Um levantamento do Instituto de Administração Penitenciária do Acre (Iapen-AC) revela que até essa segunda-feira (4), o sistema já registrou 426 casos de Covid-19 nos presídios do estado. Não houve registro de mortes entre servidores das unidades penitenciárias do Acre.

Do total de casos confirmados entre os servidores, 390 são de policiais penais e 36 servidores administrativos. As notificações de suspeita da doença chegaram a 782, sendo que 85 em servidores administrativos e 697 policiais penais.

O levantamento mostra que 345 casos notificados como suspeitos da doença foram considerados negativos entre os servidores. Ainda segundo o Iapen, não há servidores aguardando resultados de exames.

Ao todo, 413 servidores são considerados curados, uma vez que não atestam mais como positivo para o vírus. Desses, 380 são policiais penais e 33 servidores administrativos. Dos administrativos, 28 retornaram às atividades laborais e em relação aos policiais penais 360 já retornaram ao serviço.

Até esta segunda, 61 servidores seguem afastados devido à doença. De acordo com o levantamento, 45 policiais penais e cinco servidores administrativos são considerados do grupo de risco para a Covid-19.

Situação dos presos

Em relação aos detentos, os dados do Iapen apontam que 266 foram contaminados pelo novo coronavírus desde o início da pandemia no estado. Três apenados morreram vítimas da doença.

Com relação às notificações, o número chega a 450 entre os presos. Ao todo, 181 casos suspeitos deram negativos, após os exames. O instituto tem ainda um caso considerado indetectável e um inconclusivo entre presos.

O levantamento mostra ainda que 262 presos curados são considerados curados da doença. São, ao todo, 347 presos que fazem parte do grupo de risco. Destes, a maior parte se concentra no Francisco de Oliveira Conde, em Rio Branco, com 134 presos. Em seguida, a unidade Manoel Neri da Silva aparece com 66 detentos nos grupos de risco.

Sistema socioeducativo

Segundo dados divulgados pela direção do Instituto Socioeducativo do Acre (ISE), até essa terça-feira (5), 89 servidores foram confirmados com a Covid-19, sendo que destes, 83 já receberam alta e voltaram ao trabalho e outros seis seguem em tratamento.

Do total de casos confirmados, 56 são agentes socioeducativos e os demais em servidores do administrativo.

Ao todo, foram registrados dois óbitos causados pela doença entre servidores do Ise. Ainda segundo a direção, apenas um servidor está inserido no grupo de risco.

No caso dos adolescentes internados nas unidades socioeducativas, nove foram confirmados com a Covid-19, sendo que destes, sete já receberam alta médica.

Por Iryá Rodrigues, G1 Acre