Na manhã de segunda-feira (10), o deputado estadual e médico infectologista Jenilson Leite ( PSB), realizou mais uma edição da campanha Máscaras Pela Vida. Com orientações sobre à covid-19 e distribuição de máscaras para a população da cidade de Feijó. “Finalizamos essa etapa da nossa Campanha Máscaras Pela Vida na região do Tarauacá/Envira”, disse Jenilson Leite.

Desde o início da semana passada, o parlamentar está na região consultando infectados com a covid e distribuindo protetor fácil. A saga semanal teve início no município de Jordão, com atendimento médico durante três dias e a realização de mais uma etapa da camapnha, dessa vez com o público Kaxinawá. “Iniciamos nossa campanha na cidade de Jordão, onde estive fazendo atendimento às pessoas com covid-19, fizemos uma caminhada pelas ruas da cidade orientando e distribuindo máscaras para a populacão”.

No domingo, o médico infectologista, realizou a campanha em Tarauacá, nas principais ruas da cidade e no mercado municipal.

Em Feijó, o infectologista promoveu a ação a covinte das vereadoras Dedê e Aurelinda.”Hoje a melhor forma que temos é a prevenção, é o uso da máscara. É cuidar da nossa família, nos cuidar”, destacou a vereadora Dedê.

A vereadora Aurelinda destacou que a Câmara de Vereadores de Feijó também está empenhada na campanha de conscientização. “Nós estamos nessa luta, junto com os vereadores de Feijó de conscientizar as pessoas para que usem máscaras”.

Jenilson já realizou a Campanha Máscaras Pela Vida em oito municípios: Brasiléia, Plácido de Castro, Bujari, Porto Acre, Jordão, Tarauacá, Feijó e Rio Branco. Sendo na capital em diversos pontos de grande fluxo de pessoas. A campanha já distribuiu mais de 15 mil máscaras à população do Acre.

E veja Neste Plantão do 3 de Julho Notícias

Veja o Vídeo Abaixo: Um caso, pra lá de inusitado foi registrado no município de Brasileia, onde um cidadão que teria ingerido bebidas alcoólicas, introduziu uma garrafa de cerveja em seu ânus, porém o homem perdeu o controle do objeto e a garrafa foi parar em seu intestino. Equipe médica dos Hospital Regional do Alto Acre teria tentado de várias maneiras fazer com que este paciente expelisse o objeto, mas não obtiveram êxito. 

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter 3 de Julho Notícias

Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook 3 de Julho Notíci

Veja o Vídeo: 

Inscreva-se no Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe.

Inscreva-se no Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Inscreva-se na Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.