Veja o Vídeo:

O vereador do município de Brasileia, Jurandir Queiroz, se pronunciou contra o governo de Gladson Cameli, durante a sessão que aconteceu na Câmara de Vereadores da Cidade fez algumas explanações acerca do que vem acontecendo no nosso estado sobretudo no tocante ao retorno das aulas presenciais e saúde pública.

Jurandir começou enfatizando que por falta de planejamento por parte do Governo do Estado, nem todas as escolas tiveram condições de receber o público estudantil nas escolas pois os locais não estão oferecendo a menor condição para receber os alunos, boa parte delas encontram-se em reforma que já vem se estendendo por muito tempo e até o momento não foi concluído.

Outro fato importante mencionado pelo vereador Jurandir foi com relação a merenda escolar, onde muitas escolas não receberam a merenda escolar por completo, faltou produtos para que fosse oferecido merenda adequada para os estudantes, pois o governo não teve capacidade de se organizar para tal.

O parlamentar citou ainda a questão da saúde pública no Estado do Acre, e usou o caso de Manoel Urbano como exemplo, onde um enfermeiro foi obrigado a fazer um parto de emergência por não haver médicos no hospital e para evitar problemas para a paciente gestante e para o bebê que estava por vir ao mundo, o enfermeiro realizou o parto sendo orientado por celular por um médico de Cruzeiro do Sul.

“São situações como estas que gere revoltas pois hoje aconteceu em Manoel Urbano, mas amanhã pode acontecer em qualquer outro município do Estado pois o governo é o mesmo, um governo, irresponsável, sem capacidade de gestão e pior sem políticas públicas que possam de fato gerar bons resultados”, concluiu Jurandir.

Veja o Vídeo:

E Veja Também no 3 de Julho Notícias

Veja o Vídeo Abaixo: O líder do Movimento Social Pró Ponte, Ralf Luiz, frisou que a obra da ponte de Rodrigues Alves é salutar mas, que o governador Gladson Cameli precisa fazer o ‘dever de casa’ primeiro. “Essa Interligação é importante mas, o debate precisa ser mais bem amadurecida pelos dois países. O governador não fez nem o dever de casa. Rodrigues Alves por exemplo, está precisando de uma ponte há anos. A nossa BR-364 até hoje não foi concluída. Portanto, discutir sobre a Interligação de Cruzeiro do Sul com Pucallpa é uma discrepância sem fim”, Concluiu.

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter 3 de Julho Notícias

Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook 3 de Julho Notíci

Página do Instagram 3 de Julho Noticias

Veja o Vídeo:

Veja-se no  Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe

Veja-se no  Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página do Instagram 3 de Julho Noticias, seja membro e compartilhe.