Gestores da área de Segurança Pública, acompanhados pelo deputado federal Alan Rick estiveram no Distrito Federal para tratar do fortalecimento da Delegacia de Repressão ao Narcotráfico – Foto: Alan Rick

Uma comitiva de gestores da área de Segurança Pública do Estado do Acre (Sejusp) esteve em Brasília para tratar do projeto de reestruturação e fortalecimento da Delegacia de Repressão ao Narcotráfico (Denarc).

O secretário de Justiça e Segurança Pública do Acre, Paulo Cézar Negreiros; o delegado-geral de Polícia Civil, Josemar Portes; e o deputado federal, Alan Rick participaram uma reunião com os diretores da Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas do Ministério da Justiça (Senad).

Na oportunidade, foram debatidas as readequações do projeto da Denarc feitas pela Polícia Civil do Acre e Sejusp. Ambas as instituições aguardam a emissão da nota técnica do departamento jurídico da Senad, e consequentemente, a liberação do orçamento para que ações policiais sejam executadas.

“Viemos tratar sobre o convênio firmado entre o Estado do Acre e Ministério da Justiça, por meio do Fundo Nacional Antidrogas, para garantir novos equipamentos para a Denarc, no intuito de combater os crimes transfronteiriços e o tráfico de drogas”, relata Negreiros.

O projeto de reestruturação da Denarc contém a aquisição de equipamentos de inteligência, softwares, computadores, scanner gerador de imagem para fiscalização de veículos e viaturas táticas dissimuladas, entre outras estruturas. Ao todo, o custo do projeto é de R$ 4 milhões.

“Fiquei muito feliz em ouvir do secretário Nacional de Políticas sobre Drogas, Luiz Roberto Beggiora, e da coordenadora-geral de Políticas Públicas da Diretoria de Articulação Institucional da Senad, Paula Brisola, que o projeto da Denarc do Acre já é prioridade na Secretaria e que aguarda apenas o orçamentário para ser executado”, destacou o deputado federal Alan Rick.

Também participaram da reunião o diretor de Inteligência da Polícia Civil do Acre, Martin Hessel, e o diretor de Políticas Públicas e Articulação da Senad, Gustavo Camilo Baptista.

Foram debatidas as readequações do projeto da Denarc e a liberação para o orçamento destinado às ações policiais – Foto: Ascom/Alan Rick

E Veja Também no 3 de Julho Notícias

Veja o Vídeo Abaixo: Após os deputados Manoel Moraes e o líder do governo Pedro Longo saírem em defesa da Energisa, o deputado Roberto Duarte rasgou o verbo ao afirmar que teria vergonha de afirmar o que ambos os deputados disseram para defender uma empresa e não os interesses da população acreana.

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter 3 de Julho Notícias

Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook 3 de Julho Notíci

Veja o Vídeo:

Inscreva-se no Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe

Inscreva-se no Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Inscreva-se na Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.