A gestão eficiente feita pela prefeita Socorro Neri (PSB), foi crucial para modernização de importantes setores da administração municipal. Com cortes em gastos não essenciais a prefeita enxugou a máquina e investiu em melhorias da infraestrutura de dezenas de bairros e comunidades rurais.

O sistema previdenciário da capital Rio Branco é exemplo para muitas cidades, sendo um ponto positivo para quem entrar na prefeitura não dor de cabeça alguma.

As secretarias de saúde e educação são geridas como sendo carro chefe das últimas administrações e continuam bem estruturadas, a exemplo das secretarias de infraestrutura e serviços urbanos.

Bocalon assume a prefeitura dia primeiro de janeiro sem grandes problemas que o impeça de iniciar bem seu mandato, até porque receberá de Socorro Neri as condições que um prefeito precisa.

O desafio principal será cumprir promessas grandes, como abrir 5 mil vagas em Creches, asfaltar ramais e impulsionar o setor produtivo da maior cidade do estado.

Bocalon obteve quase 63% dos votos válidos e precisa se debruçar em dar retorno satisfatório ao eleitorado que o elegeu e também aos quase 40% que votaram em Socorro Neri.