mulher oferece sexo em site para se vingar de ex.marido

Ela passava o endereço do antigo namorado para os interessados.

Samantha Weber

Samantha Weber

ma mulher de 38 anos tem gerado repercussão na internet ao oferecer a prática de relações íntimas em um site de classificados. O caso ocorreu como vingança ao seu ex-namorado. 

Samantha Weber, moradora de Harris, no Texas, EUA, ofereceu o serviço no site de classificados Craiglist. A vítima e ex da mulher, Heather McCarthy, foi à polícia após alguns homens irem à sua casa procurando Weber. 

As autoridades descobriram que o anúncio fora realizado pelo computador de Samantha. Ela entrava em contato com os interessados e passava o endereço de seu ex. A polícia acabou prendendo a vingadora.

Fonte: Rawstory

“Não aguentamos mais tanta violência”, diz Padre Massimo Lombardi

O reitor da Catedral Nossa Senhora de Nazaré também disse que os traficantes são verdadeiros marreteiros da morte

padre Massimo Lombardi

padre Massimo Lombardi

Na manhã desta quinta-feira (26), o padre Massimo Lombardi, falou sobre a violência e demonstrou preocupação com os altos índices de criminalidade registrados no Acre. Todos os dias, o líder religioso posta no Facebook uma oração, e hoje, o pedido foi para que haja paz.

Massimo Lombardi mencionou personagens da Bíblia para dar exemplos de pessoas violentas, e lembrou que só este ano foram realizadas 2.400 prisões no estado. Ainda no post, o padre citou a Operação Cidade Tranquila, deflagrada no fim de semana passado, e disse que não basta prender. Ele pediu que a população se indigne contra a violência.

“Senhor, precisamos de paz, pois não aguentamos mais tanta violência se alastrando ao nosso redor. Que saibamos nos indignar por tantas violências contra crianças, mulheres, pessoas idosas e fragilizadas. Que a justiça aconteça e a impunidade seja derrotada”, afirma.

O reitor da Catedral Nossa Senhora de Nazaré também disse que os traficantes são verdadeiros marreteiros da morte e pediu pela recuperação dos jovens que estão presos. “Derrama sobre a nossa cidade e sobre todos os nossos lares uma chuva de ternura, de respeito e de amor com todos os seus ingredientes:Paciência, Bondade, Humildade, Delicadeza, Entrega,Tolerância, Inocência, Sinceridade”, finalizou.

Fonte: ac24horas

Criança fica prensada em árvore, ao pegar pipa

Vítima precisou ser socorrida por equipes do Corpo de Bombeiros…

A mãe do menino permaneceu durante todo o tempo ao lado dele

A mãe do menino permaneceu durante todo o tempo ao lado dele

Uma brincadeira de criança precisou da intervenção de equipes de resgate e de socorro, na tarde desta quinta-feira (26), na região do Bairro Melissa, zona Norte de Cascavel.

O menino de sete anos ficou com uma perna prensada entre dois troncos de uma árvore, ao tentar pegar uma pipa, enroscada nos galhos.

A área onde o incidente aconteceu pertence a uma empresa privada, mas o local constantemente é usado por crianças que aproveitam o gramado a céu aberto para brincar.

Quando a equipe do Siate chegou para prestar atendimento ao menino o local foi tomado por diversas pessoas que queriam ver de perto o regate da criança.

A mãe do menino permaneceu durante todo o tempo ao lado dele, ela não quis gravar entrevista, mas disse que raramente deixa o pequeno sair na rua. Hoje após muita insistência, ela o liberou, para soltar pipa com os amigos.

Para retirar o menino do local foi necessário usar um equipamento hidráulico do Corpo de Bombeiros. “Havia várias possibilidades para resgatar o menino, mas nós optamos em usar um equipamento chamado de expansor, por ser bem forte. Usamos este equipamento para resgatar vítimas presas às ferragens, em acidentes”, explicou o tenente do Corpo de Bombeiros, Murilo Sinque.

FONTE-CGN

Após ser liberado, o pequeno Ariel, sem ferimentos, voltou a brincar com os amigos

Após ser liberado, o pequeno Ariel, sem ferimentos, voltou a brincar com os amigos

Após ser liberado, o pequeno Ariel, sem ferimentos, voltou a brincar com os amigos

Após ser liberado, o pequeno Ariel, sem ferimentos, voltou a brincar com os amigos

Após ser liberado, o pequeno Ariel, sem ferimentos, voltou a brincar com os amigos

Após ser liberado, o pequeno Ariel, sem ferimentos, voltou a brincar com os amigos

Após ser liberado, o pequeno Ariel, sem ferimentos, voltou a brincar com os amigos

Após ser liberado, o pequeno Ariel, sem ferimentos, voltou a brincar com os amigos

Após ser liberado, o pequeno Ariel, sem ferimentos, voltou a brincar com os amigos

Após ser liberado, o pequeno Ariel, sem ferimentos, voltou a brincar com os amigos

Após ser liberado, o pequeno Ariel, sem ferimentos, voltou a brincar com os amigos

Após ser liberado, o pequeno Ariel, sem ferimentos, voltou a brincar com os amigos

Alto Acre debate sobre Áreas de Livre Comércio e Free Shop

O 1º Fórum idealizado pelos prefeitos do Alto Acre que debateu a regulamentação da Lei dos Free Shop e as Áreas de Livre Comércio ganhou o apoio dos deputados Perpetua Almeida, Gladson Cameli e Senador Sergio Petecão

O 1º Fórum idealizado pelos prefeitos do Alto Acre

O 1º Fórum idealizado pelos prefeitos do Alto Acre

WILIANDRO DERZE, assessoria da PMB

Os municípios de Epitaciolândia, Brasiléia e Assis Brasil, juntamente com a Comissão de Desenvolvimento Econômico, Indústria e Comércio da Câmara dos Deputados, representada pela deputada Perpétua Almeida, realizou nessa sexta-feira, 20, em Brasiléia o 1º Fórum sobre Áreas de Livre Comércio e Free Shop. O prefeito Everaldo Gomes que ajudou viabilizar o evento firmou compromisso de lutar pela efetivação das áreas de livre comércio e chamou todos para unir forças e fazer valer as leis que beneficiam a região.

O objetivo do Fórum é debater as questões que inviabilizam as atividades nas áreas de livre comércio, assim como debater a regulamentação da Lei dos Free Shop para a região de fronteira entre cidades gêmeas.

Estiveram presentes no evento o Líder da bancada federal no Congresso Nacional, senador Sergio Petecão, deputado federal Gladson Cameli, além de comerciantes, autoridades locais e representantes da sociedade civil organizada.

Para o prefeito de Brasiléia, Everaldo Gomes o debate sobre a regulamentação da lei dos Free Shop é de estrema importância, mas a efetivação de fazer valer as áreas de livre comércio deve se sobre sair. “Na verdade as Áreas de Livre Comércio, depois de tantos anos que a lei foi aprovada deve funcionar finalmente.. Nossa região espera há muitos anos essas condições para que tenhamos um desenvolvimento significativo”, destacou Everaldo.

A deputada federal Perpétua Almeida disse que os estados ricos não queriam que a Lei dos free shop fosse aprovada. “Conseguimos a aprovação e agora queremos resolver esse problema de competir comercialmente com país que possuem um sistema tributário diferenciado. Saber como fazer para o dinheiro circular no lado brasileiro, garantindo assim a geração de empregos no Acre”, disse a deputada.

O prefeito de Epitaciolândia André Hassem disse que a Suframa não compareceu ao evento por que não tem interesse em fazer valer a área de livre comércio na região. “Precisamos de informações, saber como devemos agir. O Governo do Estado, a Receita Federal, assim como os demais órgãos deve fazer valer a lei. Não podemos e ver carretas e mais carretas passarem pelos nossos municípios e só destruir nossas ruas e avenidas e nada de ficar recursos em nossa região. A região tem a área de livre comércio, mas continuamos a pagar os mesmo impostos, ou seja, qual o beneficio que temos essa é a questão”, discursou Hassem.

A lei das áreas de Livre Comércio foi aprovada de oito de março de 1994 estipulando os municípios de Brasiléia e Cruzeiro do Sul como regiões autorizadas a realizar as atividades com a isenção dos devidos impostos.

A lei que autoriza a criação dos Free Shop em cidades gêmeas de fronteira foi publicada no Diário Oficial da União ano passado, e aguarda a regulamentação para entrar em vigor. Foram 28 municípios de nove estados contemplados pela legislação. A finalidade é estimular o consumo de produtos nacionais pelos turistas estrangeiros, em razão do preço menor cobrado nessas lojas francas por causa da isenção dos tributos e importados. As mercadorias importadas também serão suspensas de tributos.

Todo o relatório do Fórum será apresentado na Comissão de Desenvolvimento Econômico, Indústria e Comércio. No objetivo de mostrar a realidade da região e como a lei deve ser regulamentada para atender os municípios de Brasiléia, Epitaciolândia e Assis Brasil.

No caso da área de livre comércio será requerida a presença dos representantes da Suframa para explicar os motivos da não efetivação da Lei nos municípios do Acre. Assim, como debater com o Governo do Estado e Receita Federal a isenção dos tributos que até os dias atuais são recolhidos, esquecendo que a região tratasse de uma área priorizada pela legislação brasileira como de Livre Comércio.

O 1º Fórum idealizado pelos prefeitos do Alto Acre

O 1º Fórum idealizado pelos prefeitos do Alto Acre

O 1º Fórum idealizado pelos prefeitos do Alto Acre

O 1º Fórum idealizado pelos prefeitos do Alto Acre

O 1º Fórum idealizado pelos prefeitos do Alto Acre

O 1º Fórum idealizado pelos prefeitos do Alto Acre

O 1º Fórum idealizado pelos prefeitos do Alto Acre

O 1º Fórum idealizado pelos prefeitos do Alto Acre

Jovens são presas por se beijarem na pregação de Marco Feliciano

O deputado foi convidado para ministrar durante o Glorifica Litoral, em São Sebastião (SP)

Escrito Por GospelPrime

A Polícia Militar prendeu neste domingo (15) duas jovens que estavam se beijando durante a ministração do pastor Marco Feliciano que era o preletor principal do Glorifica Litoral, evento que acontece anualmente na cidade de São Sebastião, no litoral paulista.
A prisão aconteceu a mando do deputado que percebeu a reação das jovens. “A Polícia Militar que aqui está, dê um jeitinho naquelas duas garotas que estão se beijando. Aquelas duas meninas têm que sair daqui algemadas. Não adianta fugir, a guarda civil está indo até aí. Isso aqui não é a casa da mãe joana, é a casa de Deus”, disse Feliciano.
A polícia cumpriu o seu papel e tirou as jovens de 18 e 20 anos do meio da multidão de evangélicos que participava do evento. Joana Palhares e sua namorada, Yunka Mihura, afirmaram que foram agredidas pelos policias e pretendem até processar o deputado.
“Eles tiraram a gente do meio do povo e colocaram para dentro da grade. A partir do momento em que levaram a gente para debaixo do palco, me jogaram de canto na grade, deram três tapas na minha cara e começaram a torcer meu braço”, disse Joana, de 18 anos.
A namorada confirma a agressão e diz que se sentiu tão impotente por não poder ajudá-la. “Foi completamente injusto e horrível. Nunca senti tanta impotência ao ver os policiais batendo nela, me segurando forte e eu não podendo fazer nada”, disse Yunka Mihura.
Pelo Facebook Joana promoveu um evento o chamado “beijaço” para exigir a saída de Marco Feliciano da Comissão de Direitos Humanos e Minorias, pedindo para que os participantes levassem faixas e cartazes contra o deputado.
Alguns dos amigos das jovens gravaram o momento que os guardas levam as duas garotas para de atrás do palco. O vídeo diz no título que fora o deputado quem pediu para que elas fossem agredidas, mas dá para ouvi-lo dizer aos polícias presentes para terem cautela, pois esses manifestantes sempre afirmam que são agredidos. 

duas jovens que estavam se beijando durante a ministração do pastor Marco Feliciano

duas jovens que estavam se beijando durante a ministração do pastor Marco Feliciano

Com informações G1.

Homem tenta agredir a ex-namorada e é morto a facadas por ela

Ele estava inconformado com fim do relacionamento e decidiu ir tirar satisfações

Foi tirar satisfações e foi morto

Foi tirar satisfações e foi morto

Um homem de 31 anos tentou agredir a ex-namorada na porta de casa e foi morto a facadas por ela. A polícia disse que ele estava inconformado com o fim do relacionamento e teria ido tirar satisfações com a mulher.

O crime aconteceu por volta das 23h30 deste sábado (14) no bairro Vila Boa em São Sebastião, região administrativa do DF. A mulher, de 23 anos, estava com um novo namorado em casa quando a vítima apareceu e começaram as agressões.

Primeiro, o homem teria agredido fisicamente o novo namorado da mulher e depois teria partido para cima da ex. Para se defender, ela pegou uma faca e o atingiu no estômago.

A vítima chegou a ser socorrida e levada para a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) da cidade, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

A acusada foi levada para a 30ª DP (São Sebastião), onde a ocorrência está registrada, e prestou depoimento. Como não houve o flagrante, a mulher vai responder ao processo de homicídio em liberdade.

A polícia também não descarta a hipótese de que ela seja absolvida, uma vez que o crime teria sido motivado por legítima defesa.

Esquizofrênico é amarrado pelo pescoço e espancado

Jovem de 26 anos foi confundido com ladrão após quebrar vidro de carro.
Fato aconteceu na tarde desta sexta-feira (13).

Carlo Guerra do Nascimento

Carlo Guerra do Nascimento

FONTE-G1
Um rapaz diagnosticado com esquizofrenia foi agredido por populares e amarrado pelo pescoço em um poste após quebrar o vidro de um carro que estava estacionado na avenida Prudente de Morais, na tarde desta sexta-feira (13), no bairro de Lagoa Seca, em Natal. A Polícia Militar foi acionada e encaminhou Igor Carlo Guerra do Nascimento, de 26 anos,  para a Delegacia de Plantão da zona Sul. Não foi registrado boletim de ocorrência nem por parte do dono do carro, nem por parte do rapaz agredido.

Uma pessoa que passava pelo local registrou a agressão e enviou imagens ao G1. As imagens mostram o rapaz sendo amarrado pelo pescoço com uma corda em um poste e levando chutes e murros de populares.

A mãe de Igor, a auxiliar de farmácia Minerva de Medeiros, de 49 anos, contou ao G1 que o filho saiu de casa para ir a uma consulta com o psicólogo. Ela terminava de se arrumar para acompanhá-lo, mas ele não quis esperar. “Ele foi na frente e eu saí em seguida. Quando vi a confusão na avenida Prudente de Morais me aproximei e vi que era meu filho. Eu comecei a gritar, a pedir para pararem de agredi-lo. Fiquei desesperada quando vi meu filho amarrado”, disse.

O soldado Nascimento, que atendeu a ocorrência, disse que ao chegar ao local o rapaz estava amarrado pelo braço. “Ele não estava mais sendo agredido. O caso dele é de hospital, não de delegacia, mas trouxemos ele pra cá para evitar uma confusão maior no local. A mãe dele assumiu o prejuízo e não foi preciso registrar ocorrência. É uma pena que a população tenha agido dessa forma, mas a sociedade está tão cansada de tanta violência que ninguém sabe como agir em uma situação como essa”, afirmou. O PM afirmou que a orientação à população é que acione a polícia para que sejam tomadas as providências. O dono do carro estava na delegacia, mas não quis falar com a reportagem.

Minerva de Medeiros contou que a doença do filho foi diagnosticada em 2008 e desde então ele faz acompanhamento médico e toma remédios controlados. Ela apresentou o atestado onde consta que o filho tem CID10: F25, que pela Classificação Internacional de Doenças significa transtornos esquizoafetivos. “Ele tem esses rompantes, essas mudanças repentinas de comportamento. Uma hora ele está bem, em outra fica agressivo”, contou. Ela relatou que essa não é a primeira vez que ele tem uma crise na rua. “Ele já agrediu um rapaz na rua uma vez sem razão aparente e também já quebrou móveis e eletrodomésticos em casa”, disse.

Na delegacia, Igor relatou que quebrou o vidro do carro com uma torneira de alumínio que ele levava no bolso. Perguntado sobre as razões que o levaram a fazer isso ele respondeu apenas “não sei”.

Emocionada, a mãe de Igor falou do preconceito enfrentado pela família. “É muito difícil, as pessoas não entendem a doença, a sociedade ainda tem muito preconceito, é injusta”, disse. Apesar das agressões sofridas pelo filho, ela optou por não registrar boletim de ocorrência. “Eu não quero mais problemas, tudo isso é muito difícil. Estar em uma delegacia já é muito humilhante. Meu sentimento hoje é confuso”.

Presídios da Paraíba têm alas exclusivas para homossexuais

A medida, inédita no país, foi adotada após denúncias de abusos sexuais e violência física e psicológica, principalmente contra os travestis.

Presídios da Paraíba têm alas exclusivas

Presídios da Paraíba têm alas exclusivas

Folha de São Paulo

WILLIAM DE LUCCA
COLABORAÇÃO PARA A FOLHA, EM JOÃO PESSOA

Presos gays, lésbicas, bissexuais, transexuais e travestis da Paraíba têm à disposição deste o início do mês alas exclusivas nos três principais presídios do Estado.

Os abusos foram denunciados pela Comissão Estadual de Direitos Humanos, que constatou casos de violência em vistorias em maio e junho.

Numa primeira etapa, dois presídios em João Pessoa e outro em Campina Grande, no interior do Estado, ganharam essas alas separadas. Cerca de 40 presos já solicitaram ingresso aos setores.

Segundo o secretário de Administração Penitenciária, Walber Virgolino, a proposta é levar o projeto a todos os presídios (18 penitenciárias e 61 cadeias públicas) até o próximo ano, inclusive com a construção de pavilhões exclusivos.

“As pessoas têm o direito de escolher com quem querem se relacionar. Precisávamos acabar com essas violações”, afirma o secretário.

O presidente da comissão da diversidade sexual da seção local da OAB, José de Melo Neto, diz que o novo sistema possibilita “tratamento humanizado” aos presos.

Integrante dessa comissão do governo do Estado e presidente de entidade LGBT, Renan Palmeira afirma que a iniciativa é um avanço. “Com a ala separada, eles ganham cidadania e respeito. Passam a ser tratados pelo nome social e a ter direitos antes negados, como visitas íntimas.”

O advogado especialista em criminalística Sheyner Asfora disse que a iniciativa é importante, mas expõe a falta de controle estatal.”Isso deixa claro que quem determina as regras nos presídios são os próprios presos.”

Alas para gays em prisões

Presídios da Paraíba têm alas exclusivas

Presídios da Paraíba têm alas exclusivas

‘MUITO MELHOR’

Na penitenciária do Roger, em João Pessoa, a criação de uma ala foi bem recebida pelas cinco transexuais e dois homossexuais que atualmente dividem uma cela.

Joandalo Fátimo, 23, cumpre pena de quatro anos por roubo e diz que a medida reduziu a violência na unidade.

“Estou preso pela terceira vez e já fui agredido por não aceitar fazer sexo com outro preso. Na fila do almoço, ele me empurrou contra a grade e cortou meu rosto”, afirma.

A transexual Luana Lucrécio, 30, quatro anos de prisão por assalto, diz que está “muito melhor” no presídio.

“Erramos e estamos pagando, mas temos que ser tratados com respeito. Está muito melhor, mesmo sabendo que a homofobia e o preconceito estão longe de acabar.”

Presídios da Paraíba têm alas exclusivas

Presídios da Paraíba têm alas exclusivas

Presídios da Paraíba têm alas exclusivas

Presídios da Paraíba têm alas exclusivas

Presídios da Paraíba têm alas exclusivas

Presídios da Paraíba têm alas exclusivas

Urso de pelúcia é usado como senha para entregar maconha

De acordo com informações da Polícia Civil

manicure Daniela Carneiro Rios, de 29 anos

manicure Daniela Carneiro Rios, de 29 anos

Redação do ITAPOAN ON LINE

Uma mulher foi presa com 10 kg de maconha em um ponto de ônibus na Estrada do Coco, próximo ao Aeroporto Internacional Luis Eduardo Magalhães.

De acordo com informações da Polícia Civil, a manicure Daniela Carneiro Rios, de 29 anos, estava com a droga em uma maleta e um urso de pelúcia com uniforme do Bahia, que era a senha para os traficantes que iriam buscar a encomenda.

Em depoimento à polícia, Daniela disse que estava transportando a droga a pedido do namorado, mas não sabia quem era as pessoas que iriam encontrá-la no local combinado. A manicure foi autuada em flagrante e será encaminhada ao sistema prisional.

Pastor é detido antes de queimar 3.000 exemplares do Alcorão

Jones já realizou atos semelhantes que resultaram em violência no Oriente Médio e Afeganistão

pastor americano Terry Jones

pastor americano Terry Jones

O polêmico pastor americano Terry Jones foi detido na quarta-feira (11) na Flórida antes de queimar 3 mil exemplares do Alcorão no aniversário dos atentados de 11 de setembro de 2001, informou a imprensa local.

Terry Jones, de 61 anos, foi detido em Mulberry, perto de Tampa, Flórida, e enfrenta acusações de transporte ilegal de combustível e porte de arma de fogo, segundo o jornal Orlando Sentinel.

No momento da detenção, Jones dirigia uma caminhonete que transportava uma churrasqueira repleta de exemplares do Alcorão molhados com querosene.

Também transportava garrafas adicionais do combustível, destaca o jornal.

O plano de Jones era queimar em público o livro sagrado dos muçulmanos na data do aniversário dos atentados de 11/9 e em um momento de grande tensão no Oriente Médio pelo conflito na Síria.

Segundo o site do pastor, ele tinha planos de queimar na quarta-feira 2.998 exemplares do Alcorão em Tampa Bay, uma referência ao número de vítimas do 11/9.

Jones ameaçou em 2010 executar um ato similar, o que provocou muita indignação tanto dentro como fora dos Estados Unidos, mas depois desistiu do plano.

Em 2011, no entanto, o pastor queimou o Alcorão e no ano seguinte promoveu um filme anti-islâmico. Os três incidentes provocaram atos de violência no Oriente Médio e Afeganistão.

FONTE-R7