O investimento será aplicado em três editais: Edital de pautas do espaço cultural, edital lei de incentivo à cultura, e edital de patrocínio. Os editais foram receberam projetos de toda a Amazônia legal. Os classificados no Edital de Pautas do Espaço Cultural e no Edital de Patrocínios já foram divulgados, mas o resultado final dos classificados no Edital de Lei de Incentivo à Cultura será publicado até o dia 25 de janeiro.

Foram aprovados projetos dos nove estados da Amazônia Legal. A próxima fase será a apresentação da documentação obrigatória dos projetos classificados até 30/03/2021. A não apresentação dos documentos obrigatórios no prazo estabelecido implicará na desclassificação automática do projeto selecionado e o Banco poderá habilitar projetos de interesse da Instituição.

Segundo Ewerton Alencar, coordenador de patrocínio, promoção e gestão da marca, o Banco lança desde 2007 os editas de patrocínio. “O Basa tem a missão de desenvolvimento e fomento na região. Entendemos que não é somente o acesso ao crédito que promove o desenvolvimento, mas o apoio a identidade cultural, esportiva e social de sua população”, comenta.

Entenda os editais

O coordenador explica que o Edital de Patrocínios objetivas investir em projetos que difundam a Amazônia, estejam aliados às políticas públicas e sejam realizados em parceria com os diversos atores sociais, além da valorização aos projetos comprometidos com o desenvolvimento e que respeitem sempre a sustentabilidade econômica, social e ambiental da região amazônica como meio de valorizar a sociedade e promover o desenvolvimento de sua população.

Com relação ao Edital de Pautas do Espaço Cultural, Ewerton informa que foi criado para selecionar projetos que possam ter suas obras expostas durante o ano de 2021 no Espaço Cultural do BASA, situado em Belém do Pará.

Já o Edital da Lei de Incentivo à Cultura apoia projetos que podem ser apresentados por entidades privadas e sem fins lucrativos, nas áreas de teatro, dança, performance, ópera e circo. “Através de seus editais, o Banco da Amazônia cumpre seu papel de agente do desenvolvimento da região, apoiando a cultura amazônida”, explica Ewerton Alencar.

Confira a relação de projetos classificados no site da instituição em – Clique aqui e veja.