Tereza Cruvinel e Jair Bolsonaro – Foto: Roque de Sá/Agência Senado | Alan Santos/PR

Brasil 247 – Ao comentar os recentes movimentos de Jair Bolsonaro, alterando não só os ministérios, como também o comando das Forças Armadas, a jornalista Tereza Cruvinel, no Bom Dia 247, afirmou que as medidas são consequências de tentativa de um golpe fracassado anterior.

“Ele já tentou dar o golpe. A demissão do ministro Fernando de Azevedo, para mim, não é tentativa de preparar um golpe, já é consequência de Bolsonaro ter tentado um golpe e não ter conseguido. Tirou o general Pujol do comando do Exército, porque tentou um golpe e não conseguiu. Para mim, ele já tentou e já fracassou”, afirmou.

Segundo ela, o golpe contra Dilma Rousseff (PT) em 2016 criou as condições para Bolsonaro chegar à presidência, “mas ele é um projeto próprio de poder”. “Não é exatamente a continuidade do Temer”, argumentou.

Veja o Vídeo:

E veja também no 3 de Julho Noticias:

Veja o Vídeo Abaixo: Você sabia que o senador Márcio Bittar, relator da Proposta de Lei Orçamentária Anual, foi o responsável pelos cortes de recursos para a saúde, educação, ciência e tecnologia e também dos R$ 26 bilhões retirados da Previdência, do seguro-desemprego e do abono salarial???

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter 3 de Julho Notícias

Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook 3 de Julho Notíci

Veja o Vídeo:

Inscreva-se no Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe.

Inscreva-se no Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Inscreva-se na Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.