Pesquisadores encontraram as ruínas de uma basílica romana durante escavações em Israel. Trata-se da maior estrutura do tipo já descoberta no país. Os pesquisadores acreditam que a edificação tenha sido construída na época do rei bíblico Herodes, que governou entre 37 a.C e 4 a.C.

Basílica decorada com símbolos romanos

A basílica, que foi destruída por um terremoto em 363 d.C, ficava próxima da costa israelense, em Ashkelon. Ela é dividida em três seções: um salão principal, cercado por enormes colunas de mármore de até 13 m de altura, e dois laterais. O local é ornamentado com capitéis elaborados, apresentando decorações de motivos vegetais e gravuras de águias (um símbolo romano).

O mais curioso é que as ruínas da basílica já haviam sido escavadas na década de 1920 pelo arqueólogo britânico John Garstang, mas foram novamente cobertas. Na época, ele já havia sugerido que o edifício seria datado da época de Herodes. Os novos estudos indicam que sua estrutura é realmente do período, mas as partes mais grandiosas, como as colunas, foram construídas entre os séculos II e III d.C, durante o governo do imperador romano Sétimo Severo.

Na época dos romanos, as basílicas não eram edifícios religiosos, mas locais públicos utilizados para o comércio, julgamentos e outras funções cívicas. Nos séculos seguintes, as igrejas cristãs seriam inspiradas por essas estruturas arquitetônicas. Com informações de The Jerusalem Post / Imagem: Yaniv Cohen/Nature and Parks Authority.

E veja também no 3 de Julho Notícias

Veja o Vídeo Abaixo: Durante depoimento da médica à CPI, o senador Otto Alencar revelou que a médica conselheira de Bolsonaro não tem apreço pela ciência: “A senhora apostou em uma droga que podia dar certo ou não. E a ciência, por mais que a senhora tenha curso, não admite isso: querer apostar no escuro”.

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter 3 de Julho Notícias

Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook 3 de Julho Notíci

Veja o Vídeo:

Inscreva-se no Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe.

Inscreva-se no Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Inscreva-se na Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.