O Governo do Estado do Acre, por meio Instituto Estadual de Educação Profissional e Tecnológica (Ieptec/ Dom Moacyr), fez a certificação dos alunos que participaram dos cursos de Formação Inicial e Continuada (FICs).

Das mãos do governador Gladson Cameli, a educanda Gercilania Barbosa Santos recebeu o tão aguardado diploma após meses de dedicação e afinco no curso de Assistente de Informações Turísticas. A mais nova capacitada já faz planos para o futuro e vislumbra o mercado em sua nova área de atuação.

“Este curso me trouxe muitos conhecimentos técnicos e me ajudará muito a conseguir um emprego, como a montar o meu próprio negócio. A área do turismo tem um potencial muito grande na nossa região e eu acredito que muitas oportunidades surgirão não só para mim, mas para todos que fizeram este curso”, comentou.

Ao todo, 37 turmas receberam a certificação em cursos de Assistente Administrativo, Assistente de Recursos Humanos, Auxiliar de Laboratório de Saúde, Balconista de Farmácia, Operador de Computador, entre outros. Por causa da pandemia do novo coronavírus, a solenidade foi transmitida nas redes sociais do Ieptec.

Gladson Cameli pontuou que sua administração tem priorizado a educação profissionalizante. De acordo com o governador, o Estado faz a sua parte em auxiliar o mercado de trabalho com a formação de mão de obra qualificada. Ele assegurou ainda a continuidade destes cursos para o próximo ano.

“A nossa juventude precisa estar qualificada e preparada para ir em busca de emprego. O governo tem procurado trazer investidores para o nosso estado e isso vai demandar bons profissionais. Além disso, precisamos fomentar o empreendedorismo. No que depender da nossa gestão, vamos seguir ofertando cursos de qualificação para quem tiver interesse”, argumentou Cameli.

Nova realidade

Francineudo Costa, presidente do Ieptec, destacou os esforços da instituição para se adaptar a nova realidade enfrentada pelo mundo. O gestor citou a estruturação de um moderno estúdio para a gravação das videoaulas.

“Dentro deste contexto da pandemia, o Mec [Ministério da Educação] criou essa oportunidade de criarmos curso de qualificação de formação profissional por meio de educação a distância para continuarmos com as nossas ações”, afirmou.

Presente no evento, o deputado federal Alan Rick ressaltou que tem utilizado seu mandato no fortalecimento da educação profissionalizante. “Já destinamos mais de cinco milhões de reais em recursos para reformularmos as escolas e comprar equipamentos para ajudarmos a ofertar estes cursos aos estudantes do Acre”, frisou.