Prazo para o pagamento do eSocial encerra nesta quinta-feira (7)

Os canais alternativos oferecidos pela rede bancária devem ser priorizados, pela simplicidade e facilidade na sua utilização.

O prazo para os empregadores domésticos realizarem o pagamento do Documento de Arrecadação do eSocial (DAE) referente à competência do mês de maio termina nesta quinta-feira, 7 de junho.

O documento reúne em uma única guia as contribuições fiscais, trabalhistas e previdenciárias que devem ser recolhidas pelos empregadores referentes aos trabalhadores domésticos.

Documentos gerados a partir dessa data serão calculados com multa de 0,33% por dia de atraso. Para a emissão da guia unificada, o empregador deve acessar a página do eSocial.

Canais de Atendimento – Os empregadores domésticos têm a sua disposição, além do pagamento em guichê de caixa bancário, vários canais alternativos oferecidos pela rede bancária – como lotéricas, internet banking e canais eletrônicos de autoatendimento – para realizar o pagamento do DAE.

3 de Julho Entrevistas 3ª Edição

Veja a entrevista com o Presidente da Câmara de Vereadores de Brasileia, Rogério Pontes que conta um pouco sobre sua trajetória política e sobre os trabalhos do Poder Legislativo. Curta a nossa página do Facebook e se inscreva no nosso canal do YouTube e lembre-se de clicar no sininho, assim você estará ativando as notificações e terá mais facilidade de acessas nossos conteúdos.

Com informações do Portal da Receita Federal.

Final de semana no Acre será com nova frente fria, informa Davi Friale

Foi estabelecido, pelo terceiro dia consecutivo, mais um recorde de frio acreano em 2018.

Na próxima quinta-feira (7/6/2018), uma poderosa onda de frio polar chegará ao sul do Brasil, despencando a temperatura em alguns estados, com alta probabilidade de valores negativos e de formação de geadas generalizadas, além de queda de neve em algumas áreas, prevê o pesquisador meteorológico Davi Friale.

No Acre, segundo o pesquisador, o ar polar chegará na sexta-feira (8/6/2018), logo cedo, com fortes ventos da direção sudeste, mas com intensidade entre moderada e fraca. A temperatura, ao amanhecer de sábado, deve oscilar entre 16 e 19ºC, no leste e no sul do estado. Esta onda de frio não deve atingir a região do Juruá.

Acre teve frio de 12 graus nesta semana

Nesta terça-feira (5/6/2018), a capital do Acre viu o Sol pela primeira vez, desde o fim da tarde da última sexta-feira (1/6/2018). Foram mais de 90 horas consecutivas sem que a luz solar aparecesse em Rio Branco e na maior parte do Acre.

Foram quatro dias de frio com temperaturas mínimas girando entre 12 e 15ºC e máximas entre 15 e 19ºC, no leste e no sul do estado.

O frio, no entanto, ocorreu em todo o estado. Na última segunda-feira, a temperatura máxima no Acre foi apenas 22,4ºC, registrada em Porto Walter.

Com registro oficial de 12,7ºC, nas cidades de Brasileia e Epitaciolândia, enquanto que, em Rio Branco, foi registrada, na estação do aeroporto, mínima de 13,5ºC, igual a do dia anterior, também com recorde de 2018.

Foram, novamente, as menores temperaturas registradas em toda a região Norte do Brasil.

Nesta terça-feira, em Rio Branco, mesmo com o sol aparecendo forte, a máxima foi apenas 21,5ºC, por volta das 15 horas, na estação do aeroporto, enquanto que, em Cruzeiro do Sul, a maior temperatura foi 22,2ºC e, em Tarauacá, apenas, 21,9ºC.

3 de Julho Entrevistas 3ª Edição

Veja a entrevista com o Presidente da Câmara de Vereadores de Brasileia, Rogério Pontes que conta um pouco sobre sua trajetória política e sobre os trabalhos do Poder Legislativo. Curta a nossa página do Facebook e se inscreva no nosso canal do YouTube e lembre-se de clicar no sininho, assim você estará ativando as notificações e terá mais facilidade de acessas nossos conteúdos.

Justiça suspende privatização da Eletrobras e de outras empresas

A informação foi divulgada hoje (5) pela própria Eletrobrás, em comunicado ao mercado.

A 49ª Vara do Trabalho do Rio de Janeiro determinou a suspensão do processo de privatização da Eletrobras e de suas subsidiárias.

Segundo a Justiça do Trabalho, a empresa precisa apresentar, no prazo de até 90 dias, um estudo sobre o impacto da privatização nos contratos de trabalho da estatal e das empresas vinculadas a ela.

A medida atinge tanto a empresa principal (holding) quanto as subsidiárias Amazonas Energia, Centrais Elétricas de Rondônia, Eletroacre, Companhia Energética de Alagoas e Companhia Energética do Piauí.

3 de Julho Entrevistas 3ª Edição

Veja a entrevista com o Presidente da Câmara de Vereadores de Brasileia, Rogério Pontes que conta um pouco sobre sua trajetória política e sobre os trabalhos do Poder Legislativo. Curta a nossa página do Facebook e se inscreva no nosso canal do YouTube e lembre-se de clicar no sininho, assim você estará ativando as notificações e terá mais facilidade de acessas nossos conteúdos.

De Agência Brasil

Adolescente morre no PS após ser alvo de tiros no bairro Canaã

Apenas o menor foi baleado com um disparo nas costas que atingiu a coluna e outro na perna.

Morreu na noite desta segunda-feira (03), um adolescente de 14 anos baleado na tarde do mesmo dia na Avenida Durval Camilo, região do bairro Canaã, Segundo Distrito de Rio Branco.

O jovem estava na frente de casa na companhia de amigos, quando um veículo modelo Siena se aproximou, e os passageiros armados efetuaram vários disparos em direção ao grupo. Apenas o menor foi baleado com um disparo nas cotas que atingiu a coluna e outro na perna.

Ele foi levado com urgência ao Pronto Socorro e durante atendimento morreu no hospital. O caso está sobre a responsabilidade da Delegacia de Homicídios (Dhpp).

3 de Julho Entrevistas 3ª Edição

Veja a entrevista com o Presidente da Câmara de Vereadores de Brasileia, Rogério Pontes que conta um pouco sobre sua trajetória política e sobre os trabalhos do Poder Legislativo. Curta a nossa página do Facebook e se inscreva no nosso canal do YouTube e lembre-se de clicar no sininho, assim você estará ativando as notificações e terá mais facilidade de acessas nossos conteúdos.

Do Ac24horas

Vem mais frio polar ainda esta semana para o Acre! diz Davi Friale

Acre continua liderando com frio mais intenso da Amazônia: mínima de 13,5ºC e máxima de 15,2ºC. O Acre, mais uma vez, liderou com as menores temperaturas da Amazônia.

Por Davi Friale

A poderosa onda de frio polar que chegou no último sábado (2/6/2018), despencou a temperatura no sul e no oeste da Amazônia Ocidental.

Entre o domingo (3/6/2018) e a segunda-feira (4/6/2018), o Acre registrou a menor temperatura do ano, até o momento, com mínima de 13,5ºC, em Rio Branco, e 13,9ºC, em Brasileia e Epitaciolândia.

No domingo, a maior temperatura diurna, ocorrida por volta do meio-dia, foi de apenas 15,2ºC, em Brasileia e Epitaciolândia, e de 17,1ºC, em Rio Branco.

Rondônia ficou em segundo lugar, com mínima de 14,1ºC e máxima de 21,9ºC, registrada em Vilhena, enquanto a capital, Porto Velho, registrou novo recorde de frio, com mínima de 17,8ºC e máxima de 23,6ºC.

No Amazonas, o menor registro ocorreu em Boca do Acre, com mínima de 15,0ºC e máxima de 20,8ºC.

Em Mato Grosso, desta vez, o frio não foi tão intenso, com mínima de 15,3ºC e máxima de 19,5ºC, em Cuiabá, e mínima de 14,3ºC e máxima de 19,5ºC, em Cáceres, na região do Pantanal.

Nova onda de frio polar chega esta semana

O inverno ainda nem começou e as temperaturas baixas já estão mostrando o que temos anunciando frequentemente: o resfriamento global está em curso.

Na próxima sexta-feira (8/6/2018), uma poderosa onda de frio polar atingirá o Brasil e chegará ao sul da Amazônia, trazendo mais uma friagem ao Acre, a Rondônia, ao Amazonas e a Mato Grosso.

Nesta terça-feira (5/6/2018), na parte da tarde, estaremos publicando mais informações sobre esta nova massa de ar polar.
Acompanhe nossas atualizações para ficar melhor informado sobre o tempo nos próximos dias.

3 de Julho Entrevistas 3ª Edição

Veja a entrevista com o Presidente da Câmara de Vereadores de Brasileia, Rogério Pontes que conta um pouco sobre sua trajetória política e sobre os trabalhos do Poder Legislativo. Curta a nossa página do Facebook e se inscreva no nosso canal do YouTube e lembre-se de clicar no sininho, assim você estará ativando as notificações e terá mais facilidade de acessas nossos conteúdos.

Makro de Rio Branco vai ter que pagar R$ 10 mil a cliente que sofreu intoxicação

Cliente consegue na Justiça indenização por danos morais após sofrer intoxicação alimentar. Jovem foi hospitalizada após consumir alimento contaminado com bactéria salmonela.

Juízo da 2ª Vara Cível da Comarca de Rio Branco condenou o Makro Atacadista responsável pela administração de um restaurante na Capital Acreana a pagar R$ 10 mil de indenização, por danos morais, para uma cliente que sofreu intoxicação alimentar após ingerir comida contaminada com bactéria salmonela.

Na sentença, a juíza de Direito Thaís Khalil, titular da unidade judiciária, reconheceu o dano moral sofrido pela jovem. “O substrato probatório revela inconteste de dúvidas que a autora sofreu intoxicação alimentar, depois de consumir alimento vendido no restaurante réu, o que por certo lhe causou danos de ordem moral, traduzidos nos no grave mal estar, que só pode ser contido após dias de medicação”, disse.

Entenda o caso

O pai da autora entrou com ação judicial em nome da filha, contando que, em maio de 2014, almoçaram no restaurante da empresa reclamada, e, após comerem, ambos foram hospitalizados com intoxicação alimentar. O representante da autora do processo ainda relatou que ela correu risco de morte.

Sentença

A magistrada expôs que apesar da autora não ter apresentado nota fiscal para comprovar que almoçaram no restaurante trouxe documentos comprovando sua internação no período que outras pessoas passaram mal e que o estabelecimento comercial foi submetido à inspeção da Vigilância Sanitária. Na ocasião, o órgão emitiu laudo constatando a presença de bactéria na comida.

“A autora ainda demonstrou que laudo emitido pelo LACEN-AC concluiu que o prato consumido pela autora no restaurante réu (isca de frango) estava contaminado com salmonellasp (pp. 29/34)”, relatou a juíza.

A magistrada observou que “o incômodo sofrido pela autora por certo extrapola a esfera do razoável, não se constituindo em mero dissabor”.

3 de Julho Entrevistas 3ª Edição

Veja a entrevista com o Presidente da Câmara de Vereadores de Brasileia, Rogério Pontes que conta um pouco sobre sua trajetória política e sobre os trabalhos do Poder Legislativo. Curta a nossa página do Facebook e se inscreva no nosso canal do YouTube e lembre-se de clicar no sininho, assim você estará ativando as notificações e terá mais facilidade de acessas nossos conteúdos.

Por tjac.jus.br

Cooperativas têm 2017 como um dos melhores anos em resultados

Se para muitos setores da economia o ano de 2017 foi de resultados ruins ou de uma tímida recuperação em seus resultados, para as cooperativas de crédito do Acre foi mais um período de franco crescimento.

Os números falam por si só, e mostram que, no mercado financeiro, o cooperativismo de crédito atrai a simpatia dos acreanos como a melhor forma de ampliar suas rentabilidades num modelo que não visa o lucro pelo lucro, como é no sistema bancário tradicional.

Levantamento realizado pelo Sistema OCB (Organização das Cooperativas Brasileiras) no Acre mostra que, em 2017, os resultados positivos das cooperativas de crédito, em alguns casos, superaram os 40% na comparação com 2016.

No caso da Sicoob Credisul, por exemplo, o crescimento de seus ativos foi na ordem de 46%. Em abril último, os ativos da cooperativa alcançaram a marca de R$ 1 bilhão. Este bom resultado, afirma Vilmar Saúgo, diretor executivo da Sicoob Credisul, foi possível mesmo operando com os juros mais baixos já praticados.

“Emprestamos mais barato para os cooperados e pagamos mais pelas transações, e ainda assim entregamos um resultado bem substancial de R$ 40 milhões. Foi um ano excepcional”, avalia Vilmar Saúgo.

A Sicoob Acre também teve 2017 como um dos melhores em suas operações. “O ano passado foi o melhor resultado financeiro da cooperativa desde a sua fundação”, afirma José Generoso dos Santos, diretor-presidente da cooperativa. Os ativos totais cresceram 46,22% em cotejo com 2016, fechando em quase R$ 32 milhões.

A carteira de crédito da Sicoob Acre teve ampliação de 32,50%. Já as sobras brutas – que são o apurado compartilhado entre os cooperados – tiveram alta de 53,72%, totalizando R$ 2,1 milhões. Segundo Generoso, 2017 ainda foi um ano de investimentos, com a consolidação dos postos de atendimento no interior. Em 2018, uma agência só para pessoas jurídica será inaugurada.

Há 15 anos no mercado, a Capitalcredi se consolida como uma das cooperativas de crédito mais tradicionais do Acre. Ano passado ela obteve sobras brutas de R$ 4,3 milhões, ante os R$ 3,1 milhões de 2016. Os ativos contabilizaram R$ 72,4 milhões – no ano anterior ficou em R$ 61,6 milhões.

Estes bons resultados foram obtidos mesmo com a cooperativa operando sem cobrar tarifas de seus sócios e oferecer taxas abaixo da praticada pelo mercado. A Capitalcredi está voltada para o micro, pequeno e médio empreendedor de todos os ramos da economia como o comércio., a indústria, o setor de serviços e a agricultura.

Bem pouco tempo atrás, a Sicoob Unirbo estava restrita à adesão dos profissionais da saúde, a extinta Unicred. Agora, como cooperativa de livre admissão, seus resultados crescem ainda mais.

“O ano de 2017 foi bastante promissor para a Sicoob Unirbo. Tivemos um crescimento médio de 28%. Foi a continuidade do que a gente vinha crescendo”, diz Arnaldo Thomaz, presidente do Conselho de Administração.

De acordo com ele, os resultados do ano passado consolidam a cooperativa para, em 2018, atingir um crescimento de 50%.

O Sistema OCB

O Sistema OCB (Organização das Cooperativas Brasileiras) foi criado com o objetivo de unir pessoas que acreditam no cooperativismo. Integrante do Sistema S, a OCB se organiza para fortalecer o movimento cooperativista e defendê-lo como modelo socioeconômico capaz de transformar o mundo em um lugar mais justo, feliz, equilibrado e com melhores oportunidades para todos.

A visão da entidade é que, em 2025, o cooperativismo seja reconhecido pela sociedade por sua competitividade, integridade e capacidade de promover a felicidade dos cooperados.

3 de Julho Entrevistas 3ª Edição

Veja a entrevista com o Presidente da Câmara de Vereadores de Brasileia, Rogério Pontes que conta um pouco sobre sua trajetória política e sobre os trabalhos do Poder Legislativo. Curta a nossa página do Facebook e se inscreva no nosso canal do YouTube e lembre-se de clicar no sininho, assim você estará ativando as notificações e terá mais facilidade de acessas nossos conteúdos.

Por Assessoria

Três são alvejados a tiros em tentativa de homicídio em Rio Branco

O fato aconteceu na noite de domingo (03), na rua principal do bairro Calafate, em frente a uma praça pública. Os jovens estavam em um lanche quando foram alvejados.

Segundo o Delegado da Homicídios, Rêmulo Diniz, nenhum deles tem passagens pelo sistema criminal e o mais provável é que tenham sido vítimas aleatórias de integrantes de facção criminosa que tentam tomar da facção rival aquela região.

As vítimas identificadas como, Diego Bezerra Simão da Silva, (21) Sangel Marques da Rocha (22) e Bruno de Oliveira Leitão (21), eles foram encaminhados ao Pronto Socorro onde passaram por cirurgia e permanecem internados sob observação. O caso está sendo investigado pela Delegacia de Homicídios (Dhpp).

“Nós temos a informação que essa dupla em motocicleta já vinha do bairro Esperança e chegaram atirando sem um alvo, ou seja, de forma aleatória.

Nós estamos em fase de captação das informações, ouvindo testemunhas para chegar a motivação, porém, suspeitamos que os criminosas possivelmente são integrantes rivais à facção dominante naquela região, tentando demonstrar poder de fogo para a tomada do território”, disse o delegado Rêmulo Diniz.

3 de Julho Entrevistas 3ª Edição

Veja a entrevista com o Presidente da Câmara de Vereadores de Brasileia, Rogério Pontes que conta um pouco sobre sua trajetória política e sobre os trabalhos do Poder Legislativo. Curta a nossa página do Facebook e se inscreva no nosso canal do YouTube e lembre-se de clicar no sininho, assim você estará ativando as notificações e terá mais facilidade de acessas nossos conteúdos.

Preço da gasolina em Rio Branco aumentou em mais de 54% em cinco anos

Já em 2018, o preço descrito na Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustível (ANP) é de R$ 4,99.

Um levantamento do G1 mostra que o preço da gasolina em Rio Branco aumentou, em média, mais de 54% entre 2013 e 2018. Os dados são de matérias publicadas pelo site em cinco anos. Em 2013, a média de preço era de R$ 3,23.

Devido os constantes aumentos no valor cobrado no combustível, os caminhoneiros fecharam várias rodovias do Brasil em protesto. No Acre, o ato durou cerca de seis dias com as Brs-364, 317 e Transacreana interditadas. No país, a paralisação começou depois do dia 17 de maio.

Em negociação, o presidente do Brasil, Michel Temer, anunciou redução de 46 centavos no preço do diesel por 60 dias nas refinarias.

No Acre, a paralisação dos caminhoneiros no Acre foi suspensa nesta terça-feira (29), segundo informou o presidente do Sindicato dos Caminhoneiros e Máquinas Pesadas, Júlio Farias.

Aumento

A média de reajuste nos postos variava entre R$ 0,10 e R$ 0,15 para o preço da gasolina e de R$ 0,10 a R$ 0,12 para o valor do diesel em 2013. Em alguns postos de Rio Branco, o preço da gasolina chega a custar R$ 3,23.

No ano seguinte, o valor do combustível sofria mais reajuste e era cobrado R$ 3,43 nos postos da capital acreana. Antes, a gasolina custava R$ 3,33.

Em 2015, já era possível pagar R$ 3,75 por um litro de gasolina nos postos de combustível. O motivo do aumento é elevação do PIS e da Contribuição para Financiamento da Seguridade Social (Confins) ainda nas refinarias, conforme anúncio do governo federal.

Após mais um reajuste anunciado em 2016 pela Petrobrás, o litro da gasolina passou a ser cobrado R$ 4,17. Na época, o Sindicato dos Postos de Combustíveis do Acre (Sindepac) informou que, além do aumento divulgado, as distribuidoras também repassaram o reajuste aos revendedores.

Segundo o sindicato, os consumidores devem perceber a mudança nos preços aos poucos, devido ao tempo de aquisição e reposição de estoque.

Um balanço Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), em 2017, mostrava o Acre como o estado com a gasolina mais cara do país. O valor era de R$ 4,37 por cada litro.

Em 2018 fora registrados vários reajustes. Entre janeiro e março deste ano, foram anunciados 15º reajustes nos combustíveis. Com isso, a gasolina custa R$ 4,99.

3 de Julho Entrevista 2ª Edição

Veja a entrevista com o senhor Antônio Muniz, ele que é coordenador da Casa de acolhimento Caminho de Luz, localizada no km 23 da Estrada do Pacífico, instituição de caridade esta sem fins lucrativos, mas que está disposta a ajudar os que a população juga não ter mais jeito, são pessoas que fazem uso abusivo de bebidas alcoólicas, dependentes químicos e pessoas que fazem uso de outras drogas, como por exemplo o cigarro.

Conta de luz será mais cara em junho, com nível máximo de cobrança

A Agência Nacional de Energia Elétrica disse que o maior custo em junho deve-se à redução de volume nos reservatórios das hidrelétricas.

A conta de luz dos brasileiros fica mais cara neste mês devido ao acionamento da chamada bandeira tarifária vermelha nível 2, o mais elevado para as cobranças adicionais.

O sistema tarifário eleva o custo da energia em momentos de escassez de geração, quando podem ser acionadas bandeiras amarela, vermelha ou a vermelha 2, essa última representa um custo adicional de R$ 5 a cada 100 quilowatts-hora consumidos.

A Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) disse que o maior custo em junho deve-se à redução de volume nos reservatórios das hidrelétricas da região Sul e à previsão de chuvas baixas em relação à média histórica.

3 de Julho Entrevista 2ª Edição

Veja a entrevista com o senhor Antônio Muniz, ele que é coordenador da Casa de acolhimento Caminho de Luz, localizada no km 23 da Estrada do Pacífico, instituição de caridade esta sem fins lucrativos, mas que está disposta a ajudar os que a população juga não ter mais jeito, são pessoas que fazem uso abusivo de bebidas alcoólicas, dependentes químicos e pessoas que fazem uso de outras drogas, como por exemplo o cigarro.

Por UOL