O Ministério da Saúde da República Democrática do Congo (RDC) anunciou nesta segunda-feira (3) o fim do surto de ebola iniciado em fevereiro na província de Kivu do Norte, no leste do país, graças à utilização da vacina rVSV-ZEBOV, fabricada pelo laboratório norte-americano Merck Sharpe and Doma (MSD).

Segundo o ministro da Saúde em Kinshasa, Jean-Jacques Mbungan, desde o início do surto, foram registrados um total de 12 casos, com seis mortes, e centenas de pessoas foram vacinadas.

No entanto, ele apelou à população a permanecer vigilante e manter contato com as equipes de supervisão sanitária.

O anúncio foi repercutido pela Organização Mundial da Saúde (OMS):

“O último surto de ebola em RDC foi declarado encerrado após apenas 3 meses. Doze casos, seis mortes e seis recuperações foram registrados em quatro zonas de saúde em Kivu do Norte durante este surto. A OMS felicita a resposta rápida da RDC a este surto!”, diz o Twitter da OMS para a África.

Este foi o 12º surto da doença no país e o 4º em menos de 3 anos. Com informações do G1.

E veja Também no Plantão 3 de Julho Notícias

Veja o Vídeo Abaixo: Representantes de todas as centrais sindicais do Brasil afirmaram estar preocupados com o crescimento da miséria no Brasil e com isso resolveram se unir para reivindicar o valor do auxílio emergencial para que volte ao valor de R$ 600,00 como era desde o início. Com este valor de 600 é fundamentar para que as necessidades cresçam, pois o valor atual não está surtindo efeito pois o valor no mercado tem se elevado consideravelmente.

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter 3 de Julho Notícias

Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook 3 de Julho Notíci

Veja o Vídeo: 

Inscreva-se no Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe.

Inscreva-se no Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Inscreva-se na Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.