Pelo menos 12 mortos em acidente de trânsito em Potosí na Bolívia

De acordo com o relatório preliminar da polícia, o motorista do micro-ônibus adormeceu e perdeu o controle do volante. 

O acidente ocorreu por volta das hs 12:00 deste domingo na rota entre Chuquisaca e Potosí.

Um micro-ônibus colidiu  contra uma colina na estrada diagonal Jaime Mendoza , ligando os departamentos de Potosí e Chuquisaca, deixando 12 pessoas mortas e pelo menos duas feridas, informou o comandante ANF da Polícia do Norte Potosí Regional , Tenente-coronel Juan Carlos Revollo.

O chefe de polícia disse que o incidente ocorreu perto de 12:30 na altura da cidade Tomaycuri e Macha no momento em que o motorizado estava indo de Sucre para Llallagua . O veículo protagonista é de origem chinesa, cor prateada e com placa de controle 2840-TER.  

“A causa (acidente exata ainda) sob investigação, a polícia Colquechaca fazer inquéritos adequados, mas que presume que era por causa de efeitos da fadiga , ou seja, o motorista adormeceu assim que ele já não podia controlar seu veículo em uma descida e veio colidir contra a colina “, explicou.

Juan Carlos Revollo acrescentou que os dois feridos foram transferidos para o Hospital Daniel Bracamonte, em Potosí, e os corpos dos 12 mortos permaneceram no centro médico de Tomaycuri.

A lista do falecido

1._ Victor Hugo Ramirez 28  
2._ Olhe Rocío 75 anos  
3._ Andrés Vela  
4._ Sonia Flores 30 anos  
5._ Mario Medrano Avala  
6._ Wilfredo Sanchez Cabana  
7._ Juan Carlos Gomez Sempertegui 71 anos  
8._ Sacarías Ojeda Romero 38 anos  
9._ Araceli García Flores 7 anos  
10._Feminina NN  
11._ Masculino NN  
12._ Masculino NN 

Ferido

13._ Juan Carlos Ojeda 14 anos  
14._ Elmer Ojeda 11 anos 

Fonte: eldeber.com.bo

Vídeo: Irmãos são presos por chicotear funcionário que furtou oito ovos

Segunda a polícia, tortura foi gravada e publicada na internet como forma de mostrar o poder da família.

Vítima levou mais de 20 chicotadas Divulgação / Polícia Civil

Dois irmãos e um amigo foram presos suspeitos de torturar um funcionário da fazenda da família, em São Sebastião do Maranhão, a 385 quilômetros de Belo Horizonte. Segundo as investigações, a vítima foi chicoteada e golpeada com uma ferramenta por ter furtado oito ovos da propriedade. Os policiais também descobriram que os suspeitos seriam perigosos traficantes de drogas da região. Um deles é investigado por envolvimento com a facção criminosa PCC, em São Paulo.

As prisões foram feitas na última segunda-feira (19), durante a operação “Al Capone”, da Polícia Civil, que também cumpriu mandados de busca e apreensão no local. A investigação sobre a denúncia de tortura durou seis meses. O crime que aconteceu em setembro do ano passado teria sido cometido pelos irmãos Raul Soares Gomes, 38 anos, e Rodrigo Antônio Soares Mendes, 35, com participação de Alleff Fillyp Miranda., 23.

A vítima D.S.C. trabalhava em uma obra na fazenda de um dos suspeitos. O proprietário das terras soube que o rapaz havia furtado oito ovos de galinha do local. Como castigo, o fazendeiro e o irmão dele teriam torturado o funcionário com chicotadas no rosto, nas costas e nas pernas. Além disso, o homem também teria sido agredido com um alicate turquesa.

De acordo o delegado Rodrigo Antunes, da Polícia Civil de Santa Maria do Suaçuí, responsável pela operação, a vítima não tem passagem pela polícia e nem envolvimento com drogas.

— Tenho informações de que ele estava trabalhando no local e não tinha recebido o pagamento. Ele tem família e filhos pequenos.

A cena foi gravada e divulgada em redes sociais. Segundo as investigações, as imagens foram registradas por Miranda como uma forma de ameaçar os possíveis desafetos dos irmãos. No vídeo abaixo, o agressor diz o motivo do espancamento. É possível ouvir choro da vítima que levou mais de 20 chicotadas. 

Em depoimento à polícia, Miranda confessou ter gravado e publicado o vídeo na internet. Os irmãos preferiram não responder as perguntas e ficaram em silêncio. Procurado pela reportagem, Einstein Lima Lopes, o advogado dos suspeitos, disse que Miranda foi ouvido sem a presença da defesa e que ele vai pedir a anulação do depoimento. Sobre a situação irmãos Soares, o defensor informou que vai se pronunciar nos próximos dias.

O delegado Rodrigo Antunes informou que a presença do advogado na fase policial não é obrigatória e que foi dado a Miranda o direito de permanecer calado, mas ele preferiu se manifestar.

Histórico criminoso

Além das prisões, foram apreendidos R$ 6 mil em dinheiro, um cheque no valor de R$ 2 mil, roupas semelhantes ao uniforme dos Exército Brasileiro e documentos que compravam a movimentação financeira da família. Quatro automóveis, sendo um deles blindado, com indícios de adulteração e artigos de luxo como relógios e aparelhos celulares também foram levados pela polícia.

Segundo o delegado Antunes, os bens são incompatíveis com o patrimônio da família. Assim, foi aberto um novo inquérito para apurar o envolvimento deles com lavagem de dinheiro e tráfico de drogas.

Durante as investigações, os detetives descobriram que Mendes já tinha passagem pela polícia. Ele foi preso no ano passado, em São Paulo, por ligação à facção criminosa PCC.

Secretário municipal

Além dos suspeitos da tortura-castigo, o secretário do Meio Ambiente de São Sebastião do Maranhão, Zulmar Francisco Miranda, também foi levado para delegacia. Ele é pai de Alleff. Quando a polícia chegou na casa dele para cumprir o mandado de busca a apreensão, foram encontradas diversas aves silvestres. O secretário foi ouvido e liberado. A defesa informou que os animais não pertencem ao secretário e que ele aguarda apuração da polícia.

Veja o Vídeo

Fonte: noticias.r7.com

Empresa canadense cria o primeiro avião feito e movido por maconha

Quando hoje se diz que não há limites para o que é possível ser feito a partir da maconha, nem mesmo o céu é esse limite – literalmente.

A empresa canadense Hempearth, especializada em produtos derivados da planta, recentemente anunciou o primeiro avião feito e movido inteiramente por maconha.

Todas as peças que compõem a aeronave, dos assentos às asas, passando pela estrutura e chegando até aos travesseiros foram feitas da erva. O avião “de maconha” é também movido por um combustível 100% feito a partir da maconha.

Engana-se quem pensa se tratar de uma “viagem” criar esse avião. A fibra da maconha é um material incrivelmente versátil e resistente, 10 vezes mais forte que o aço. Esse material aguenta muito mais peso e, ao mesmo tempo, é muito mais leve e flexível do que, por exemplo, o alumínio ou a fibra de vidro.

Além disso, trata-se de um material que quase não agride o meio ambiente em sua produção, exigindo pouca água para ser plantado e ainda alimentando o solo de volta com nutrientes. O avião possui cerca de 11 metros de envergadura e carrega até 4 passageiros.

Segundo o presidente da Hempearth, Derek Kesek, o aspecto ambiental é o mais importante no desenvolvimento de seus produtos, incluindo a aeronave. “Esse é o tipo de futuro que desejamos para o planeta”, ele disse, sinalizando o quanto as possibilidade de uso de maconha para produtos diversos são cada vez mais infinitas.

Desde remédios revolucionários até aviões, o futuro parece mesmo necessariamente passar pela maconha – só não vê quem não olha para o céu.

Veja o Vídeo

 

Por hypeness.com

Guerra na Síria já deixou mais de mil crianças mortas ou feridas em 2018

Segundo a Unicef, uma morte infantil ocorreu a cada hora no país desde que o ano começou.  Fumaça sobre os edifícios após o bombardeio na aldeia de Mesraba, na região de Ghouta ocupada por rebeldes e sitiada nos subúrbios da capital Damasco.

A guerra na Síria já deixou mais de 1.000 crianças mortas ou gravemente feridas desde que 2018 começou, afirmou um porta-voz do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) em entrevista coletiva realizada nesta sexta-feira, em Genebra, na Suíça. A estimativa é que uma criança morra a cada hora no país.

O diretor regional do Unicef para o Oriente Médio e o Norte da África, Geert Cappelaere, fez um apelo para os países acatarem a resolução tomada pelo Conselho de Segurança das Nações Unidas (ONU) no último sábado, que defendeu uma pausa humanitária de pelo menos 30 dias no país.

Muitas mães e pais na Síria imediatamente pensaram que isso representaria a sobrevivência para seus filhos, pensando que suas crianças gravemente desnutridas e aqueles que precisavam de assistência médica urgente poderiam obter exatamente isso: tratamento e ajuda, um direito muito básico”, disse. “Mas, com o passar dos dias, essas esperanças se transformaram em ilusões, as janelas se fecharam abruptamente em nossos rostos. Porque, para crianças na Síria, nada mudou.”

Ele afirma que a violência continua em várias partes do país, o que faz da Síria um dos lugares mais perigosos para uma criança viver no mundo e obriga as equipes de ajuda humanitária a trabalhar “contra o relógio”. “Nós já estamos prontos com suprimentos capazes de salvar vidas, incluindo remédios, suplementos alimentares para crianças desnutridas, kits pediátricos e para fazer partos, roupas de inverno para crianças, kits de higiene e outros itens básicos”, afirma o representante.

“Esses suprimentos deveriam ser usados em Afrin, Idlib, Ghouta Oriental, Dera’a e outras áreas de difícil alcance – algumas das quais não conseguimos acessar há meses. São nesses lugares que vivem quase dois milhões de crianças.” Cappelaere estima que, ao todo, 5,3 milhões de crianças precisem de assistência humanitária na Síria.

“A Unicef chama – uma vez mais – aqueles que lutam dentro da Síria e aqueles que têm influência sobre eles para abaixar os braços e parar a guerra contra as crianças”, pede o diretor.

Na segunda-feira, o presidente russo, Vladimir Putin, anunciou a instauração de uma trégua humanitária de cinco horas por dia em Ghouta Oriental, reduto dos rebeldes que são alvo de uma intensa ofensiva na Síria. O cessar-fogo iniciou na terça-feira e tem validade entre 9 horas e 14 horas [horário local], todos dias, durante 30 dias. Ainda assim, novos ataques durante o período estipulado têm ameaçado o acordo.

Fonte: veja.abril.com

Ônibus cai em barranco e 44 passageiros morrem no sul do Peru

Socorristas vasculham ônibus em busca de corpos das vítimas da queda do veículo em um desfiladeiro na região de Ocaña, no Peru.

Pelo menos 44 pessoas morreram e 23 ficaram feridas nesta quarta-feira (21) após um ônibus cair de um penhasco na região de Arequipa, no sul do Peru, no segundo acidente do tipo no país andino desde o início deste ano.

O veículo de dois andares, da empresa Rey Latino, passou direto em uma curva da rodovia Panamericana Sul, perto de Ocoña (a 763 km de Lima) enquanto seguia de Chala a Arequipa, por volta da 0h30 local (2h30 em Brasília).

O ônibus despencou por uma ribanceira de cerca de 100 metros de altura, parando em um rio vizinho. A maioria dos corpos foi resgatada na água. Dos feridos, oito foram levados ao hospital em estado grave, incluindo o motorista.

Pela manhã o governo peruano suspendeu a licença da transportadora por 90 dias para investigações. A Rey Latino havia afirmado inicialmente que 45 passageiros estavam no ônibus, o que não condiz com o número de vítimas.

As autoridades dizem que vários passageiros não estavam registrados. A sinuosidade e a precariedade das estradas e o pouco treinamento dos motoristas são alguns dos motivos da alta frequência de acidentes no Peru.

Em 2 de janeiro, 52 pessoas morreram depois que um ônibus caiu em um desfiladeiro de mais de 100 metros de altura em Pasamayo, a norte de Lima, ao ser fechado por um caminhão que invadiu a pista contrária.

Pele de cadáver humano fica intacta após tatuagem de magia negra

Pele de cadáver permanece intacta após tatuagem relacionada à magia negra.

Pele de cadáver permanece intacta após tatuagem relacionada à magia negra

Trabalhadores de um cemitério localizado em uma área remota em Mukdahan, entre Tailândia e Laos, ficaram surpresos quando descobriram um cadáver parcialmente decomposto cuja pele teria sido preservada pelo que eles acreditam ser uma tatuagem de magia negra.

Descoberta enquanto limpavam o local, a pele marcada causou espanto ao se apresentar intacta, porém solta, ao redor do esqueleto do morto.

Ao que tudo indica, a tatuagem estava relacionada a um feitiço que eles acreditavam tornar a pele impenetrável. Acredita-se ainda que o corpo tenha pertencido a um homem que morreu de apendicite, porque sua pele era muito dura para ser cortada em cirurgia. Isso atraiu a atenção de antropólogos que pretendem estudar a questão cultural e social envolvidas nestas crenças. 

Pele permanece intacta após tatuagem relacionada à magia negra 1

Os escavadores afirmaram que a escrita sânscrita utilizada e as imagens de um tigre fazem parte da crença local antiga de que a pele não apodrecesse. A organização tailandesa, Goopaitongdaeng Jeemokkho Goopainueng Soonpaed, responsável pela divulgação do caso, compartilhou as fotos do achado na internet, juntamente com os trabalhadores ao lado do corpo.

“As autoridades limparam o cemitério com a ajuda de moradores e voluntários, que encontraram a pele de um homem que havia morrido de apendicite”, disse um porta-voz do grupo. “Ele não pôde passar por uma cirurgia porque sua pele era muito difícil de ser cortada, e acabou morrendo em razão das dores agonizantes da doença. A pele, que possuía uma série de tatuagens, não se decompôs. O feitiço para protegê-la era tão forte que impediu a realização da operação – é o que acredita os moradores locais”.

Os mais supersticiosos ficaram surpresos com as imagens. “Isso é incrível e mostra como existem coisas que ainda não compreendemos”, escreveu a usuária Suriya Rachatawet em um dos comentários.

Pele de cadáver permanece intacta após tatuagem relacionada à magia negra 1

Daily Mail

A prisão mais temida do mundo, localizada entre a Rússia e o Cazaquistão

Operada pelo Serviço Penitenciário Federal do país, ela detém hoje criminosos como terroristas, canibais, pedófilos, maníacos e assassinos.

Conhecida como The Black Dophin (Golfinho Preto, em tradução livre), a Prison Colony IK-6, é uma prisão de segurança máxima localizada em Sol-Iletsk, Orenburg Oblast, na Rússia, junto à fronteira com Cazaquistão.

O símbolo de seu nome pode ser encontrado na entrada na prisão, como uma estátua de porte médio, em forma de um golfinho preto, que foi construída pelos internos. A IK-6 é uma das prisões mais antigas da região, com o propósito de ser usada apenas para sentenças de prisão perpétua. 

Atualmente, ela abriga cerca de 700 dos criminosos mais perigosos da Rússia, que juntos estimam-se ter cometido cerca de 4.000 assassinatos. Para chegar até ali, eles são vendados para que não possam mapear o local e planejar fugas.

O caminho até a cela é feito de maneira curiosa, de modo que os presos são curvados e algemados com as mãos para as costas, em uma “posição de estresse” que permite máximo controle por parte dos guardas.

As celas geralmente não são compartilhadas, apenas se necessário, e com no máximo duas pessoas. Cada cárcere possui um espaço muito pequeno, e com portas reforçadas com três camadas de aço.

Os presos em Black Dolphin são mantidos sob vigilância 24 horas por dia. Todos os dias, durante 90 minutos, eles são transportados para uma rotina de exercícios. Durante este período, as celas são revistas em busca de contrabando ou sinais de atividades ilícitas.

Os detentos também não têm permissão para descansar ou ficarem deitados em suas camas. Desde que são acordados, até a hora de dormir, são mantidos em movimento. E a cada 15 minutos os guardas conferem suas celas para verem se estão descumprindo as regras.

Aos prisioneiros só são permitidas leituras de livros e jornais, embora tenham permissão para portar um rádio. Quanto a comida, apenas sopa e pão são servidos, quatro vezes por dia.

Black Dolphin, assim como outras dezenas de prisões na Rússia, já foram comparadas ao sistema de gulag (campos de trabalhos forçados para criminosos), da antiga União Soviética. A administração do local é tão “linha-dura”, que os presos por vezes se mutilam em forma de protesto.

No entanto, embora tenham havido rumores sobre o abuso de presos e falta de conduta apropriada na penitenciária, a maior parte feitas por ativistas dos Direitos Humanos, não há relatórios ou reclamações confirmadas.

Fonte: Porque no se me ocurrio

Casal contrata “barriga de aluguel” e ficam chocados com o que veem

Infelizmente, não são todos os casais que conseguem ter filhos. No entanto, a ciência já criou diversas maneiras que possibilitam que estas pessoas se tornem pais.

Entre elas está o método de barriga de aluguel (embora a prática de pagar para ter um filho é proibido no Brasil), que normalmente é feito por inseminação artificial. Este foi o caso de Joanna e Steve, um casal de Los Angeles, EUA.

O casal conheceu uma jovem de 21 anos, chamada Shaniece Sturdy, que, após assistir um documentário sobre barriga de aluguel, decidiu que queria ajudar esse tipo pessoa. Sturdy, que já era mãe, decidiu que estava preparada para alugar seu ventre, na esperança de que isso mudasse sua vida e a de outras pessoas.

“Eu quero ajudar um casal a conseguir realizar o sonho de ter filhos, além de me dedicar a criar e cuidar do meu amado filho“, disse a jovem.

No entanto, Sturdy percebeu que os requisitos para o processo de seleção de barriga de aluguel eram muitos exigentes e, por isso, ficou com medo de ser recusada. Além disso, considerou que as pessoas a julgariam por isso e que sua família certamente não aprovaria e, portanto, decidiu fazer 

Ela então encontrou Joanna e Steve, um casal que sonhava em ter filho. Avisando-os de que só o faria se passasse por todo o processo sozinha, em meio ao processo ela acabou conhecendo-os melhor, e logo foi convencida de que eles eram os únicos que podiam ajudar.

ssim, Shaniece se mudou para Los Angeles para passar pelo processo de inseminação artificial. Uma vez confirmada a gravidez, a grande dúvida do trio era sobre o sexo do bebê. Mas, algo os intrigava: a barriga de Shaniece estava crescendo mais do que o normal.

Assim, quando o médico decidiu fazer o primeiro ultrassom, o trio foi surpreendido pelo fato de que a moça estava carregando gêmeos. Embora emocionados, eventualmente eles descobriram que as surpresas não acabavam por aí.

Meses depois, após uma nova ultrassonografia, o trio descobriu que os gêmeos eram na verdade trigêmeos. Muito mais impressionante do que isso, só o fato de que eles eram trigêmeos idênticos, o que é extremamente incomum, uma vez que um único zigoto normalmente se divide em apenas dois – em casos mais comuns.

As crianças, que foram nomeadas como Daisy, Willow e Harrison, nasceram com saúde e logo conheceram os pais. Eles foram considerados os primeiros trigêmeos idênticos monozigóticos nascidos no útero de aluguel de uma mãe jovem.

Shaniece foi nomeada pelo casal como madrinha das crianças, e ainda mantém um relacionamento amigável com eles, visitando as crianças regularmente. Ela confessou se sentir orgulhosa de sua decisão e feliz por tornado o sonho de uma família possível.

“Eu sei que tenho apenas 21 anos e que carregar o filho dos outros em meu útero é uma grande responsabilidade, mas também sei que foi a melhor experiência da minha vida (seguido do nascimento de meu próprio filho). Tenho certeza de que Joanna e Steve serão ótimos pais porque eu tive todo deles ao longo do processo“, disse Shaniece.

Porque no se me ocurrio / Fotos: Reprodução / Porque no se me ocurrio

Pesquisadores descobriram que o rato-toupeira-pelado não envelhece

Os ratos-toupeira-pelado (espécie Heterocephalus glaber) já foram objetos de muitos estudos.

Por meio destes, cientistas já descobriram que esses animais são imunes ao câncer e capazes de sobreviver até 18 minutos sem oxigênio.

Agora, uma equipe de pesquisadores de uma empresa de biotecnologia da Google, a Calico Labs, fez uma descoberta ainda mais impressionante. Eles verificaram que esses curiosos roedores são capazes de desafiar todas as lógicas do envelhecimento, segundo informações da Muy Interesante.

Para todos os mamíferos, o risco de morte aumenta à medida que envelhecem. Essa ideia é descrita pela lei de Gompertz-Makeham, uma equação matemática que descreve a relação do aumento da taxa de mortalidade junto ao tempo.

Para os seres humanos, o risco quase dobra todos os anos após os 30 anos de idade. Este, no entanto, não é o caso com os ratos-toupeira-pelado, uma espécie de roedor que se esconde nos desertos da África Oriental e é considerada em muitos lugares uma praga, uma vez que se alimenta de raízes e tubérculos.

“Para mim, esta informação é a mais emocionante que já obtive e vai contra tudo o que sabemos em termos de biologia de mamíferos“, explicou a pesquisadora Rochelle Buffenstein, líder do trabalho, que estuda a espécie há mais de 30 anos.

Após analisar os registros de 3.299 ratos-toupeira-pelado, ela descobriu que o risco de mortalidade permaneceu em cerca de 1 em 10.000 para o resto da vida dos ratos.

A H. glaber atinge a maturidade sexual aos seis meses de idade. Embora a expectativa de vida média em um espécime de laboratório seja de cerca de 6 anos, em habitat natural algumas podem viver mais de 30 anos, e ainda serem capazes de se reproduzir.

“Nossa pesquisa mostrou que os ratos-toupeira-pelado não envelhecem do mesmo modo que outros mamíferos e, de fato, mostram poucos ou nenhum sinal de envelhecimento e seu risco de morte não aumenta 25 vezes mais após o tempo de maturação reprodutiva“, explicou Buffenstein.

De acordo com os pesquisadores, os achados reforçam a crença de que a espécie é ainda mais excepcional do que pensamos e deve ser estuda ainda mais para ampliarmos nossa compreensão de seus mecanismos biológicos da longevidade. No entanto, mais pesquisas devem ser feitas para verificar se essa tendência pode ser observada após 30 anos de vida.

Atualmente, o rato-toupeira-pelado mais velho do mundo tem 35 anos e vive no laboratório de Buffenstein.  

Por Muy Interesante

Mãe dá à luz “bebê sereia” e médicos não determinar seu gênero

O bebê morreu apenas quatro horas depois do nascimento, e os médicos foram incapazes de determinar seu gênero.

Muskura Bibi, 23 anos, do leste da Índia, deu à luz um bebê vítima de uma condição extremamente rara que prejudicou o desenvolvimento de suas pernas, chamada de Síndrome da Sereia, chamada clinicamente de Sirenomelia.

Os pais da criança afirmaram não poder pagar por exames e medicamentos durante a gravidez. Logo, não sabiam da condição do bebê até o nascimento, que ocorreu por meio de um parto normal no hospital Chittaranjan Deva Sadan, administrado pelo governo de Kolkata, no leste da Índia.

“Os pais são trabalhadores, mas não buscaram a medicação adequada durante a gravidez por falta de dinheiro”, disse um médico do hospital, Dr. Sudip Saha. “Descobrimos que a mãe não havia feito ultrassonografia durante a gestação”.

“Nunca tinha visto um bebê desse tipo antes. É o primeiro caso de Sirenomelia no estado e o segundo no país”, afirmou. “O bebê teve formação normal na parte superior do corpo, mas abaixo da cintura suas pernas foram fundidas, não se desenvolvendo completamente. A falta de nutrição adequada e a circulação sanguínea imprópria para o bebê podem criar esse tipo de anormalidade“, acrescentou.

Em 2016, uma mulher de Uttar Pradeash, no norte da Índia, deu à luz o primeiro “bebê sereia” conhecido do país, mas que só sobreviveu por 10 minutos.

De acordo com a historiadora médica Lindsey Fitzharris, com doutorado da Universidade de Oxford, a condição, que é extremamente fatal, ocorre quando o cordão umbilical não consegue formar duas artérias. Como resultado, o suprimento de sangue para o feto é prejudicado: “Não há relatos de pessoas com esta condição que sobreviveram”, disse. “A maioria morre nos dias depois devido a insuficiência renal e da bexiga“.

Também conhecida como Sirenomelia, trata-se de uma doença extremamente rara que causa uma fusão parcial ou completa das pernas. Ela é afeta um entre 60.000 e 100.000 nascimentos, que desenvolvem complicações gastrointestinais e rins subdesenvolvidos ou ausentes.

As causas ainda são desconhecidas – embora existam teorias não aceitas por toda a comunidade científica. A maioria dos pacientes morre logo após o parto devido a complicações pulmonares e defeitos cardíacos, de acordo com informações da Organização Nacional para Distúrbios Raros.

Por Daily Mail