Uma tragédia foi registrada na noite deste sábado, 19, em Rio Branco. Três crianças, uma de 8 meses e outras de 3 e 4 anos, morreram carbonizadas após uma residência incendiar na rua Cumarú, no bairro Portal da Amazônia, na região do Calafate, em Rio Branco.

De acordo com informações da Polícia, a mãe deixou as crianças sozinha em casa com um ventilador ligado e foi a um bar na região do Calafafe. Após algum tempo, o ventilador deu curto circuito e iniciou-se o incêndio que começou a consumir as estruturas da casa. As chamas rapidamente se espalharam por toda a residência e carbonizou as três crianças. A bebê de oito meses morreu em cima da cama e os dois irmãos morreram abraçados debaixo da cama.

O Corpo de Bombeiros foi acionado, mas quando chegaram ao local, terminaram de apagar o fogo que já havia consumido toda a casa.

Duas ambulâncias do suporte avançado do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foram acionadas, mas quando os paramédicos chegaram na casa, nada puderam fazer pelas crianças e com muita comoção só puderam atestar a morte.

Segundo informações de vizinhos, a mãe era acostumada a deixar as crianças sozinhas em casa e durante esta semana já teria feito isso. Pela manhã, vizinhos chegaram a informar a familiares sobre a situação e o avô ficou de pegar as crianças, o que foi negado pela mãe.

A mãe quando soube da fatalidade correu até a sua residência e os Policiais Militares deram voz de prisão e a encaminharam à Delegacia de Flagrantes (Defla) para os devidos procedimentos.

A residência foi isolada pela Polícia Militar para os trabalhos do Perito em criminalística. Os corpos carbonizados foram removidos e encaminhados ao Instituto Médico Legal (IML) para os exames cadavéricos.

Por Davi Sahid – Ac24horas