Como o Náuas não manda os jogos do Campeonato Acreano em Cruzeiro do Sul, no interior do estado, a 648 km de Rio Branco, para disputar o estadual em 2020 a direção do Cacique do Juruá optou por manter o elenco na capital do estado para evitar gastos com a logística de viagens seguidas semanalmente para as partidas.

Por conta da opção feita e em virtude da paralisação do estadual por causa da pandemia do novo coronavírus, elenco e comissão técnica passaram mais de um semestre instalados entre o alojamento do estádio Florestão e de uma escola de missionários.

Para 2021, segundo o presidente do clube, Zacarias Lopes, a logística ainda não está definida. A única certeza é de que o Cacique do Juruá vai participar do campeonato, independente de onde precise jogar.

– Esse ano as coisas ainda estão muito indefinidas, todo mundo tá sabendo da situação em relação às restrições de vigilância epidemiológica, então a gente não sabe o que vai acontecer. Estamos trabalhando para que a gente possa, a qualquer custo, trazer de novo e garantir a expectativa do torcedor que é o Náuas participando. O Náuas é um clube pequeno, que tem grandes dificuldades, grandes limitações, sabemos que temos pouco tempo, mas vamos ver de que forma a gente vai poder participar desse campeonato – disse após reunião entre clubes e a Federação de Futebol do Acre (FFAC), que definiu os detalhes do estadual.

O desejo do Náuas é ter a oportunidade de jogar diante do seu torcedor, na cidade de Cruzeiro do Sul. No entanto, a Arena do Juruá, principal palco do futebol no município, está passando por um processo de revitalização e não há certeza se estará disponível há tempo para o Campeonato Acreano. Por isso, de acordo com Zacarias Lopes, o pensamento no momento é elaborar uma logística para manter o clube em Rio Branco durante o estadual.

– Confesso que não sei como está o planejamento do governo em relação à recuperação do estádio lá. A gente sabe que tem algumas coisas administrativas, não é só recuperar, precisa dos laudos. E você fazer uma logística para ficar em Cruzeiro do Sul é completamente diferente de uma logística para vir a Rio Branco. Então, isso não se pode fazer em cima da hora, tem que fazer agora. E nesse momento a gente está se preparando para ficar aqui em Rio Branco, caso haja possibilidade de ficar lá, a gente vai conversar com algumas pessoas para ver – afirmou.

O Campeonato Acreano 2021 tem início marcado para 7 de março. O Náuas estreia contra o Galvez, atual campeão.

Por Globo Esporte Acre