Mandato de Jéssica Sales trava recursos para o Vale do Juruá a mando de seu pai embirrado com Ilderlei

Os eleitores e  seguidores da deputada Jéssica Sales nas redes sociais não tem compreensão da tragédia que é esse mandato para o Acre.

Dos 513 deputados, Jessica ocupa a posição 440 no ranqueamento do Atlas Político (www.atlaspolitico.com.br), com nota zero no quesito ´debate parlamentar´ e nota geral de  1,61. Ou seja: além de figurar entre os piores parlamentares do Congresso Nacional – e não só da Câmara dos Deputados -,  Jéssica Sales tem o mandato praticamente invisível porque não tem coragem de participar de um simples debate sobre causas nacionais.

Em outra plataforma de avaliação parlamentar, o Ranking dos Políticos (www.politicos.org.br) Jéssica Sales está na posição 330, mantendo-se entre os piores congressistas. Ainda segundo esse ranking, dos oito deputados federais do Acre, Jéssica ocupa a 6ª posição quando se comparam os demais colegas do Estado. Sua filiação ao MDB, partido altamente vinculado aos escândalos de corrupção  no Acre e em nível nacional, não a ajuda  mas sua situação é piorada pela marca da invisbilidade congressual: “Nunca vi”, comentou Marco Druddi, no Ranking dos Políticos.

Além de irrelevante, o mandato da filha de Vagner Sales está a serviço dos piores interesses, mostrando, ao mesmo tempo, que Jéssica Sales tem duas caras: votou a favor da reformar trabalhista e tirou  direitos dos trabalhadores. Em meio a esse desastre, foi uma das que tentou salva o deputado Eduardo Cunha, hoje preso na Operação Lava Jato.

Assim como os jurássicos da política acreana, Jéssica não tem nada de novo e tem na agenda permanentes compromissos com os velhos caciques que hoje estão presos ou investigados na política nacional. Sobretudo, ela vem sendo acusada de boicotar as emendas destinadas ao Vale do Juruá após após briga entre Ilderlei e seu pai,  Vagner Sales. Jéssica acusa  Ilderlei de não ter apresentado os projetos das obras mas vem sendo, comprovadamente, após Ilderlei apresentar e confirmar a apresentação da documentação, desmentida. 

Além disso, Ilderlei comprovou que os projetos tem amparo legal e o que  falta é  tão somente  a liberação do recurso – algo que Jéssica vem ajudando a travar, não imagina ela que está prejudicando diretamente a população de Cruzeiro do Sul.

Fonte: juruaemtempo

Como faz todos os anos, Gladson participa do Novenário de Nossa Senhora da Glória

O senador costuma participar do evento católico todos os anos. É uma tradição da família Cameli.

O senador Gladson Cameli, candidato a governador do Acre pelo Progressistas está desde o último domingo, 12, cumprindo agenda em Cruzeiro do Sul, sua cidade natal.

Nesta quarta-feira, 15, Cameli participa do Novenário de Nossa Senhora da Glória, a maior festa religiosa do Acre, que em 2018 completa cem anos.

Em 2018, porém, Gladson vai ao novenário como concorrente ao cargo mais importante do Acre, o de governador.

Marcus Alexandre vai para o Juruá participar do Novenário

O candidato do PT ao governo do Acre, Marcus Alexandre (PT), cumpre nesta quarta-feira, 15, agenda em Cruzeiro do Sul.

No segundo maior colégio eleitoral do estado, o petista participará do Novenário de Nossa Senhora da Glória, padroeira da cidade.

Considerada a maior festa religiosa do Acre, ela é uma das mais prestigiadas pelos políticos acreanos.

Marcus estará acompanhado das principais lideranças de seu partido, entre eles os candidatos ao Senado Jorge Viana (PT) e Ney Amorim (PT).

Antes de participar do Novenário, que acontece no período da noite, Marcus terá reuniões com lideranças comunitárias de Cruzeiro do Sul.

Após cumprir agenda no Juruá, o petista deve estar de volta a Rio Branco, quando a campanha estará oficialmente liberada, e ele fará a inauguração de seu comitê central.

David Hall visita uma das famílias mais antigas do bairro Bosque nesta quarta-feira

Ele visita uma das famílias mais antigas do bairro Bosque, onde participa do aniversário da Dona Doca.

O candidato a governador David Hall, do Avante, cumpre agenda externa nesta quarta-feira, dia 15, a 24 horas do início oficial da campanha eleitoral. 

Oficialmente na corrida pelo comendo do Palácio Rio Branco, Hall tem posicionamentos curiosos e é o mais jovem na disputa.

O candidato havia perdido a candidatura, mas após articulações de sua base política, acabou garantindo a participação no pleito.

As assessorias dos candidatos Cel. Ulysses (PSL) e Janaína Furtado (RS), não enviaram as agendas políticas para esta quarta-feira.

Paciente deverá receber indenização por ser tratada com equipamento de 3ª

2ª Turma Recursal manteve sentença que condenou unidade de saúde a pagar R$ 4 mil de indenização por danos morais a paciente.

Os membros da 2ª Turma Recursal dos Juizados Especiais da Comarca de Rio Branco decidiram manter condenação de unidade de saúde a pagar R$ 4 mil de indenização por danos morais, por ter colocado paciente em risco de contaminação quando funcionários do hospital usaram máquina de outra pessoa para tratamento de hemodiálise no reclamante.

Na decisão, publicada na edição n°6.171 do Diário da Justiça Eletrônico, da quarta-feira (8), os juízes de Direito Marcelo Coelho, Gilberto Matos e Zenice Mota, seguiram, à unanimidade, o voto da juíza-relatora, Mirla Regina, para manter a sentença emitida pelo Juizado Especial da Fazenda Pública da Comarca de Rio Branco.

A juíza de Direito Mirla Regina registrou que houve “risco real de contaminação” e “temor em contrair doenças por meio do aparelho de outros pacientes”, por isso, houve “abalo psíquico” da paciente e configurou dano moral.

Recursos e Decisão

Ambas as partes entraram com pedido de reforma da sentença (Recurso Inominado n°0604904-72.2015.8.01.0070). A unidade hospitalar pediu o afastamento da condenação ou redução do valor arbitrado e a paciente buscou a majoração da indenização por danos morais.

A relatora do apelo enfatizou que “a sentença merece ser confirmada por seus próprios fundamentos”. Portanto, a magistrada votou por “negar-se provimento a ambos os recursos, condenando os recorrentes ao pagamento das custas e honorários advocatícios”.

Por tjac.jus

Projeto Cidadão será promovido em Epitaciolândia nesta sexta-feira (17)

A ação é desenvolvida por meio da parceria com órgãos federais, estaduais. Ação é um trabalho social criado há 22 anos pelo Tribunal de Justiça do Acre.

O Tribunal de Justiça do Acre (TJAC) promoverá mais uma edição do Projeto Cidadão, desta vez no município de Epitaciolândia. A atividade será executada na sexta-feira (17). 

A ação será executada na Escola Municipal Presidente Castelo Branco e serão oferecidos os seguintes serviços: expedição de RG e CPF; consulta jurídica; serviços de saúde com vacinação; testes rápidos; saúde bucal; palestras DST; atualização, cadastro e consulta do benefício Bolsa Família; expedição do cartão do Idoso e do SUS; ID Jovem e cortes de cabelos.

O evento também contará com a celebração do casamento coletivo, para o encerramento, a partir das 17h.

Projeto Cidadão

O Projeto Cidadão é um trabalho social criado há 22 anos pelo Tribunal de Justiça do Acre, com a finalidade primordial de assegurar à população mais necessitada o direito à documentação básica, como também o acesso rápido e gratuito aos serviços públicos fundamentais, a exemplo de saúde, trabalho e educação, além da área jurídica.

A ação é desenvolvida por meio da parceria com órgãos federais, estaduais, municipais e não-governamentais e, por conta disso, alcança a quem mais precisa com diversas outras atividades, a exemplo da realização de casamentos coletivos, tudo de forma gratuita.

Marinha disponibilizou a abertura do Processo Seletivo a fim de contratar 27 servidores

Seleção aberta pela Marinha para o Corpo Auxiliar. O prazo de inscrição compreende as datas de 20 de abril a 10 de maio de 2017.

A Diretoria de Ensino da Marinha disponibilizou a abertura do Processo Seletivo a fim de contratar 27 servidores para o Quadro Técnico do Corpo Auxiliar da Marinha (CP – T) em 2018, reservado para preencher oportunidades em cargos de bacharéis/licenciados com ingresso na função de Primeiro-Tenente.

O Quadro Técnico do Corpo Auxiliar reserva-se a preencher funções e empregos técnico-administrativos que observam às atividades de apoio técnico e às atividades gerenciais e administrativas em geral. Ainda, são destacadas as atividades que correspondem à carreira militar.

No geral, as oportunidades são dividas entre as áreas de Ciências Biológicas (03 oportunidades), Comunicação Social (04 oportunidades), Direito (04 oportunidades), Informática (06 oportunidades), Oceanografia (02 oportunidades), Pedagogia (02 oportunidades), Psicologia (02 oportunidades), Serviço Social (02 oportunidades), Segurança do Tráfego Aquaviário (02 oportunidades).

Para se inscrever, os interessados devem acessar o endereço eletrônico oficial da DEnsM www.ingressonamarinha.mar.mil.br. O prazo de inscrição compreende as datas de 20 de abril a 10 de maio de 2017.

Entretanto, caso o concorrente prefira, pode ter inscrição em uma das Organizações Militares da Marinha Responsáveis pela Execução Local (OREL). Os custos de taxas são de R$120,00.

A classificação dos candidatos será realizada mediante prova escrita objetiva com contemplação de conhecimentos profissionais, prova de redação, prova discursiva de conhecimentos profissionais, além da inspeção de saúde, avaliação das titulações e o teste de aptidão física. Na etapa final, ocorrerá o Curso de Formação de Oficiais (CFO).

Os concorrentes podem fazer as provas no Rio de Janeiro – RJ, Vila Velha – ES, Salvador – BA, Natal – RN, Olinda – PE, Fortaleza – CE, Belém – PA, São Luís – MA, Rio Grande – RS, Porto Alegre – RS, Florianópolis – SC, Ladário – MS, Brasília – DF e São Paulo – SP.

O certame é válido até a data de 01 de março de 2019.

Nossa equipe de professores desenvolveu um CD-ROM contendo apostilas digitais e audioaulas para concursos públicos. O interessante é que você só pagará após recebê-lo pelos correios. Por R$ 49,90. Faça seu pedido no formulário abaixo:

Fonte: concursopublico.com

A Ordem dos Advogados do Brasil no Acre lança processo seletivo para advogados

A inscrição deve ser feita após 20 dias, a contar a partir de 15 dias após a publicação do edital.

A Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Acre (OAB/AC) anunciou processo seletivo que tem o intuito de promover oportunidade para advogados junto ao Tribunal Regional Eleitoral do Acre (TRE-AC).

A informação foi dada por meio do Diário Oficial do Estado, edição desta segunda-feira 30 de julho de 2018.

A inscrição será feita com requerimento formalizado, dirigido ao presidente do Conselho Seccional da OAB/AC, e protocolado na própria Seccional, na Alameda Ministro Miguel Ferrante, nº 450 – Portal da Amazônia.

Nossa equipe de professores desenvolveu um CD-ROM contendo apostilas digitais e audioaulas para concursos públicos.

O interessante é que você só pagará após recebê-lo pelos correios. Por R$ 49,90. Faça seu pedido no formulário abaixo:

Fonte: concursopublico.com

Sete são presos suspeitos de matar jovem em bairro de Rio Branco

Rapaz foi morto no bairro Bahia Nova com ao menos sete tiros. Suspeitos foram presos na região do Segundo Distrito de Rio Branco.

Sete pessoas foram levadas para a delegacia suspeitas de matar Waldiney Braga de Aguiar com ao menos sete tiros na Rua Santa Rita, bairro Bahia Nova, em Rio Branco, na noite desta terça-feira (14).

Entre os envolvidos estão três adolescentes, duas mulheres e dois homens. O grupo trocou tiros com a polícia na fuga na região do Segundo Distrito da capital acreana.

A Delegacia de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP) informou que a vítima andava de bicicleta quando foi assassinada. Segundo a polícia, um dos suspeitos disparou duas vezes em Aguiar de dentro do carro. Logo após, uma segunda pessoa desceu do veículo e disparou outras vezes contra ele.

“Segundo o que foi apurado inicialmente, eles procuravam uma vítima, foram em um bairro em que há maior domínio da facção rival e escolheram a vítima”, explicou o coordenador da DHPP, delegado Rêmulo Diniz.

Vítima pode ter sido escolhida aleatoriamente
Diniz falou também que, possivelmente, Aguiar foi morto inocentemente. Ele diz que o grupo pode ter escolhido a vítima aleatoriamente e decido matar apenas por morar em um bairro dominado pela facção rival. “Estamos levantando ainda a vida pregressa da vítima”, acrescentou.

Ainda segundo a polícia, o grupo estava em um carro roubado e com duas armas. Após matar a vítima, os suspeitos fugiram para o Segundo Distrito da capital acreana, onde foi localizado pela Polícia Militar do Acre (PM-AC).

“Instantes após ser notificada, a DHPP iniciou as investigações e conseguiu identificar a placa do carro utilizado no crime. Foi difundido pelas redes sociais e em grupos fechados e tivemos a ajuda do empenho e o trabalho corajoso do 2º Batalhão da polícia que conseguiu interceptar esse veículo e prender as pessoas”, destacou.

O coordenador acrescentou que o grupo confessou o crime. Os suspeitos foram levados para a Delegacia Especializada Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca).

“Aprenderam duas armas logo após entrar em confronto com esses indivíduos no local. Todos foram flagranteados na Delegacia do Menor, já que há menores envolvidos no crime, confessaram o homicídio e estão sendo conduzidos logo mais para a audiência de custódia”, concluiu.

Por Aline Nascimento, G1 Acre

Trio é preso em Rio Branco suspeito de roubar e vender veículos na Bolívia

Suspeitos fazem parte de uma quadrilha, que tinha como líder homem procurado pela Interpol. Prisão em Rio Branco ocorreu na terça nos bairros Belo Jardim e Recanto dos Buritis.

Três pessoas foram presas em Rio Branco por roubo de carros e organização criminosa. Segundo a Polícia Civil, o trio faz parte de uma quadrilha que vendia os veículos na Bolívia.

Ao todo, eram investigados seis pessoas, sendo que duas foram presas por outros crimes e estão no Complexo Prisional Francisco d’Oliveira Conde (FOC), e o chefe do grupo foi detido em Rondônia (RO).

Ainda segundo a polícia, Pedro dos Santos, conhecido como P.J, era líder da organização e tinha um mandado de prisão expedido pela Interpol. Ele era procurado por ajudar no roubo de armas de uma delegacia da Bolívia. Santos está preso na cidade de Costa Marques, no estado rondoniense.

Calebe Silva de Freitas, Jonas Bonfim da Silva e Paulo Antônio Barbosa da Silva estavam escondidos nos bairros Belo Jardim e Recanto dos Buritis, na capital acreana. Segundo o delegado Marcos Cabral, responsável pelo caso, as investigações iniciaram após o roubo de uma caminhonete na zona rural de Senador Guiomard, interior do Acre.

“Constatamos a participação desses elementos que roubavam os veículos em ramais e levavam para a Bolívia. Lá pegam parte em dinheiro, outra parte em drogas ou até mesmo armamento”, falou.

Ainda segundo a polícia, os envolvidos identificados no esquema que estão no FOC foram presos por roubo e homicídios. Cabral falou que P.J. se apresentava como estudante de medicina para despitar a polícia. Ele foi detido em uma ação da polícia no início da semana.

“O indivíduo preso em Rondônia é um dos líderes para fazer as transações dos trâmites, se apresentava como estudante de medicina, mas, na verdade, praticavam esses crimes com os criminosos”, destacou.

Por Aline Nascimento, G1  Acre