A estrada que liga a comunidade do Gama à rodovia 195 e que de lá dá acesso às cidades de Guajará e Cruzeiro do Sul, é a rota de saída de pessoas e produtos da comunidade do Gama e rio Boa Fé. Moradores cobram recuperação urgente.

Foram quase 20 km de ramal da cidade até a comunidade do Gama, todo feito pelo governo do estado através da SEINFRA, faltando apenas um pequeno trecho de terra que deveria receber a manutenção da secretaria de obras de Guajará.

Por não ter manutenção constante o período invernoso é um Deus nos acuda para dezenas de moradores, que este ano tiveram dificuldades em escoar seus produtos, ou se deslocarem para o centro de Guajará ou pegar a Br de acesso a Cruzeiro do Sul.

Moradores da comunidade do Gama, afirmam que tanto o prefeito como seu secretário de Obras sabem da situação, mas nenhuma solução ou ao menos reunião com a comunidade foi feita.

Um dos proprietários de uma Colônia nos relatou as dificuldades enfrentadas por ele e outros pequenos produtores da comunidade. Sem querer se identificar por motivos pessoais, o agricultor diz que depois da campanha, os políticos que por lá nadavam toda semana sumiram.

“Desde que passaram as eleições, nem prefeito e nem vice, que no período de campanha não saiam do Gama, agora ninguém ver mais. Até a escola que estavam fazendo na época de campanha, pararam logo após a eleições.” Desabafa o morador.

Ele ainda relata a situação precária da Ponte do Igarapé do badejo, segundo ele, os veículos pesados podem qualquer hora desabar com ponte e tudo. O mesmo faz alerta para a prefeitura municipal, iniciar uma recuperação urgente na mesma, caso não queira assistir a uma possível tragédia no local.

Tentamos durante toda manhã, contato com alguém da secretaria de Obras do município, pelos números 97 3485-1003 e 97 3485-1358 mas até o fechamento da matéria não obtivemos sucesso.

O espaço fica reservado para a resposta de alguém da equipe da administração municipal.

E veja Neste Plantão do 3 de Julho Notícias

Veja o Vídeo Abaixo: Um caso, pra lá de inusitado foi registrado no município de Brasileia, onde um cidadão que teria ingerido bebidas alcoólicas, introduziu uma garrafa de cerveja em seu ânus, porém o homem perdeu o controle do objeto e a garrafa foi parar em seu intestino. Equipe médica dos Hospital Regional do Alto Acre teria tentado de várias maneiras fazer com que este paciente expelisse o objeto, mas não obtiveram êxito. 

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter 3 de Julho Notícias

Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook 3 de Julho Notíci

Veja o Vídeo: 

Inscreva-se no Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe.

Inscreva-se no Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Inscreva-se na Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.