Assessoria – O presidente da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), deputado Nicolau Júnior (PP), participou na tarde desta sexta-feira (05) da solenidade de posse dos Novos Dirigentes do Tribunal de Justiça do Acre (TJAC). O ato foi realizado por meio de plataforma digital e deu posse como presidente a desembargadora Waldirene Cordeiro.

O desembargador Roberto Barros foi empossado como vice-presidente e o desembargador Elcio Mendes como corregedor geral da Justiça. O presidente Nicolau Júnior parabenizou o desembargador Francisco Djalma pelos trabalhos desenvolvidos por este, enquanto esteve à frente do TJAC, e saudou os novos empossados, lhes desejando sucesso.

“É uma honra participar dessa solenidade, onde podemos ver uma mulher ocupando um lugar de destaque e, ao seu lado, profissionais competentes que com certeza contribuirão muito na condução das decisões do TJAC. O Poder Judiciário exerce um papel fundamental para que a democracia seja assegurada. Desejo aos três muito sucesso nesse novo desafio. O Poder Legislativo continua de portas abertas para caminharmos juntos”, disse Nicolau Júnior.

A presidente, assim como seu vice e o corregedor ocuparão o cargo durante o biênio 2021/2023. Também participaram da solenidade importantes membros da justiça acreana.

E veja também no 3 de Julho Notícias:

Veja o Vídeo: O prefeito da segunda maior cidade do Acre, Zequinha Lima, se pronunciou sobre o decreto com medidas mais rigorosas. O governador do Estado decretou o fechamento do comércio, igrejas, academias e outros. Segundo o Decreto 5.496, durante a Bandeira Vermelha.

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter 3 de Julho Notícias

Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook 3 de Julho Notíci

Veja o Vídeo:

E veja também no 3 de Julho Notícias:

Veja o Vídeo Abaixo: Um adolescente de apenas 11 anos foi resgatada acorrentado em um barril pela Polícia Militar, os militares foram surpreendidos com uma cena deplorável, tratava-se do garotinho acorrentado sem água e sem comida, apresentando subnutrição e desidratação. A polícia apurou que o garoto era mantido naquela situação há pelo menos 7 anos, quando foi adotado pela família. 

Veja o Vídeo:

Inscreva-se no Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe.

Inscreva-se no Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Inscreva-se na Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.