O presidente, desta vez, evitou falar o nome das medicações e ficou a live inteira sem falar as substâncias que ele tanto defende – Foto: Reprodução

Revista Fórum – O presidente Jair Bolsonaro segue insistindo no uso de medicamentos de eficácia não comprovada contra a Covid-19.

Durante live realizada nesta quinta-feira (18), ele atacou medidas de isolamento e disse que seguirá defendendo o uso de “remédio que mata piolho” contra a doença.

“Se você não quer fazer o tratamento inicial, com aquele remédio que mata piolho, fica na tua. Deixa aquela pessoa que quer tomar, que tome, pô! Eu tomei o meu”, declarou.

O presidente, desta vez, evitou falar o nome das medicações e ficou a live inteira sem falar as substâncias que ele tanto defende.

Segundo Bolsonaro, o objetivo dele com esse medicamentos que não funcionam é “salvar vidas” e disse que não recomenta do isolamento social rígido, o lockdown, por uma questão de “consciência”.

Continue lendo na Fórum

E veja também no Plantão 3 de julho noticias:

Veja o Vídeo Abaixo: Polícia arrasta trabalhadores que protestam contra salários atrasados na Semsur; Prefeito Bocalom diz que tem irregularidades e PM diz que ação foi a pedido da prefeitura.

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter 3 de Julho Notícias

Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook 3 de Julho Notíci

Veja o Vídeo:

Inscreva-se no Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe.

Inscreva-se no Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Inscreva-se na Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.