Órgão genital foi encontrado dentro de uma panela no quarto da pousada em que o autor do crime estava hospedado, em Itanhaém, SP — Foto: Arquivo / Ilustração

Brasil123 – A Polícia Civil revelou, nesta quinta-feira (09), que investigações apontaram que um homem, de 48 anos, teria matado um outro rapaz, decepado seu órgão genital e o arrastado até uma praia em Itanhaém, cidade localizada no litoral de São Paulo. De acordo com o próprio acusado, o crime teria acontecido porque a vítima propôs ter relações sexuais com ele.

De acordo com a entidade, o suspeito foi preso em São Vicente, também no litoral de São Paulo, por policiais da Delegacia de Investigações Gerais (DIG).

Ainda conforme a corporação, a captura aconteceu na quarta-feira (08), alguns dias após o crime, registrado no último dia 28 de agosto.

Corpo da vítima encontrado

Segundo a Polícia Civil, o corpo do rapaz foi encontrado na areia de uma praia de Itanhaém. Ao encontrar a vítima, os agentes logo perceberam que ela estava com sinais de violência, uma facada entre o tórax e o pescoço e com o órgão genital decepado.

Depois do registro do crime, investigadores começaram as diligências e descobriram que o assassinato teria acontecido em uma pousada. No local, os policiais encontraram várias manchas de sangue no quarto em que o suspeito se hospedou na data do crime.

Todavia, o pior ainda estava por vir. Isso porque, ao averiguar mais afundo o local, os agentes encontraram, dentro de uma panela, o órgão genital da vítima, que não teve seu nome revelado.

Suspeito dá sua versão do crime

Após ter sido preso, o suspeito revelou para a polícia que o crime aconteceu por conta de uma desavença entre os dois, que estavam usando cocaína no momento do fato. De acordo com o suspeito, em dado momento, a vítima teria tentado ter relações sexuais com ele.

Logo após recusar, contou o acusado, ele golpeou e matou o homem. À polícia, ele também disse que tentou limpar a cena do crime, mas, como não conseguiu, resolveu levar o corpo da vítima até à praia para depois fugir.

Por fim, a Polícia Civil conta que ele ainda não explicou porque o órgão genital do suspeito estava na panela. Depois de preso, o acusado, que já possui antecedentes criminais por diversos crimes, foi encaminhado para uma penitenciária de Peruíbe, também no litoral paulista, onde ficará à disposição da Justiça.

E Veja Também no 3 de Julho Notícias

Veja o Vídeo Abaixo: “O estranhíssimo é perguntar quem são os lobistas do Fonplata. O governo do Estado está autorizado a contratar operações de crédito com o Banco do Brasil, Caixa Econômica, BNDES, Banco Mundial, bancos que operam no Brasil, com a autorização da Secretaria do Tesouro. A mensagem aqui não trata de taxa de juros, a justificativa não trata desse aspecto. No Brasil, não há juros mais baratos que a Caixa Econômica Federal. A pergunta que terá que ter resposta é: ‘quem são os lobistas do Fonplata?”. Edvaldo Magalhães lembrou que esta é a quarta operação de crédito feita pelo governo Gladson Cameli. 

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter 3 de Julho Notícias

Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook 3 de Julho Notíci

Veja o Vídeo:

Inscreva-se no Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe

Inscreva-se no Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Inscreva-se na Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.