Polícia Militar prende possível autor de homicídio na Vila do V 

A prisão se deu após uma denúncia anônima da localização do possível autor do homicídio, O suspeito foi encaminhado para Delegacia de Polícia Civil.

Homens do 5° Batalhão de Polícia Militar (5° BPM), lotados no município de Porto Acre, prenderam o possível autor de um homicídio cometido no bairro Portelinha, na Vila do V.

Após tomar ciência do crime, a guarnição recebeu uma denúncia anônima da localização do possível autor do homicídio.

Imediatamente, a equipe policial se deslocou ao endereço, onde localizou na residência F.C.G, de 26 anos.

Questionado sobre sua participação no homicídio,  F.C.G confessou a autoria e indicou a participação de outro homem, que não foi localizado pela equipe policial. O autor foi encaminhado para Delegacia de Polícia Civil.

Após enxurrada, Defesa Civil inicia trabalho de limpeza em ruas de Brasileia

Água de bueiros invadiu casas e alagou seis dos nove bairros durante o final de semana. Defesa Civil faz drenagem nesta segunda (19) para evitar nova enxurrada.

A forte enxurrada registrada na cidade de Brasileia, interior do Acre, durante o final de semana, atingiu 60 famílias e causou estragos aos moradores. Nesta segunda-feira (19), as águas dos bueiros baixaram e as famílias iniciaram os trabalhos de limpeza.

A Defesa Civil da cidade informou que na madrugada de sábado (17) choveu 107 milímetros e na tarde de domingo (18) 80 milímetros.

Ainda segundo o órgão, seis dos nove bairros de Brasileia foram afetados pela enxurrada. O nível do Rio Acre no município marcou 6,45 metros às 9h desta manhã. Já às 12h, o manancial baixou para 5,18 metros.

“Ontem [domingo,18] durante a tarde teve uma grande chuva. Choveu por cerca de uma hora e, tendo em vista que temos um parque centenário no Centro da cidade, que é um lago, com a chuva de sábado, o lago transbordou. Hoje está tudo tranquilo e estamos fazendo o trabalho de drenagem no parque”, explicou o coordenador da Defesa Civil, Francisco Andrade Lima.

O coordenador acrescentou ainda que as águas subiram uns 20 centímetros dentro das casas durante a enxurrada. Para ajudar os moradores, foram distribuídos kits com produtos de limpeza. De acordo com Lima, a previsão é de chuva para esta segunda.

“O tempo está fechado, a previsão é de chuva na parte da tarde, mas estamos fazendo o trabalho de desobstrução de bueiros e limpeza”, concluiu.

Do G1 Acre

Homem é morto a golpes de faca na Vila do V, em Porto Acre

Identificado como Deusimar da Cruz Oliveira, homem foi morto dentro de casa. Polícia prendeu um suspeito do crime e o comparsa segue foragido.

Um homem identificado como Deusimar da Cruz Oliveira foi morto neste domingo (18) na Vila do V, em Porto Acre, no interior do estado. Segundo informações da polícia, ele morreu após levar vários golpes de faca. O crime ocorreu por volta das 7h30 deste domingo.

O delegado que investiga o caso, Pedro Paulo Buzolin, informou que a polícia prendeu o principal suspeito do crime, identificado como Francisco das Chagas. O comparsa dele já foi identificado, mas segue foragido. Chagas vai ser levado para a Delegacia de Flagrantes em Rio Branco.

Buzolin disse que a vítima teria se desentendido com uma pessoa em uma festa na vila e ao retornar para casa foi surpreendido. O corpo de Oliveira foi levado para o Instituto Médico Legal (IML), em Rio Branco.

“Já conseguimos prender o principal suspeito e o comparsa já foi identificado. Estamos atrás de prendê-lo também. O que temos até agora é que tudo começou após uma discussão em uma bebedeira. Essa é a principal linha de invetigação”, disse o delegado.

Sobre as facadas, Buzolin afirmou que, ao que tudo indica, a vítima teria tentado se defender. “Foi mais de uma facada. Inclusive ele tem cortes na mão, mostrando que tentou se defender”, alegou.

Do G1 Acre

Aluno de escola rural realiza sonho de ingressar na Ufac

O jovem Diego garantiu sua classificação em sexto lugar no curso de educação física da Ufac. O estudante pretende se especializar em sua futura área de atuação.

Por Thais Farias / Assessoria

Diego, 25 anos, ingressa este ano na Universidade (Foto: Mágila Campos)

Não precisa ser íntimo de Diego Freitas para notar que ele carrega uma força de vontade especial. Desde a adolescência, Diego, que hoje trabalha como agricultor familiar, é daquelas pessoas decididas, que não temem as dificuldades perante a vida. Desse modo, alguns obstáculos tiveram que ser superados para que o jovem pudesse encontrar caminhos que o levassem até o sucesso.

Apaixonado por animais e pela calmaria que a vida rural proporciona, Diego, hoje com 25 anos, está prestes a concretizar um sonho antigo: cursar uma faculdade. A ideia de ingressar no nível superior lhe parecia distante, quando tinha que desistir dos estudos devido ao trabalho de sua mãe (vendedora), que os obrigava a mudar de bairro, moradia e escola frequentemente.

Por conta disso, parte da vida estudantil do rapaz foi cursada por meio de programas de ensino especial oferecidos pela Secretaria de Estado de Educação e Esportes (SEE), como o Programa Nacional de Inclusão de Jovens (Projovem) e Educação de Jovens e Adultos (EJA).

Diego concluiu o ensino médio no ano passado, pelo sistema EJA, na escola rural Dr. Santiago Dantas, situada no km 15 da Rodovia AC-90, na Transacreana. Assim que finalizou, focou os estudos no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). “Foi a primeira vez que eu me senti seguro para tentar conseguir uma vaga na universidade. Para isso eu estudei de todas as formas que podia: na escola, em casa, nos livros, na internet. Sentia que não podia mais esperar para pensar no meu futuro.”

A princípio, desejava cursar medicina veterinária, no entanto, como o curso é em período integral, ficaria impossibilitado de prosseguir com seu trabalho diário na chácara em que reside com a família. Foi então que optou pelo curso de educação física, que, além de possibilitar estudar e continuar seu trabalho na agricultura familiar, também lhe interessa por um motivo bem pessoal.

“Antes de morar na zona rural eu pesava 140 quilos, e depois que comecei a trabalhar com minhas plantações e bichos perdi quase 40 quilos em quatro anos, sem auxílio de nenhum profissional. Passei a fazer atividade física também para os concursos e me apaixonei. Isso me fez entender o valor da saúde e da qualidade de vida, colocando o curso como minha segunda opção no Enem.”

O esforço deu certo e garantiu sua classificação em sexto lugar na chamada regular do exame para o curso de educação física na Universidade Federal do Acre (Ufac). Uma alegria que não tinha tamanho para ele e a família. “É uma sensação de realização. Um sentimento de felicidade e agradecimento a Deus, a minha família e aos meus professores.”

Mas isso só foi possível depois que percebeu o prejuízo de uma vida sem escolaridade. “Foi um surto mesmo que deu em mim. Percebi o quanto tempo eu havia perdido sem estudar e vi a realidade, que da maneira que estava vivendo não me levaria a lugar nenhum. Compreendi que se eu não focasse nos estudos não conseguiria dar uma vida melhor a minha família. Foi aí que eu despertei.”

Ensino especial

Diego concluiu o ensino médio pelo sistema EJA, na escola rural Dr. Santiago Dantas (Foto: Mágila Campos)

Ser aluno de EJA tem suas peculiaridades que diferem do ensino regular. Foram dois anos e meio para a conclusão do ensino médio, tempo insuficiente para o aprendizado de um aluno se consideramos o método de ensino regular. Contudo, para Diego, foi a solução encontrada para reverter o atraso em sua escolaridade. Com a assistência do EJA, ele viu a oportunidade de sonhar novamente com um futuro brilhante, a ponto de orgulhar-se de si próprio.

Considerando as dificuldades que enfrentou no dia a dia, Diego tirou essa fase de letra. Voltar à sala de aula aos 21 anos o fez refletir sobre muitas coisas, entre elas, a solidariedade e a compaixão pelo outro. “Dividi espaço com pessoas que estavam na escola pela primeira vez. Não podia ser egoísta e pensar somente na minha necessidade. Foi um tempo de troca de experiências e muita sabedoria. E sem o amparo dos professores que tive, seria impossível continuar.”

Para enfrentar a concorrência do Enem com igualdade, o aluno não esperava somente o conteúdo passado pelo professor em sala de aula. “Sempre busquei conteúdo também em casa, pela internet, para chegar à aula dominando as disciplinas. Gostava de chega na aula do dia seguinte dominando o assunto das disciplinas passadas”.

O secretário estadual de educação e esportes, Marco Brandão, alerta que o público-alvo da ação educacional, que oferece novas perspectivas de vida profissional e social, são pessoas com idade a partir de 15 anos que, por razões diversas, não tiveram a oportunidade de frequentar a escola ou concluir os estudos. “Por meio da EJA é possível acessar diversos ciclos de formação, os quais foram organizados para atender todos os níveis de ensino. Ainda existe ainda o Programa Especial de Ensino Médio (PEEM/Poronga) que é voltado para alunos de Ensino Médio que se encontram em distorção idade-série, ou seja, quando a idade não corresponde com o ano letivo que o estudante cursa”.

Desde 2014, todos os municípios são atendidos, incluindo Santa Rosa do Purus – onde a SEE iniciou atendimento com Ensino Médio EJA desde o ano de 2013, uma vez que os demais segmentos estão sobre responsabilidade do município.

Exemplo

Ele faz parte de uma família de seis irmãos, dos quais apenas uma possui nível superior, e agora, ele. “Além de tudo, essa também é uma maneira de eu incentivar meus irmãos a continuar os estudos. Busco ser esse exemplo para eles e meu enteado. Apesar de ter desperdiçado uma parte da minha vida sem estudar, eu acordei e resolvi estudar, pois é o único caminho pelo qual posso melhorar de vida.”

Casado há 10 anos, seu envolvimento com os animais o fizeram permanecer na zona rural. “Trocamos nossa casa na cidade por esta e, por conta dos animais que criamos, não posso sair daqui, mas vou conciliar meus afazeres de casa com o estudo.”

Sobre o futuro

Agora ele quer se especializar na área que escolheu estudar.  “A partir do momento que eu entrar na universidade eu quero focar nas disciplinas, para concluir e absorver a melhor quantidade de informações que eu puder, para ter uma boa base de formação. Daí para frente quero me dedicar ainda mais para os concursos, agora a nível superior ou, conseguir um contrato para trabalhar na área”.

Para a esposa de Diego, foi só felicidade saber que o marido vai cursar uma faculdade federal. “Fiquei muito feliz. Vamos nos adaptar a nova rotina para que nada interfira na vida acadêmica dele”.

Enem 2018

Na primeira chamada do Enem, sete alunos da escola rural Santiago Dantas se classificaram na chamada regular por meio do Sistema Unificado de Seleção (Sisu), além de estudantes de outras instituições da zona rural.

Urgente: Nível do Rio Acre ultrapassa cota de alerta em Rio Branco

O Rio Acre, na capital Rio Branco, ultrapassou a cota de alerta ao meio dia deste domingo.

Dados divulgados pela Defesa Civil Estadual apontam que o rio marca 13,53 metros, três centímetros acima da cota de alerta que é de 13,50 metros.

No último sábado, 17, o governador Tião Viana, o prefeito de Rio Branco, Marcus Alexandre, e suas equipes técnicas, estiveram reunidos, na sala de situação do Corpo de Bombeiros, para organizar ações preventivas em torno do transbordamento do Rio Acre na capital acreana previsto para ocorrer nos próximos dias.

Conforme informações do Serviço Geológico do Brasil (CPRM), Em Assis Brasil há continuidade do processo de vazante, assim como em Brasileia.

Em Xapuri a onda de cheia atingiu seu máximo e a vazante deve iniciar nas próximas 6 horas.
Na capital, a tendência de subida deve continuar nas próximas 12 horas.

Homem é morto a tiros enquanto assistia televisão com a família

Raimundo da Cruz, de 32 anos, foi morto com ao menos cinco tiros. Ninguém foi preso, mas polícia já identificou dois suspeitos.

Um homem, identificado como Raimundo Nonato Santos da Cruz, de 32 anos, foi morto com pelo menos cinco tiros no bairro Miritizal, em Cruzeiro do Sul. Segundo informações da polícia, ele estava sentado no sofá assistindo televisão com a família quando foi surpreendido por criminosos.

Ao menos três homens teriam invadido a casa da vítima e efetuado os disparos. O delegado que recebeu o caso, Luiz Tonini, informou que ninguém foi preso ainda, mas que dois suspeitos já foram identificados.

A polícia recebeu a informação de que a vítima seria integrante de facção criminosa e que esse seria o motivo do crime.

“Recebemos informação de que criminosos iriam matar uma outra pessoa e, quando a gente teve conhecimento disso, conduzimos essa pessoa até em casa com segurança. Provavelmente pelo fato de não terem conseguido matar essa pessoa que estava certa para morrer ontem, resolveram matar esse outro que supostamente fazia parte da mesma facção”, disse o delegado.

O crime ocorreu por volta das 20h. “Tinha parentes dele dentro de casa na hora do crime. A informação é que ele estava assistindo televisão, três ou quatro invadiram a casa e dispararam várias vezes contra ele que morreu no local”, contou Tonini.

O irmão da vítima, Manoel dos Santos, 42 anos, disse que não tem conhecimento de que Cruz tinha envolvimento com grupo criminoso e se tinha inimigos. Segundo ele, os criminosos chegaram a pé na casa do irmão e entraram atirando.

“Só sei dizer que esse pessoal chegou, meteu o pé na porta da casa dele e fez os disparos. Não sei dizer se ele tinha inimigos, ou rixa. Eles desceram pelo Rio Juruá, estavam de bote, pararam no porto e subiram a pé para a casa do meu irmão que fica a uns 30 metros do rio”, informou.

Cruz não resistiu aos ferimentos e morreu no local antes da chegada do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). O corpo dele foi levado pelo Instituto Médico Legal (IML) para exames e em seguida liberado para a família.

O velório de Cruz ocorre em uma igreja próximo à casa dele e o corpo deve ser enterrado no final da tarde no cemitério Jardim da Paz.

Do G1 Acre

A prisão mais temida do mundo, localizada entre a Rússia e o Cazaquistão

Operada pelo Serviço Penitenciário Federal do país, ela detém hoje criminosos como terroristas, canibais, pedófilos, maníacos e assassinos.

Conhecida como The Black Dophin (Golfinho Preto, em tradução livre), a Prison Colony IK-6, é uma prisão de segurança máxima localizada em Sol-Iletsk, Orenburg Oblast, na Rússia, junto à fronteira com Cazaquistão.

O símbolo de seu nome pode ser encontrado na entrada na prisão, como uma estátua de porte médio, em forma de um golfinho preto, que foi construída pelos internos. A IK-6 é uma das prisões mais antigas da região, com o propósito de ser usada apenas para sentenças de prisão perpétua. 

Atualmente, ela abriga cerca de 700 dos criminosos mais perigosos da Rússia, que juntos estimam-se ter cometido cerca de 4.000 assassinatos. Para chegar até ali, eles são vendados para que não possam mapear o local e planejar fugas.

O caminho até a cela é feito de maneira curiosa, de modo que os presos são curvados e algemados com as mãos para as costas, em uma “posição de estresse” que permite máximo controle por parte dos guardas.

As celas geralmente não são compartilhadas, apenas se necessário, e com no máximo duas pessoas. Cada cárcere possui um espaço muito pequeno, e com portas reforçadas com três camadas de aço.

Os presos em Black Dolphin são mantidos sob vigilância 24 horas por dia. Todos os dias, durante 90 minutos, eles são transportados para uma rotina de exercícios. Durante este período, as celas são revistas em busca de contrabando ou sinais de atividades ilícitas.

Os detentos também não têm permissão para descansar ou ficarem deitados em suas camas. Desde que são acordados, até a hora de dormir, são mantidos em movimento. E a cada 15 minutos os guardas conferem suas celas para verem se estão descumprindo as regras.

Aos prisioneiros só são permitidas leituras de livros e jornais, embora tenham permissão para portar um rádio. Quanto a comida, apenas sopa e pão são servidos, quatro vezes por dia.

Black Dolphin, assim como outras dezenas de prisões na Rússia, já foram comparadas ao sistema de gulag (campos de trabalhos forçados para criminosos), da antiga União Soviética. A administração do local é tão “linha-dura”, que os presos por vezes se mutilam em forma de protesto.

No entanto, embora tenham havido rumores sobre o abuso de presos e falta de conduta apropriada na penitenciária, a maior parte feitas por ativistas dos Direitos Humanos, não há relatórios ou reclamações confirmadas.

Fonte: Porque no se me ocurrio

Casal contrata “barriga de aluguel” e ficam chocados com o que veem

Infelizmente, não são todos os casais que conseguem ter filhos. No entanto, a ciência já criou diversas maneiras que possibilitam que estas pessoas se tornem pais.

Entre elas está o método de barriga de aluguel (embora a prática de pagar para ter um filho é proibido no Brasil), que normalmente é feito por inseminação artificial. Este foi o caso de Joanna e Steve, um casal de Los Angeles, EUA.

O casal conheceu uma jovem de 21 anos, chamada Shaniece Sturdy, que, após assistir um documentário sobre barriga de aluguel, decidiu que queria ajudar esse tipo pessoa. Sturdy, que já era mãe, decidiu que estava preparada para alugar seu ventre, na esperança de que isso mudasse sua vida e a de outras pessoas.

“Eu quero ajudar um casal a conseguir realizar o sonho de ter filhos, além de me dedicar a criar e cuidar do meu amado filho“, disse a jovem.

No entanto, Sturdy percebeu que os requisitos para o processo de seleção de barriga de aluguel eram muitos exigentes e, por isso, ficou com medo de ser recusada. Além disso, considerou que as pessoas a julgariam por isso e que sua família certamente não aprovaria e, portanto, decidiu fazer 

Ela então encontrou Joanna e Steve, um casal que sonhava em ter filho. Avisando-os de que só o faria se passasse por todo o processo sozinha, em meio ao processo ela acabou conhecendo-os melhor, e logo foi convencida de que eles eram os únicos que podiam ajudar.

ssim, Shaniece se mudou para Los Angeles para passar pelo processo de inseminação artificial. Uma vez confirmada a gravidez, a grande dúvida do trio era sobre o sexo do bebê. Mas, algo os intrigava: a barriga de Shaniece estava crescendo mais do que o normal.

Assim, quando o médico decidiu fazer o primeiro ultrassom, o trio foi surpreendido pelo fato de que a moça estava carregando gêmeos. Embora emocionados, eventualmente eles descobriram que as surpresas não acabavam por aí.

Meses depois, após uma nova ultrassonografia, o trio descobriu que os gêmeos eram na verdade trigêmeos. Muito mais impressionante do que isso, só o fato de que eles eram trigêmeos idênticos, o que é extremamente incomum, uma vez que um único zigoto normalmente se divide em apenas dois – em casos mais comuns.

As crianças, que foram nomeadas como Daisy, Willow e Harrison, nasceram com saúde e logo conheceram os pais. Eles foram considerados os primeiros trigêmeos idênticos monozigóticos nascidos no útero de aluguel de uma mãe jovem.

Shaniece foi nomeada pelo casal como madrinha das crianças, e ainda mantém um relacionamento amigável com eles, visitando as crianças regularmente. Ela confessou se sentir orgulhosa de sua decisão e feliz por tornado o sonho de uma família possível.

“Eu sei que tenho apenas 21 anos e que carregar o filho dos outros em meu útero é uma grande responsabilidade, mas também sei que foi a melhor experiência da minha vida (seguido do nascimento de meu próprio filho). Tenho certeza de que Joanna e Steve serão ótimos pais porque eu tive todo deles ao longo do processo“, disse Shaniece.

Porque no se me ocurrio / Fotos: Reprodução / Porque no se me ocurrio

Aspirina poderia funcionar da mesma forma que o Viagra, sugere polêmico

Os resultados da pesquisa, sugere que a o medicamente poderia tratar a disfunção erétil.

Pesquisadores da Istambul Medipol University, na Turquia, descobriram por meio de um estudo de seis semanas que apenas 100 mg de aspirina por dia reduziu significativamente problemas de circulação em um grupo de homens, aumentando a taxa de sucesso de ereção.

O estudo considerou um grupo de 184 homens, com idade média de 48 anos e com problemas de ereção. Ao final de um período de seis semanas, os pesquisadores descobriram que o função erétil aumentou em 14,3 em 30 (menos de 50%) para 21,3 (mais de 75%), com base em uma escala universalmente aceita, chamada Índice Internacional de Função Erétil (IIEF-5).

Tais estatísticas não ficaram longe da taxa de sucesso comercializada pelo Viagra, que é de 48% a 81%.

O estudo foi considerado inovador porque é o primeiro a avaliar como a terapia de plaquetas no sangue pode afetar a disfunção erétil, apesar de pesquisas anteriores associaram os problemas de ereção com o alto volume de plaquetas.

Segundo o autor principal do estudo, Dr. Zeki Bayraktar, alguns homens têm volumes maiores de plaquetas do que outros, o que acarreta em uma maior produção de tromboxano, um membro da família de lipídeos que é conhecido por ser o “agente de bloqueio mais potente” da circulação.

Para o experimento, dos 184 homens estudados, 120 deles tomaram aspirina, enquanto que os 64 restantes, placebo. Assim, durante um período de seis semanas, foram rotineiramente questionados com duas perguntas:

– Você conseguiu inserir seu pênis na vagina de sua parceira?

– Sua ereção durou o suficiente para que tivesse relações sexuais bem-sucedidas?

De acordo com os relatórios do estudo, todos os participantes começaram com respostas semelhantes. Cerca de 50% do grupo de placebo respondeu “sim” à primeira pergunta, enquanto que 51,3% do grupo da aspirina fez o mesmo.

Por outro lado, menos de um terço de cada grupo (31,6% e 31,2%, respectivamente) disse “sim” para a segunda pergunta. Já no final do estudo, as respostas foram extremamente diferentes. Após seis semanas de do uso diário de aspirina, 88,3% dos homens responderam “sim” à primeira pergunta, enquanto que 78,3% disseram “sim” à segunda.

O grupo de placebo também experimentou mais ereções durante o estudo, embora não de maneira estatisticamente significativa. Segundo os pesquisadores, 59,3% por cento respondendo “sim” à primeira pergunta e 43,5% por cento respondendo “sim” ao segundo no final do estudo.

Entretanto, urologistas que não estiveram envolvidos no estudo advertiram os homens a respeito dos resultados, uma vez que o experimento não envolveu uma grande amostra de pacientes. Além disso, os pesquisadores não consideraram questões como diabetes, hipertensão e doença arterial coronariana, que também influenciam na disfunção erétil.

“Embora o estudo tenha contribuído para o crescente número de evidências que ligam a disfunção endotelial à disfunção erétil, os resultados devem ser reproduzidos em maior escala antes de tirarmos qualquer conclusão sobre o uso da aspirina como uma forma de prevenção e tratamento”, concluiu o Dr. Darshan P. Patel, da Divisão de Urologia na Faculdade de Medicina da Universidade de Utah, à Renal e Urology News.

Fonte: Daily Mail

Operação acontece, nas cidades de Brasileia, Assis Brasil e Epitaciolândia

Colaboração constante é fundamental para diminuir a violência na fronteira, diz comandante boliviano.

Por Willamis França e Tião Vitor 

O subcomandante da Policia Militar de Pando, estado boliviano que faz fronteira com o Acre, Luciano Suarez Valderama, defendeu a colaboração constante das forças de seguranças dos dois países como forma principal para reduzir a violência na região de Fronteira.

Valderrama comanda a força tarefa boliviana que participa neste fim de semana de uma operação conjunta com o Brasil, realizada para combater o tráfico de veículos roubados entre Brasil e Bolívia. 

“Entendemos que os delitos são transnacionais, ou seja, passam de um país para outro. Para evita-los, é importante que as polícias irmãs se unam de forma coordenada para por fim os eventos devastadores dos agentes delitivos”, disse Luciano Valderrama.

O oficial boliviano lembrou que seu país tem mantido sempre boas relações com as polícias brasileiras no Estado do Acre, o que tem garantido a solução de muitos delitos, principalmente, crimes violentos no Brasil e na Bolívia.

Sobre a operação deste fim de semana, o militar disse que, além de combater o tráfico de veículos, também está sendo possível a apreensão de armas de fogo, armas brancas, tráfico de drogas de cargas controladas e outros produtos ilícitos.

“Para nós, é uma satisfação participar desse tipo de ação com a polícia brasileira.”