Metrópoles – O presidente do Afeganistão, Mohammad Ashraf Ghani (foto em destaque), deixou o país neste domingo (15/8) após o grupo terrorista Talibã cercar a capital do país, Cabul.

O grupo chegou aos arredores da cidade no início deste domingo e reivindica a rendição pacífica do governo. A informação de que Ashraf Ghani teria deixado o país foi publicado pelo portal de notícias local ToloNews.

De acordo com o site, o presidente do Conselho Supremo de Reconciliação Nacional, Abdullah Abdulla, teria publicado uma mensagem que informa a partida do mandatário do país. Em seu comunicado, o membro do conselho pediu para que o povo “mantenha a calma”.

Assessores próximos ao mandatário também teriam saído da região. “No início do dia, o ministro da defesa em exercício, Bismillah Mohammadi, disse que o presidente entregou a autoridade de resolver a crise no país aos líderes políticos”, informou o ToloNews.

Segundo a agência internacional de notícias Reuters, um oficial do Ministério do Interior informou que o presidente afegão teria fugido para o Tajiquistão.

A situação do país é tensa desde cedo. Em publicação no Twitter, a conta oficial do Palácio Presidencial do Afeganistão informa que foram ouvidos tiros em “várias áreas remotas de Cabul”. “As forças de segurança e defesa do país estão em coordenação com parceiros internacionais”, assinalaram as autoridades.

Mais cedo, a conta do Palácio Presidencial publicou imagens de Mohammad Ashraf Ghani conversando com autoridades sobre como garantir segurança aos cidadãos de Cabul, antes de deixar o país.

Além disso, em vídeo no Twitter, o ministro do Interior em exercício, Abdul Satar Mirzakwal, disse que a cidade não seria atacada. Pontuou ainda que a transição de governo poderia ocorrer de forma pacífica.

Segundo o porta ToloNews, um porta-voz do Talibã, identificado como Zabihullah Mujahid, informou que, “para evitar saques e o caos”, suas forças entrariam em algumas partes de Cabul e ocupariam postos avançados que foram evacuados pelas forças de segurança.

“Ele pede ao povo que não entre em pânico durante a entrado do grupo na cidade”, informou a agência.

Conflitos

A presença do Talibã no Afeganistão faz parte de um conflito que já dura anos. Em 2001, tropas dos Estados Unidos invadiram o país e expulsaram os membros do grupo extremista da região.

No entanto, em abril deste ano, o presidente norte-americano Joe Biden anunciou a retirada de todos os militares do país até o mês de setembro. Após a saída de parte das tropas estadunidenses, o Talibã avançou novamente sobre a região.

E veja também no 3 de Julho Notícias

Veja o Vídeo Abaixo: A gestão do prefeito Jailson Amorim e seu vice-prefeito Pr. Nilson vem desenvolvendo ao longo destes sete meses um excelente trabalho voltado para o bem star da população e visando o desenvolvimento do município. Durante o início da gestão, houve alguns problemas que o município enfrentou como por exemplo a alagação em algumas comunidades rurais o que gerou prejuízos para os moradores. Mas apesar de tantos transtornos a prefeitura de Rodrigues Alves prestou todo o apoio às famílias atingidas, inclusive levou atendimento médico a comunidades rurais.

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter 3 de Julho Notícias

Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook 3 de Julho Notíci

Veja o Vídeo:

Inscreva-se no Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe.

Inscreva-se no Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Inscreva-se na Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.