Operação integrada teve início no dia 1º de janeiro de 2021 em todo o Brasil – Foto: Cedida.

Sandro de Brito – Coordenada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública, por meio da Secretaria de Operações Integradas (Seopi/MJSP), a Polícia Civil do Estado do Acre deflagrou, nesta segunda-feira, 8, a Operação Resguardo, maior ação de combate a crimes de violência contra a mulher do Brasil.

A Operação Resguardo acontece nos 26 Estados e no Distrito Federal, com mais 9.055 pessoas presas até o momento.

A operação integrada teve início no dia 1º de janeiro de 2021 em todo o Brasil. Desde então, a Policia Civil do Acre já apurou mais de 628 denúncias, que culminaram com a instauração de 554 inquéritos policiais, 67 mandados de prisão, 67 cumprimento de mandados judiciais, 108 prisões em flagrante,  além da realização de atendimentos a mais de 853 mulheres vítimas de violência;  a prisão de 175 agressores e retirada de ativos criminais, como 24 armas de fogo em 19 municípios do Estado.

No Acre, a Delegacia Especializada de Atendimento Mulher (DEAM) coordenou os trabalhos investigativos da Operação Resguardo e contou com apoio de todo efetivo da Polícia Civil que, durante 67 dias combateram de forma pontual os crimes de violência contra a mulher.

Durante toda esta segunda-feira serão cumpridos alguns mandados de prisão, medidas cautelares/medidas protetivas/mandados, na capital e em alguns municípios do interior.

Veja números abaixo

Denúncias apuradas: 45.722

Presos (flagrantes e mandados): 9.181

Medidas protetivas: 56.414

Vítimas atendidas: 168.866

Armas apreendidas: 1.226

Visitas e diligências: 70.090

Veja Abaixo Matéria Relacionada:

Homem sai de casa e é encontrado morto pela família às margens da estrada Transacreana, em Rio Branco

E veja também no Plantão 3 de julho noticias:

Veja o Vídeo: Diante do grande número de reclamações por conta da tarifa de energia, boa parte delas abusivas. Trouxemos essas orientações para toda a população acreana, principalmente, como reaver na justiça uma tarifa justa do consumo de sua energia por mês! O acreano já vem sofrendo demais com os alto preços da cesta básica e outros itens.

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter 3 de Julho Notícias

Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook 3 de Julho Notíci

Veja o Vídeo:

Inscreva-se no Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe.

Inscreva-se no Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Inscreva-se na Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.