Mesmo com vários compromissos, o governador Gladson Cameli conseguiu um espaço em sua agenda para visitar, na quarta-feira, 14, a Secretaria de Estado de Indústria, Ciência e Tecnologia (Seict), em Rio Branco. O órgão é considerado pelo gestor um dos pilares para o desenvolvimento acreano, e sua primeira parada foi no gabinete do secretário Anderson Abreu.

Mesmo o encontro tendo ocorrido rapidamente, os diretores Erisson China, Weruska Bezerra, Ivan Ferreira e Marcos Morais reuniram-se com Abreu e Cameli para tratar sobre os avanços da secretaria em 2021.

“O povo precisa de emprego e renda, e a Seict é uma importante parceira nesse sentido, é o elo entre governo e empresariado. Daí é que irão surgir as oportunidades de emprego e de desenvolvimento. Mesmo na pandemia, podemos criar oportunidades, por isso fico feliz com o trabalho que vem sendo feito”, disse Cameli.

Ao governador foram demonstradas ações recentes, como a abertura do antigo frigorífico de Cruzeiro do Sul, com sua nova destinação, a processadora de frutas Norte Hortifruiti, e a revitalização do parque industrial, bem como ações a serem concretizadas nos próximos meses, como o leilão da Zona de Processamento de Exportação (ZPE), que pode representar um passo importante para o estado rumo a novos mercados e aumento de poder produtivo.

“Mesmo na pandemia, 2021 tem tudo para ser um importante ano para alcançarmos novos objetivos, talvez até mudar o patamar do Acre. Sabemos que isso demanda tempo e trabalho árduo, e estamos em busca disso”, acredita Anderson Abreu.

Após o encontro com o secretário e diretores, Gladson Cameli visitou outros departamentos e salas da Seict. Sempre solícito e atencioso, tirou fotos e pediu apoio aos servidores: “Preciso muito da ajuda de vocês. Estamos em um período muito difícil no mundo todo, além das dificuldades normais de todo governo, mas eu gostaria primeiro de agradecer por todo empenho de vocês e pedir pra que continuem assim. O governo é feito por todos e para todos”.

E veja Também no Plantão 3 de Julho Notícias

Veja o Vídeo Abaixo: Não se fala em outra coisa em Brasil Novo, na Região do Xingu, sudoeste paraense: um homem de 52 anos foi flagrado roubando calcinha e sutiã do varal da casa de uma moradora da cidade, de pouco mais de 14 mil habitantes, e quase foi linchado por populares.

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter 3 de Julho Notícias

Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook 3 de Julho Notíci

Veja o Vídeo: 

Inscreva-se no Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe.

Inscreva-se no Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Inscreva-se na Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.