manhã com todos os dirigentes estaduais e municipais para

Henrique Afonso Partido Verde (PV)

Henrique Afonso Partido Verde (PV)

anunciar a saída da legenda da Frente Popular. Os verdes anunciaram ainda a candidatura de Henrique Afonso ao Governo do Acre.

 

“O nosso partido representará o novo na disputa eleitoral do próximo ano. A sociedade tem pressa em saber quais serão os nomes que estarão disponíveis. Acredito que a Frente Popular já deu sua contribuição. A FPA não é um partido, são vários. E cada um tem sua ideologia”, disse Henrique Afonso.

O deputado federal que foi candidato a prefeito de Cruzeiro do Sul pela Frente Popular, acredita que o lançamento de seu nome para disputar o Governo do Acre seria uma decisão que estaria sendo amadurecida há muito tempo. “Não entendo como uma traição, por que já vinha há muito tempo fazendo a discussão”.

O desejo de lançar a candidatura de Henrique Afonso e rompimento com a FPA nasceu em debates cruzeiro do Sul, informou a presidente do PV, Shirley Torrres. Ela destaca ainda, que o a discussão foi levado aos dirigentes estaduais que acompanharam a decisão da maioria. Para a dirigente, o que estaria faltando na FPA é diálogo.

Segundo a maioria dos membros do PV, a falta de respeito e democracia é o principal problema dentro da FPA. Henrique Afonso destacou ainda, que “a coligação que está ai não tem mais nada de novo a oferecer ao Acre. Estamos vivendo um novo momento que exige mudanças políticas profundas”.

Partidos lançam aliança por candidatura única da oposição ao governo

Valdete Souza, presidente do PMN, diz que a aliança ”Unir para vencer” é uma resposta a um clamor social da população do Acre, que pede que haja união da oposição.

Da redação, com Gina Menezes

Dezenas de militantes de quatro partidos que integram a oposição se reuniram na manhã desta segunda-feira (12), no auditório Félix Bestene, na Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), para lançar a aliança “Unir para vencer”. A aliança formada pelos partidos Democratas (DEM), PPS, PMN e Solidariedade, defende a tese da candidatura única.

Partidos lançam aliança“Unir para vencer” em defesa de candidatura única da oposição ao governo do Acre/Foto: Agência ContilNet

Partidos lançam aliança“Unir para vencer” em defesa de candidatura única da oposição ao governo do Acre/Foto: Agência ContilNet

De acordo com o presidente regional do DEM, João Marcos Luz, a aliança tem por finalidade defender a unidade da oposição e o apoio ao candidato que mostrar melhor desempenho via pesquisas.

“Não temos mais condições de apoiar projetos íntimos, pessoais. É preciso um projeto que represente todo o sentimento coletivo da oposição”, declara.

João Marcos afirma, ainda, que outro objetivo da aliança é atrair mais jovens para o cenário político atual.

“Nós vamos trabalhar esta aliança de forma que a juventude se motive a ser candidato. Nós vamos atrair jovens a serem candidatos. Esta é uma aliança participativa”, declara.

Zenil Chaves, vice-presidente da executiva estadual do PPS, diz que o partido aderiu à aliança por acreditar que o melhor que pode haver para a oposição é a candidatura única e não a fragmentação, como vem sendo defendido por outros líderes.

Ele diz que é preciso escolher uma candidatura que realmente represente o desejo oposicionista e que não que esteja a serviço do Palácio Rio Branco.

“Estamos unidos e vamos continuar defendendo a união, mas caso haja a fragmentação, nós iremos continuar defendendo o nome do candidato Márcio Bittar por entender que ele é o que representa o que mais precisamos neste momento”, declara.

Valdete Souza, presidente do PMN, diz que a aliança ”Unir para vencer” é uma resposta a um clamor social da população do Acre, que pede que haja união da oposição.

Dezenas de militantes de quatro partidos que integram a oposição se reuniram na manhã de segunda-feira (12) no auditório da Assembleia Legislativa
Dezenas de militantes de quatro partidos que integram a oposição se reuniram na manhã de segunda-feira (12) no auditório da Assembleia Legislativa

“Essa foi uma ideia do DEM e do PMN. Onde a gente anda, as pessoas nos perguntam quando vamos nos unir; por isso, resolvemos lançar a aliança. Esta coligação feita por pessoas sem mandato tem por objetivo eleger caras novas para a política do Acre”, diz.

O deputado federal Márcio Bittar (PSDB) afirmou que é preciso fomentar um projeto político que realmente signifique mudanças para o povo acreano.

Márcio diz que sempre foi um soldado a serviço da oposição e que jamais se recusou a ceder em nome da coletividade, mas que desta vez não cederá em nome de interesses particulares, embora esteja preparado para o fato de não haver apenas uma candidatura da oposição.

“O povo do Acre há muito tempo sonha e espera por esta mudança, e nós não temos o direito de estragar este momento. Precisamos ser firmes e construir uma alternativa que de fato signifique mudança. Não é apenas trocar o nome do governador, é trocar o pensamento de quem governa”, diz.

Prefeito André Hassem e representante do Estado se reúnem

Prefeito André Hassem e representante do Estado se reúnem para traçar planejamentos do transporte escolar

O Prefeito André Hassem se reuniu nesta sexta feira dia 9 com a Representante da Secretaria Estadual de Educação Neide Lopes para traçar um novo planejamento para o transporte escolar, recentemente o Governo do Estado fez a entrega de 06 ônibus para operarem em Epitaciolândia, devido a chegada destes novos veículos foi preciso adequar algumas rotas para que alunos da rede de ensino do estado e do município pudessem ser atendidos sem restrição.

Reunião sob transporte escolar – Fotos: Wesley Cardoso

Reunião sob transporte escolar – Fotos: Wesley Cardoso

Estiveram presentes ainda na reunião o Presidente da Câmara de Vereadores Raimundo Freire, o Vice Prefeito Raimundo Nonato Gondim, Vereadores Rubens e Nego, alem da Secretária Municipal de Educação Eunice Maia, Assessores e Motoristas que fazem o transporte escolar na zona rural de Epitaciolândia.

O ponto principal da reunião foi a definição de novas rotas e a flexibilização do horário de saída dos ônibus, pois muitos alunos estão saindo de madrugada de suas casas para chegarem a tempo na escola.

Rotas: O Prefeito André afirmou que é conhecedor das necessidades e tem visitado todas as comunidades para verificar em loco cada situação, “estamos trabalhando juntamente com o Governo do estado para melhorar ainda mais o transporte escolar, muitos locais ainda tem que ser feito com camionetes ou caminhões pois o ônibus ainda não tem condições de entrar, mas estamos recuperando os ramais e pontes para dar acesso de inverno a verão”. O Prefeito ressaltou ainda que esta buscando recursos junto ao Ministério da Educação (Governo Federal) para a aquisição de mais ônibus para garantir um transporte escolar com qualidade e segurança.

Horários: Segundo a Representante da SEE Neide Lopes a flexibilização do horário não será possível, pois isso interferiria na carga horária que é exigida por lei, segundo ela já no próximo ano muitas escolas vão aderir o programa Mais Escola que será oferecido a modalidade de tempo integral para alunos do ensino fundamental e médio. Neide Lopes afirmou ainda que a sintonia com a prefeitura seja de fundamental importância para o bom andamento da educação em nosso município.

Para a Secretária Eunice Maia é preciso refazer algumas rotas e manter a parceria com o Estado para que nenhum aluno fique sem estudar, “estamos trabalhando muito para melhorar a nossa educação em todos os aspectos e temos que estar unidos para que nossos alunos possam ter condições dignas de estudar”, finalizou a Secretária.

Reunião sob transporte escolar – Fotos: Wesley Cardoso

Reunião sob transporte escolar – Fotos: Wesley Cardoso

Prefeitura de Brasiléia realiza com sucesso a 7º Conferência de Assistência Social

O evento tem a meta de debater o melhoramento das políticas de assistência social em conjunto com o aprimoramento dos serviços do SUS

WILIANDRO DERZE, assessoria PMB

O evento tem a meta de debater o melhoramento das políticas

O evento tem a meta de debater o melhoramento das políticas

O município de Brasiléia realizou nessa quinta-feira, 8, no auditório do Centro Educacional Permanente – CEDUP, a 7º Conferência de Assistência Social. O objetivo do evento é avaliar e propor as ações desenvolvidas nos municípios, assim como analisar o que vem sendo feito. O prefeito Everaldo Gomes; secretária Municipal de Ação Social, Lindacy Franco; secretário Estadual de Assistência Social, Antônio Torres; vereadores e convidados prestigiaram a abertura da conferência.

Os principais debates dentro da conferência ficou em volta das ações especificas de cada município, e os trabalhos que vem sendo desenvolvidos no decorrer dos anos com as políticas implementadas pelos governos Federal, Estadual e Municipal.

De acordo com o prefeito Everaldo Gomes as conferências ajudam a gestão pública a garantir as ações necessárias para as efetivas transformações que a sociedade deseja. “Devemos junto com os setores representativos da população, garantir uma melhor assistência as famílias. É nesses debates que surgem propostas e novas formas de aprimorar os trabalhos de assistência social”, destacou.

Para a secretária de Ação Social, a conferência tem a finalidade de aprimorar as políticas de assistência, fortalecendo a implantação do Sistema Único de Saúde – SUS. “Com as conferências poderemos levantar as prioridades, para que o SUS seja realmente implantados garantindo os serviços que são direitos de toda a população”, explicou.

O secretário Estadual, Antônio Torres disse que as conferências apontarão as políticas de assistência. “Todos os municípios estão realizando os debates e apresentando suas políticas públicas na área e apresentando ações que garantam os serviços do SUS”, ressaltou.

Entre os vários temas debatidos se destacou o eixo da regionalização do SUS. A meta é garantir que tenha a adaptação a cada município. Garantindo assim, o fortalecimento das políticas de assistência de cada município.

DSC_0749 DSC_0767 DSC_0772
DSC_0776 DSC_0780 DSC_0833